Prótese total capítulos

Organizado por: Lilian Vitt
Visualizações: 74
Classificação: (0)
Eduardo Passos Rocha
Publicado por:     Detalhes do Produto
 

5 capítulos

Autor Editora Formato Comprar item avulso Adicionar à Pasta
Medium 9788536702513

Capítulo 1 - Conceitos fundamentais e exame clínico

Sérgio Russi; Eduardo P. Rocha Grupo A PDF Criptografado

1

Conceitos fundamentais e exame clínico

SÉRGIO RUSSI

JOÃO NEUDENIR ARIOLI FILHO

CONCEITOS FUNDAMENTAIS

SISTEMA ESTOMATOGNÁTICO

O sistema estomatognático é uma entidade fisiológica funcional, perfeitamente definida e integrada por um conjunto de órgãos cuja biologia e fisiopatologia são absolutamente interdependentes.

Apresenta dois componentes:

• componente anatômico: todas as estruturas duras e moles do crânio, face e pescoço, incluindo a clavícula e osso externo;

• componentes fisiológicos: oclusão dentária, periodonto, articulações temporomandibulares (ATMs) e mecanismo neuromuscular.

Trata-se de um sistema complexo e equilibrado, controlado por um complexo mecanismo neurológico e intimamente relacionado com o restante do organismo.1

OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM:

• Identificar as diversas fases do exame clínico e suas características.

• Conhecer os aspectos relacionados ao diagnóstico e ao prognóstico para a indicação de prótese.

Ver todos os capítulos
Medium 9788536702513

Capítulo 2 - Moldagens em prótese total

Sérgio Russi; Eduardo P. Rocha Grupo A PDF Criptografado

2

Moldagens em prótese total

SÉRGIO RUSSI

JOÃO NEUDENIR ARIOLI FILHO

Em prótese total, a moldagem tem por objetivo reproduzir em negativo toda a superfície da área de suporte e dos tecidos periféricos.

Como a área de suporte é recoberta por tecidos moles com estrutura histológica, espessura, rigidez e compressibilidade variadas, observam-se áreas que podem ser comprimidas e áreas que não toleram compressão durante a moldagem.

OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM:

Em toda moldagem em prótese total, ocorre alguma deformação dos tecidos moles moldados. Essa deformação deve ser mínima, respeitando os limites de tolerância fisiológica dos tecidos, para que não fiquem distorcidos.

• Conhecer as principais técnicas de moldagem e os materiais necessários para sua realização.

Antes da execução da moldagem, é fundamental o conhecimento básico da anatomia e das estruturas que delimitam a área que receberá a prótese total, bem como do “fator 3M” (moldeiras, materiais e métodos).

Ver todos os capítulos
Medium 9788536702513

Capítulo 3 - Relações intermaxilares

Sérgio Russi; Eduardo P. Rocha Grupo A PDF Criptografado

3

Relações intermaxilares

SÉRGIO RUSSI

JOÃO NEUDENIR ARIOLI FILHO

OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM:

As relações intermaxilares compreendem todo o relacionamento estático e dinâmico entre a maxila e a mandíbula nos sentidos vertical e horizontal, lateral e anteroposterior. Nesse relacionamento, são considerados três fatores importantes, detalhados a seguir:

• bases de prova e plano de orientação;

• dimensão vertical – plano vertical;

• relação central – plano horizontal.

• Compreender o que são bases de prova e quais suas principais finalidades.

• Conhecer os aspectos relacionados à determinação do plano de orientação.

• Entender o que é dimensão vertical e conhecer os métodos existentes para determiná-la.

• Entender o que é relação central e conhecer os métodos existentes para determiná-la.

BASES DE PROVA:

PLANO DE ORIENTAÇÃO

Nos pacientes edentados totais, as bases de prova, que representam os dentes perdidos e parte dos rebordos reabsorvidos, constituem um recurso extremamente necessário para o registro das relações intermaxilares e montagem dos dentes. São constituídas de uma base geralmente de resina acrílica quimicamente ativada e um plano de cera que tenha consistência para não se deformar nas fases clínicas, favorecendo a montagem dos dentes.

Ver todos os capítulos
Medium 9788536702513

Capítulo 4 - Seleção dos dentes: provas funcionais

Sérgio Russi; Eduardo P. Rocha Grupo A PDF Criptografado

4

Seleção dos dentes: provas funcionais

SÉRGIO RUSSI

JOÃO NEUDENIR ARIOLI FILHO

Dentes bonitos e com aparência saudável representam jovialidade, feminilidade, virilidade, entre outros atributos positivos. Por esse motivo, a seleção dos dentes artificiais tem um forte impacto psicológico. Além disso, os dentes são os elementos que individualizam a prótese e, portanto, sua seleção deve ser criteriosa, levando em conta as características e expectativas de cada paciente.

A seleção dos dentes artificiais não é um processo mecânico, mas uma fase clínica que requer do cirurgião-dentista experiência clínica, poder de observação e conhecimento básico de cores, estética dental e harmonia dentofacial, principalmente nos casos em que não há antecedentes de cor, forma, tamanho e posição dos dentes.1

A seleção dos dentes inclui a análise da cor, da forma, do tamanho, do material e da superfície oclusal, fatores detalhados a seguir.

OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM:

Ver todos os capítulos
Medium 9788536702513

Capítulo 5 - Ajuste oclusal: instalação das próteses

Sérgio Russi; Eduardo P. Rocha Grupo A PDF Criptografado

5

Ajuste oclusal: instalação das próteses

SÉRGIO RUSSI

JOÃO NEUDENIR ARIOLI FILHO

O ajuste oclusal refere-se basicamente a um refinamento da oclusão para eliminar interferências causadas por modificações na posição dos dentes. Tais modificações podem ocorrer durante as fases clínico-laboratoriais ou ser resultado das alterações dimensionais da resina acrílica durante a polimerização, alterando a oclusão e a dimensão vertical original. O ajuste oclusal pode ser realizado por meio de desgaste seletivo.1

O ajuste oclusal é o recurso indispensável e prioritário para a correção da oclusão, pois os contatos prematuros são lesivos às estruturas de suporte causando movimentação da prótese, deformações na fibromucosa, prejudicando a adaptação da prótese, além de trauma tecidual, inflamação, dor, desconforto e reabsorção

óssea do rebordo. 2

Em uma prótese total, por estarem unidos a uma mesma base, os dentes são solidários entre si, de modo que um contato prematuro em um dente poderá movimentar toda a prótese. Por essa característica biomecânica, a prótese total requer uma oclusão do tipo bilateral com um equilíbrio oclusal mecanicamente correto.

Ver todos os capítulos

Detalhes do Produto

Livro Impresso
eBook
Capítulos

Formato
PDF
Criptografado
Habilitada
SKU
UR32783094698
ISBN
 
Tamanho do arquivo
0 Bytes
Impressão
Desabilitada
Cópia
Desabilitada
Vocalização de texto
Não
Formato
PDF
Criptografado
Habilitada
Impressão
Desabilitada
Cópia
Desabilitada
Vocalização de texto
Não
SKU
Em metadados
ISBN
Em metadados
Tamanho do arquivo
Em metadados