Reconhecimento e Justiça

Organizado por: Lucas Sakai
Visualizações: 143
Classificação: (0)
Publicado por:     Detalhes do Produto

4 capítulos

Autor Editora Formato Comprar item avulso Adicionar à Pasta
Medium 9788597007930

23. Axel Honneth: Reificação e Democracia na Sociedade do Consumo

BITTAR, Eduardo Carlos Bianca Grupo Gen PDF Criptografado

23

AXEL HONNETH:

REIFICAÇÃO E DEMOCRACIA

NA SOCIEDADE DO CONSUMO

23.1 AXEL HONNETH E A ATUALIDADE DA ESCOLA DE

FRANKFURT

Axel Honneth (1949-) é, desde 2001, o atual Diretor do Instituto de

Pesquisas Sociais de Frankfurt, na Alemanha. O IfS é um instituto de pesquisas nascido em 3 de fevereiro de 1923 (Institut für Sozialforschung), e que congrega intelectuais identificados com as causas sociais e dos trabalhadores.

Por isso, é considerado um importante centro de inteligência do marxismo ocidental. A partir de então, e nas mãos de um de seus mais prestigiados diretores, Max Horkheimer, o Instituto passa a significar um ponto de referência da literatura que acaba se tornando o centro das reflexões em Teoria

Crítica, e o lugar por excelência das pesquisas interdisciplinares sobre sociedade e história. Identificados a um só tempo com os estudos empíricos da sociedade vindo da sociologia e com as reflexões mais abstratas da filosofia, a Teoria Crítica se incumbe da produção de uma hermenêutica do tempo, e, por isso, desenvolve uma metodologia específica para tratar das questões de cada momento histórico. Entre os que engrossam as fileiras dos teóricos críticos estão Theodor Adorno, Max Horkheimer, Walter Benjamin, Erich

Ver todos os capítulos
Medium 9788597014341

30 - Axel Honneth: Justiça, Reconhecimento e Liberdade

BITTAR, Eduardo C. B.; ALMEIDA, Guilherme Assis de Grupo Gen PDF Criptografado

30

AXEL HONNETH: JUSTIÇA,

RECONHECIMENTO E LIBERDADE

Axel Honneth nasceu no ano de 1949. Atualmente é professor de Filosofia na Universidade de Columbia (New York), na Universidade J. W Goethe (Frankfurt) e diretor do Instituto de Pesquisas Sociais (em Frankfurt) desde 2001.

Entre suas principais obras destacamos: The critique of power: reflective stages in a critical social theory (1991 (1985)).1 Luta por reconhecimento: a gramática moral dos conflitos sociais (2003 (1992)), Sofrimento de indeterminação: uma reatualização da filosofia do direito de Hegel (2007 (2001)) e seu último livro, Das recht der freiheit: grundriss einer demokratischen sittlichkeit (2011) com tradução para o inglês Freedom’s right: the social foundations of democratic life (new directions in critical theory) a ser lançada em fevereiro de 2014.

A discussão a respeito da definição de liberdade é um tema que permeia a história da filosofia e se destaca como o principal valor da sociedade moderna.2

Ver todos os capítulos
Medium 9788547214777

9 Axel Honneth e a Teoria Crítica dos Conflitos Sociais

RODRIGUEZ, José Rodrigo Editora Saraiva PDF Criptografado

9

Axel Honneth e a Teoria Crítica dos Conflitos Sociais

Nathalie Bressiani

Felipe Gonçalves Silva

Axel Honneth se consolidou nas últi‑

que isso, é importante frisar que, para as‑

mas décadas como referência no debate

sumir uma postura crítica perante a so‑

contemporâneo em filosofia e teoria so‑

ciedade, Honneth não se vê obrigado a fa‑

cial. Responsável por sublinhar a impor‑

zer uso de ideais normativos exteriores ou

tância dos conflitos sociais para os pro‑

princípios transcendentes de justiça. Pelo

cessos práticos de transformação da

contrário, ele se contrapõe diretamente

sociedade e por desenvolver uma teoria

ao pensamento utópico ao defender que

crítica centrada no conceito de luta por re‑

apenas uma teoria que parte de potenciais

conhecimento, seu trabalho tem fornecido

intramundanos de transformação é efeti‑

ferramentas importantes para a compre‑

Ver todos os capítulos
Medium 9788547214777

1 Crítica da Ideologia e Emancipação Marx, o direito e a democracia

RODRIGUEZ, José Rodrigo Editora Saraiva PDF Criptografado

1

Crítica da Ideologia e Emancipação

Marx, o direito e a democracia

Rúrion Melo

Introdução

Karl Marx se tornou mundialmente conhecido por suas críticas à economia capitalista e pela perspectiva revolucioná‑ ria que seu pensamento legou para os mo‑ vimentos socialistas e as teorias marxis‑

resses de classe em jogo nas sociedades capitalistas modernas. Essa perspectiva crítica o levou a duas conclusões cheias de consequências tanto teóricas como práti‑ cas: primeiro, a emancipação social não seria possível sob as condições capitalis‑

tas que o sucederam. No entanto, Marx

tas existentes, de modo que a possibilidade

não se limitou a denunciar a lógica de fun‑

efetiva de realização da liberdade e da

cionamento do modo de produção capita‑

igualdade passava a depender de uma

lista e a diagnosticar os seus limites. Ele

transformação revolucionária do capita‑

também criticou a ordem institucional

lismo; segundo, caberia ao direito e à de‑

Ver todos os capítulos

Detalhes do Produto

Livro Impresso
eBook
Capítulos

Formato
PDF
Criptografado
Sim
SKU
UR70771891127
ISBN
 
Tamanho do arquivo
0 Bytes
Impressão
Desabilitada
Cópia
Desabilitada
Vocalização de texto
Não
Formato
PDF
Criptografado
Sim
Impressão
Desabilitada
Cópia
Desabilitada
Vocalização de texto
Não
SKU
Em metadados
ISBN
Em metadados
Tamanho do arquivo
Em metadados