6336 capítulos
Medium 9788520437636

32. Carnitina

ROSS, A. Catharine; CABALLERO, Benjamin; COUSINS, Robert J. Editora Manole PDF Criptografado

32

Carnitina*

Charles J. Rebouche

Panorama histórico . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

Química e nomenclatura. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

Fontes de dieta . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

Necessidades e ingestões recomendadas . . . . . . . . . . .

Mecanismos homeostáticos. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

Absorção e biodisponibilidade. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

Biossíntese. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

Transporte e excreção. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

Funções no metabolismo. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

Oxidação dos ácidos graxos de cadeia longa na mitocôndria . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

Ver todos os capítulos
Medium 9788520432679

2. Mecanismos de participação democrática, transparência e accountability

GALVÃO JR., Alceu de Castro; MELO, Alisson José Maia; MONTEIRO, Mario Augusto P. Editora Manole PDF Criptografado

2

Mecanismos de participação democrática, transparência e accountability

Liliane Sonsol Gondim

Ivo César Barreto de Carvalho

CRISE DE LEGITIMAÇÃO DEMOCRÁTICA DA AGÊNCIA

REGULADORA E NECESSIDADE DE SUPERAÇÃO

Observa-se que a introdução, no ordenamento brasileiro, da figura da agência reguladora promoveu uma ruptura com o modelo administrativo adotado desde a edição do Decreto-lei n. 200, de 25 de fevereiro de 1967.

Esse modelo pressupunha a organização administrativa de forma piramidal, enquanto a gênese das agências reguladoras, nos ordenamentos jurídicos estrangeiros, guarda relação com uma administração policêntrica. É o que sustenta Gustavo Binenbojm (2008, p.245):

No contexto britânico, a instituição de administrações independentes – as primeiras surgidas já no século XIX – é fenômeno intrinsecamente relacionado ao peculiar modelo de organização político-administrativa do país, que pode ser caracterizado, em oposição do modelo piramidal europeu continental, como policêntrico. [grifos nossos]

Ver todos os capítulos
Medium 9788520437636

27. Cobalamina (vitamina B12)

ROSS, A. Catharine; CABALLERO, Benjamin; COUSINS, Robert J. Editora Manole PDF Criptografado

27

Cobalamina (vitamina B12)*†

Ralph Carmel

Contexto histórico. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 369

Bioquímica. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 370

Métodos analíticos. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 370

Cobalamina sérica. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 371

Ácido metilmalônico. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 372

Homocisteína . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 373

Holotranscobalamina II. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 373

Nutrição e biodisponibilidade . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 374

Absorção. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 374

Ver todos os capítulos
Medium 9788520438930

12. O "Neocosteiro": lições de uma experiência de pesquisa e formação doutoral interdisciplinar em meio ambiente e desenvolvimento

PHILIPPI JR., Arlindo; FERNANDES, Valdir Editora Manole PDF Criptografado

capítulo

12

O "Neocosteiro": lições de uma experiência de pesquisa e formação doutoral interdisciplinar em meio ambiente e desenvolvimento

José Milton Andriguetto Filho1, Oceanógrafo, UFPR

Cristina Teixeira, Socióloga, UFPR

Naína Pierri, Socióloga, UFPR

Carlos Alberto Cioce Sampaio, Administrador, PUC-PR

Natália Tavares de Azevedo, Socióloga, UFPR

Luiz Francisco Ditzel Faraco, Biólogo, ICMBIO

Thiago Zagonel Serafini, Oceanógrafo, Unifesp

Juliana Lima Spínola, Bióloga, UFPR

Introdução1

Este capítulo analisa a experiência de construção coletiva de pesquisa interdisciplinar de um grupo formado pelos autores, todos professores ou egressos do Programa de Pós-graduação em Meio Ambiente e Desenvolvimento da

Universidade Federal do Paraná (PPGMADE-UFPR). O processo se desenvolveu entre 2008 e 2012 e, seguindo a metodologia do programa, teve por objetivo levar à elaboração das teses de doutoramento, tendo como tema geral os sistemas produtivos da pesca na costa Sul-Sudeste do Brasil e as práticas e políticas de gestão ambiental associadas.

Ver todos os capítulos
Medium 9788520437858

63. Endoscopia digestiva pediátrica

MOURA, Eduardo Guimarães Hourneaux de; ARTIFON, Everson Luiz de Almeida; SAKAI, Paulo Editora Manole PDF Criptografado

ENDOSCOPIA DIGESTIVA

PEDIÁTRICA

63

Manoel Ernesto Peçanha Gonçalves

Silvia Regina Cardoso

Diamari Caramelo Ricci Cereda

INTRODUÇÃO

O exame endoscópico em crianças é de fácil execução, apresenta baixa morbidade e poucas complicações, contribuindo de forma definitiva para o diagnóstico, o tratamento e o acompanhamento evolutivo de várias doenças do trato digestório.

A endoscopia pediátrica teve seu início no final do século passado com a utilização de instrumentos rígidos e, até o início dos anos 1960, restringia-se à remoção de corpos estranhos e à dilatações de estenoses. Após o advento da fibra óptica nos anos

1960, dos videoendoscópios nos anos 1990, do aperfeiçoamento dos instrumentos utilizados para procedimentos terapêuticos e do refinamento de aparelhos e técnicas anestésicas, a endoscopia pediátrica se expandiu, sendo hoje um exame fundamental na prática clínica1. Pode ser realizado em pacientes de todas as faixas etárias, mesmo em recém-nascidos prematuros e de baixo peso.

Ver todos os capítulos

Visualizar todos os capítulos