111 capítulos
Medium 9788577808748

Observando os tipos

Gavin Ambrose, Paul Harris Grupo A PDF Criptografado

BDT_001-176

1/4/06

8:25 AM

Page 10

Observando os tipos

Cliente: Royal Academy of Arts

Design: Why Not Associates

Resumo tipográfico:

Logotipo com contraformas preenchidas, especialmente desenvolvido para o material promocional da exposição

(WK)

Job:01-76355 Title:Basic Design-Typography

175# Dtp:119 Page:10

BDT_001-176

3/31/06

10:13 PM

Page 11

10 11

Observando os tipos

Dentro de seu amplo espectro, a tipografia contém uma rica terminologia especializada, à qual designers e tipógrafos recorrem quando examinam ou descrevem as faces de tipos e suas características. Embora cada termo tenha um significado específico, algumas definições sofreram distorções ao longo do tempo ou foram alteradas pelo uso comum, o que pode causar confusão. Por exemplo, muitas pessoas se referem, equivocadamente, a “oblíquas” como “itálicas” somente porque ambas são inclinadas.

Muitos desses termos, tais como “entrelinha” e “quadratim”, têm origem na indústria da impressão com tipos de metal. Até o explosivo impacto da tecnologia da informação, ocorrido recentemente, essa indústria era o alicerce da tipografia. Alguns outros termos – incluindo denominações para partes de um caractere – datam de épocas ainda mais remotas, tendo sua origem na cantaria.

Ver todos os capítulos
Medium 9788577800728

3 Como os fãs se conectam

Irving Rein, Philip Kotler, Ben Shields Grupo A PDF Criptografado

3

Como os fãs se conectam

65

Como os fãs se conectam

Hal precisa tomar uma decisão. Ao elaborar seu orçamento anual, fixou em 2 mil dólares o investimento em esporte. No ano anterior, gastou esse valor em uma viagem de Miami a Londres só para assistir a um jogo do Chelsea Football Club, no estádio

Stamford Bridge. Hal gostou demais da experiência, mas ficou sem verba para gastos com esportes pelo restante do ano. Precisou contentar-se com ficar em casa, sentado à frente da televisão. Neste ano ele procura distribuir melhor os seus dólares, a fim de obter deles o maior rendimento possível em matéria de esportes. As opções são comprar ingressos para a arquibancada superior nos jogos do Florida Marlins ou um pacote de 20 jogos do Miami Heat. Um folder publicitário que recebeu do Miami

Hurricanes informa não apenas que ele teria direito a ingressos para os jogos da temporada mas igualmente que, na condição de egresso da Universidade da Florida, poderia comparecer a eventos especiais. Ultimamente ele passou a se interessar pelos eventos da NASCAR e gostaria de assistir a provas regulares da temporada e da

Ver todos os capítulos
Medium 9788582600610

Capítulo 10 - Produção

Toby Meadows Grupo A PDF Criptografado

o

P

0:

ro

p

Ca

í

1 o l tu

çã u d

T

alvez a parte mais intimidante de se ter um marca

de moda própria seja o como e o onde fazer o produto.

Encontrar um fabricante que faça o produto com a qualidade e na quantidade que você precisa, e a um preço que permita que seu plano de negócios seja lucrativo, pode ser muito difícil. Este capítulo apresenta esse processo.

Opções de fabricação

Entender os detalhes técnicos do processo de fabricação* é muito importante, pois o coloca em uma posição melhor na hora de tomar a decisão mais adequada para o seu produto e para a cadeia de fornecimento como um todo.

Algumas opções de fabricação são:

Interna:

Comum entre as marcas iniciantes em que o designer tem conhecimento técnico em modelagem e pilotagem;

Permite a produção de quantidades muito pequenas;

Você pode controlar a qualidade de perto;

Pode ser problemática quando há produção de pedidos maiores;

Ver todos os capítulos
Medium 9788540701465

Introdução

Kathryn Best Grupo A PDF Criptografado

Introdução

8

Gestão do design é o gerenciamento bem-sucedido de pessoas, projetos, processos e procedimentos que estão por trás da criação dos produtos, serviços, ambientes e experiências que fazem parte de nossa vida diária.

Envolve também a gestão das relações entre diferentes disciplinas (como design, gestão, marketing e finanças) e diferentes papéis (clientes, designers, equipes de projeto e stakeholders).

A indústria criativa (também conhecida como

“economia criativa”) inclui as áreas de design, artesanato, publicidade, arquitetura, moda, cinema, música, TV, rádio, artes cênicas, produção editorial e software interativo. As atuais tendências globais relacionadas à criatividade nos segmentos de design identificam essa indústria como um dos setores que mais crescem no mundo e um dos melhores veículos para ampliar a vantagem competitiva entre as empresas comerciais e mesmo entre os países. Além disso, há uma crescente demanda por um enfoque mais holístico do impacto cultural, ambiental, político e social produzido pelo modus operandi das empresas comerciais e outras organizações. E como o design, por sua própria natureza, trata da solução de problemas a partir de uma perspectiva centrada nas pessoas, proporciona uma abordagem mais integrativa e holística para a solução dos desafios contemporâneos “mundiais”.

Ver todos os capítulos
Medium 9788540701779

Apêndice

Gini Stephens Frings Grupo A PDF Criptografado

Apêndice

Diretrizes de carreira

Como você vai se posicionar no mundo da moda? Escolher uma carreira – não apenas um emprego, mas um trabalho que você goste e construa para o futuro – é uma das decisões mais importantes de sua vida. Este livro vai ajudar você a tomar essa decisão.

Este apêndice procura dar uma visão realista das possibilidades de carreira na moda. Ele investiga as oportunidades de emprego nas áreas de produtos têxteis, moda, design, marketing, produção, varejo e promoção. Ao planejar a sua carreira, você deve primeiro entender a si mesmo, seus talentos e suas ambições, e só então deve aplicar essas habilidades e interesses no campo que lhe oferece melhores oportunidades de emprego.

442

Apêndice

A INDÚSTRIA TÊXTIL

Se você gosta de trabalhar com tecidos, encontrará várias possibilidades de emprego interessantes na indústria têxtil. Uma grande variedade de pessoas qualificadas e talentosas é necessária, incluindo artistas para criar novos modelos, cientistas para desenvolver fibras e acabamentos e especialistas em marketing para comercializar as fibras para as fábricas e os tecidos para os fabricantes.

Ver todos os capítulos

Visualizar todos os capítulos