134 capítulos
  Título Autor Editora Formato Comprar item avulso Adicionar à Pasta
Medium 9788520431092

5. Festa infantil: da expectativa ao sucesso

Marlene Matias Manole PDF Criptografado

5

Festa infantil: da expectativa ao sucesso

Idália Jaqueline Fernandes Almeida Ramos

Introdução

O presente trabalho tem por objetivo mostrar como proceder para organizar uma festa infantil e quais cuidados serão necessários para que se atinja um público-alvo tão específico.

O maior desafio da realização de uma festa infantil é justamente organizar um evento que agrade o público específico, no caso, crianças, e que atenda

às exigências dos adultos. Muitas vezes ocorre que todo o evento acaba sendo elaborado para contemplar a preferência dos adultos.

Este texto vai abordar especificamente a organização de uma festa infantil em espaços especializados, como buffets e outros.

Conceituação

Para Giácomo (1993, p. 45), “evento é um mix da comunicação, que tem por objetivo minimizar esforços, fazendo uso da capacidade sinérgica da qual dispõe o poder expressivo no intuito de engajar pessoas numa ideia ou ação”.

Esse mix de comunicação é exatamente a essência de um evento bem organizado, pois entre todos os objetivos propostos pelo evento o mais importante é a interação entre as pessoas.

Ver todos os capítulos
Medium 9788520436363

Introdução à Parte 2

Antonio Carlos Aidar Sauaia Manole PDF Criptografado

Introdução à Parte 2

No papel de protagonistas em um dos cargos gerenciais, cada participante no jogo de empresas foi apoiado na produção de uma pesquisa aplicada (Sauaia, 2009a; 2009b). Nessa pesquisa revisitaram-se teorias, modelos, conceitos e técnicas. Selecionou-se uma ferramenta de gestão, funcional ou sistêmica, para aproveitar oportunidades e pontos fortes, neutralizar ameaças e pontos fracos, criando significados dinâmicos aos conteúdos estáticos memorizados nas demais disciplinas. Na tentativa de adicionar valor à empresa, cada estudante exercita o pensamento crítico na disciplina Laboratório de Gestão.

A estrutura da pesquisa aplicada tem sido semestralmente revisada.

Em cada estudo foi realizada uma revisão de literatura sobre o modelo funcional selecionado pelo pesquisador. A seguir, o modelo foi ilustrado com dois casos reais de organizações que o adotaram em sua gestão, um de sucesso e outro de fracasso. Por fim inovou-se no ambiente do jogo de empresas ao se introduzirem temas transversais da atualidade: a sustentabilidade (econômica, social e ambiental), a política (o indivíduo que participa opina e influencia o coletivo em processos eleitorais) e a cidadania

Ver todos os capítulos
Medium 9788520433256

5. Posicionamento estratégico de mercado

Luiz Arnaldo Biagio Manole PDF Criptografado

5

Posicionamento estratégico de mercado

Objetivos deste capítulo

Definir posicionamento de mercado.

Salientar a importância do planejamento a médio e longo prazos.

Apresentar as vantagens e desvantagens dos mercados com grande potencial de crescimento.

Demonstrar como se pode extrair o potencial máximo de uma ideia.

Demonstrar a necessidade de inovar continuamente tanto os produtos como os processos e os modelos de negócio.

Por que alguém compraria seu produto?

Você já participou de uma pescaria? Se for um pescador experiente, talvez já tenha se comportado da forma descrita a seguir. Caso não seja, siga estas dicas: inicialmente, deve-se procurar um trecho do rio ou do oceano onde exista a maior concentração de peixes; de preferência, um local onde não existam outros pescadores por perto, e somente após ter encontrado o local para pescar é que se organiza e seleciona as iscas, prepara os anzóis e lança a linhada.

Por analogia, para identificar oportunidades de negócio para o seu empreendimento, você deverá procurar aquele trecho de mercado em que poderá encontrar a

Ver todos os capítulos
Medium 9788520435816

Introdução

Marlene Matias Manole PDF Criptografado

Introdução

Evento é um acontecimento que, desde as suas origens, na antiguidade, e em sua trajetória histórica até chegar aos tempos modernos, sempre envolve várias pessoas nas diversas fases do seu planejamento e organização, como também atrai um grande número de participantes.

Atualmente, o evento, em função dos objetivos fixados, do grande número de pessoas que envolve e das diversas expectativas e necessidades que essas pessoas apresentam, tornou-se uma importante atividade econômica e social, que deve ser tratada de forma profissional. Isto é, para o sucesso da atividade é imprescindível que a associação, empresa e/ou indústria promotora do evento contrate os serviços de um “organizador de eventos”. Assim, para maior segurança e eficiência na prestação dos serviços, é aconselhável que seja contratada uma empresa organizadora de eventos.

Para a contratação desta, recomenda-se a abertura de um processo de licitação e/ou de concorrência em que estarão previstos os critérios e requisitos necessários para a participação.

Ver todos os capítulos
Medium 9788520424070

Manual do Instrutor

Ricardo Costa Neves do Amaral Manole PDF Criptografado

Manual do Instrutor

Este é um roteiro para um instrutor ou professor que pretende adotar este livro em sala de aula, apresentando, de forma resumida e em tópicos, os itens principais sobre o tema.

CRUZEIROS MARÍTIMOS

Roteiro

• O que é um cruzeiro marítimo;

• Cruzeiros – passado, presente e futuro;

• Quem é o pax de cruzeiros marítimos no mundo;

• Vantagens de se vender cruzeiros marítimos;

• Regiões de cruzeiros no mundo;

• Objeções a alguns mitos sobre cruzeiros;

• Como escolher o cruzeiro ideal;

• Procedimento para a venda;

• Marketing voltado para destinos;

• Tipos de porto e de estação marítima;

• Tendências.

123

124

Cruzeiros Marítimos

O que é um Cruzeiro Marítimo

Pela variedade de opções de lazer, conforto e acomodações que oferece, um navio de cruzeiro pode ser definido como um “Resort Flutuante”.

Além de transportar e alimentar o passageiro, um navio desse tipo proporciona inúmeras alternativas de lazer, garantindo tranqüilidade, conforto e segurança e colocando à disposição do passageiro todos os elementos necessários para seu lazer (shows, festas, discoteca, bares, cassino, restaurantes, cinema).

Ver todos os capítulos
Medium 9788520431443

3. Um plano de negócio

Marcelo Nakagawa Manole PDF Criptografado

3

Um plano de negócio

O

termo em inglês business plan passou a ser traduzido e utilizado no

Brasil como plano de negócio ou plano de negócios. Não há explicação para o motivo da palavra business1 ser mais traduzida para o português na sua forma plural (negócios). O fato é que plano de negócios é muito mais utilizado do que plano de negócio. Mas o que é observado na maioria das situações é o planejamento de um negócio e não de vários negócios; por essa razão, neste livro, é utilizado o termo plano de negócio2.

Se você entender que um negócio possui propósitos específicos (lucros, continuidade e significado) e que os gestores desses negócios têm expectativas diferentes a respeito desses propósitos (sobrevivência, estilo de vida, crescimento organizado e crescimento agressivo), é possível discutir se esses gestores tendem a elaborar estratégias para os seus negócios ou não. Isso pode ser feito intuitiva e informalmente, como pregam os defensores da Escola Empreendedora de estratégia. Nesse caso, a estratégia está dentro da cabeça do dono da empresa, mas ela também pode ser induzida, organizada, documentada e gerenciada, como afirmam os autores das Escolas do Planejamento Formal da estratégia.

Ver todos os capítulos
Medium 9788520430972

Anexo 4 – Análise do Desempenho de Forças e Fraquezas – Check-list

Luiz Arnaldo Biagio Manole PDF Criptografado

Anexo 4

Análise do Desempenho de Forças e Fraquezas – Check-list

Book 1.indb 303

1/13/16 15:06

304

Plano de Negócios – Estratégia para Micro e Pequenas Empresas

Check-list para análise de desempenho das forças e fraquezas

GRAU DE

IMPORTÂNCIA

DESEMPENHO

Força

Força

impor- não imtante

portante

Neutro

Fraqueza importante

Fraqueza não importante

ALTA MÉDIA BAIXA

MARKETING

Reputação da empresa

Participação no mercado

Qualidade do produto

Qualidade do serviço

Eficácia do preço

Eficácia da distribuição

Eficácia da promoção

Eficácia da força de vendas

Eficácia da propaganda

Eficácia da inovação

Força da marca

Formulação de estratégias

Lealdade do cliente

Diferenciação de produtos

Cobertura geográfica

(continua)

Book 1.indb 304

1/13/16 15:06

Anexo 4

305

Check-list para análise de desempenho das forças e fraquezas

Ver todos os capítulos
Medium 9788520435816

Parte III – Associações, empresas e/ou indústrias promotoras de eventos e estratégias para o desenvolvimento de eventos

Marlene Matias Manole PDF Criptografado

PA R T E I I I

Associações, empresas e/ou indústrias promotoras de eventos e estratégias para o desenvolvimento de eventos

CAPÍTULO

4

A estrutura jurídica das organizações promotoras de eventos

As organizações promotoras de eventos possuem papel fundamental no planejamento da atividade, pois é com base na estrutura jurídica dessas organizações que as características dos eventos são definidas.

De acordo com a estrutura jurídica, as organizações promotoras de eventos podem ser classificadas em associações, indústrias ou empresas.

Segundo o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas –

Sebrae/MG, “as associações, em um sentido amplo, são qualquer iniciativa formal ou informal que reúne pessoas físicas ou outras sociedades jurídicas com objetivos comuns, visando superar dificuldades e gerar benefícios para os seus associados”.

Com base nesse conceito, pode-se dizer que, formalmente, uma associação é uma forma jurídica de legalizar a união de pessoas em torno de seus interesses e que sua constituição permite a construção de condições maiores e melhores do que as que os indivíduos teriam isoladamente para a realização dos seus objetivos.

Ver todos os capítulos
Medium 9788520435816

Parte IV – Aspectos teóricos e práticos do planejamento e organização de eventos

Marlene Matias Manole PDF Criptografado

PA R T E I V

Aspectos teóricos e práticos do planejamento e organização de eventos

CAPÍTULO

7

Planejamento e organização de eventos

As fases do processo de planejamento e organização de eventos são:

Concepção: incorporação da ideia;

ÊÊ Pré-evento: planejamento e organização;

ÊÊ Per ou Transevento: realização;

ÊÊ Pós-evento: avaliação e encerramento.

ÊÊ

Concepção

Antes de organizar um evento, é importante que a ideia seja incorporada por alguns empreendedores, que começarão a lhe dar forma mediante o levantamento do maior número possível de elementos, tais como:

ÊÊ

ÊÊ

ÊÊ

ÊÊ

ÊÊ

Reconhecimento das necessidades desse evento;

Elaboração de alternativas para suprir as suas necessidades;

Identificação dos objetivos específicos;

Coleta de informações sobre os participantes, patrocinadores, entidades e outras instituições em potencial;

Listagem dos resultados desejados;

Ver todos os capítulos
Medium 9788520430972

Anexo 2 – Diagnóstico de Oportunidades – Check-list

Luiz Arnaldo Biagio Manole PDF Criptografado

Anexo 2

Diagnóstico de Oportunidades –

Check-list

CHECK-LIST PARA DIAGNÓSTICO DE OPORTUNIDADES

Book 1.indb 289

Questões

01 A empresa tem acesso a laboratórios de pesquisa e desenvolvimento de grandes empresas, universidades etc.?

Status

( ) sim ( ) parcialmente ( ) não

02

A empresa conhece os processos de seus clientes a ponto de identificar defeitos e falhas nesses processos?

( ) sim ( ) parcialmente ( ) não

03

A empresa conhece a filosofia de qualidade de seus clientes a ponto de sugerir modificações e aprimoramentos?

( ) sim ( ) parcialmente ( ) não

1/13/16 15:05

290

Book 1.indb 290

Plano de Negócios – Estratégia para Micro e Pequenas Empresas

Questões

04 Existem novas tendências ou mudanças identificadas que determinam alterações no comportamento do consumidor?

Status

( ) sim ( ) parcialmente ( ) não

05

Existem processos conhecidos que, combinados, podem dar origem a um benefício maior que a soma das partes?

Ver todos os capítulos
Medium 9788520416624

Glossário

Adriana Moreira Amado Manole PDF Criptografado

Glossário

Área de Livre Comércio: Integração entre países em que há acordo e onde todas as tarifas são eliminadas dentro do bloco.

Área de Tarifas Preferenciais: Integração entre países em que há acordo de tarifas menores para países do bloco em transações entre eles.

Balanço de Pagamentos: Registro de todas as transações de um país com o exterior.

Bens finais: Não utilizados na produção de outros bens.

Bens intermediários: Utilizados na produção de outros bens.

Capital: Máquinas, equipamentos, ferramentas, instalações, ou dinheiro para comprá-los.

Conflito distributivo: Conflito entre vários participantes (p.ex., capitalistas e trabalhadores) por parte maior da renda total da economia.

Desutilidade: Falta de utilidade, perda de utilidade.

Eficiência Marginal do Capital: Rentabilidade esperada do investimento.

Fatores de produção: É o que se utiliza na produção: trabalho, capital, terra e recursos naturais.

Fluxo circular de renda: fluxo de rendimentos recebidos pelas famílias

Ver todos os capítulos
Medium 9788520436363

9. Análise custo-volume-lucro no auxílio à tomada de decisão

Antonio Carlos Aidar Sauaia Manole PDF Criptografado

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12

Análise custo-volume-lucro no auxílio à tomada de decisão

Yudi Miaguchi

Antonio Carlos Aidar Sauaia

INTRODUÇÃO

Para o sucesso da equipe no ambiente de tomada de decisão, os gestores das cinco áreas funcionais e o presidente devem obter o maior volume de dados úteis. Decisões embasadas nas teorias permitem à equipe analisar seus resultados e criticá-los, ajustando assim as novas decisões, para que proporcionem o desempenho almejado. Tal ideia no laboratório de gestão refere-se ao aprimoramento contínuo pela prática do conhecimento e internalização por meio da vivência. Adotou-se, nesta pesquisa, o ponto de equilíbrio como ferramenta de auxílio à gestão, analisando sua relevância no âmbito gerencial, sua utilidade para o processo de decisão no jogo de empresas e sua contribuição para atingir objetivos e metas traçados. Embora a ferramenta tenha sido utilizada para maximizar a rentabilidade do acionista (TIR – taxa interna de retorno), o ponto de equilíbrio pode beneficiar outros aspectos que não os econômicos, como a sustentabilidade, a política e a cidadania. O método de pesquisa adotado foi o estudo de caso aplicado à empresa Macrosoft, que operava na indústria Novevinte. Foi realizada a coleta e a análise de dados durante dois anos de operações, sendo os desvios confrontados com a teoria. O estudo ilustrou a importância de uma ferramenta para a análise custo-volume-lucro no auxílio à gestão, permitindo identificar os fatores que mais influenciaram o desempenho da empresa e sinalizando

Ver todos os capítulos
Medium 9788520436363

11. Orçamento empresarial: uma ferramenta de apoio à decisão

Antonio Carlos Aidar Sauaia Manole PDF Criptografado

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12

Orçamento empresarial: uma ferramenta de apoio à decisão

Allan Komatsu Ferreira

Antonio Carlos Aidar Sauaia

INTRODUÇÃO

Em mercados competitivos e sujeitos à incerteza, um dos recursos para enfrentar as constantes mudanças do ambiente macroeconômico e do microeconômico são as ferramentas financeiras de planejamento. O objetivo deste estudo foi verificar a aplicabilidade da ferramenta orçamento empresarial para agilizar a tomada de decisões, agregando ao processo maior clareza e objetividade. O referencial teórico abordou a tomada de decisão, o planejamento financeiro baseado no orçamento empresarial, em um jogo de empresas como método experimental. A elaboração do orçamento foi feita conforme o esperado. Apesar da execução não ter sido realizada em sua plenitude, os resultados obtidos durante o jogo de empresas permitem afirmar que o uso do orçamento traria benefícios durante o processo de decisão, garantindo aos gestores maior foco e agilidade, além de melhores resultados. O orçamento exigiu conhecimento especializado dos gestores e, apesar de trabalhoso ao implantar e operar, poderia trazer agilidade à tomada de decisão, propiciando análises recorrentes mais ágeis e precisas, favorecendo um desempenho superior. O uso dessa ferramenta no laboratório de gestão parece ter promovido maior contato dos gestores com os conceitos associados, permitindo a prática da teoria sobre orçamento empresarial.

O estudo de planejamento e controle financeiro, com foco na elaboração e execução de uma peça orçamentária, é um tema de crescente im-

Ver todos os capítulos
Medium 9788520416624

Questões para Recapitulação Geral

Adriana Moreira Amado Manole PDF Criptografado

Questões para Recapitulação Geral

Estas questões estão divididas em três séries, para permitir a professores a aplicação de três testes diferentes com o mesmo grau de dificuldade, assim como para fazer os estudantes verificarem mais de uma vez se fixaram os conhecimentos obtidos com o texto.

Série 1

Primeira Parte

Nas próximas dez questões você deve ler com atenção as afirmativas e assinalar em cada uma verdadeiro (V) ou falso (F), conforme convier.

Pode haver qualquer número de alternativas verdadeiras ou falsas.

177

Noções de Macroeconomia

1. Julgue os itens a seguir, assinalando verdadeiro (V) ou falso (F):

(1) O PIB nominal inclui a inflação e impede a comparação de dados de dois anos diferentes, caso se esteja em um contexto inflacionário.

(2) O PIB real corresponde ao PIB nominal depois de deduzida a inflação.

(3) O PIB real inclui a inflação e os juros nominais.

(4) Os índices de preços permitem a elaboração de séries com valores reais.

Ver todos os capítulos
Medium 9788520431092

4. Um casamento de sonho

Marlene Matias Manole PDF Criptografado

4

Um casamento de sonho

Renata Cajuela Pastorelli

Introdução

Este capítulo tem como objetivo auxiliar e facilitar a preparação de um casamento, desde uma simples recepção até uma grande festa, passando por todas as etapas do planejamento, o que é necessário fazer e quanto tempo antes do casamento é melhor pesquisar e contratar os profissionais.

É apresentado também o passo a passo do planejamento para que os noivos não esqueçam nenhum detalhe e para que nem tudo fique para a última hora, a fim de que esse momento único e muito especial na vida do casal torne-se inesquecível.

Conceitos

Antes de falar sobre o casamento, trataremos rapidamente do noivado. Este já foi muito diferente, com direito a pedido formal, quando o noivo pedia para o pai da noiva sua mão em casamento. Atualmente os casais conversam e resolvem se casar; o pedido é feito por meio de surpresa ou presente e, depois, só comunicam família e os amigos a decisão tomada. Tudo começa com o noivado. É a partir dele que o planejamento e os preparativos do casamento serão feitos.

Ver todos os capítulos

Carregar mais