7679 capítulos
Medium 9788580552249

Capítulo 8 - Avaliação de Ações

Stephen A. Ross, Randolph W. Westerfield, Bradford D. Jordan, Roberto Lamb Grupo A PDF Criptografado

PARTE III

8

Avaliação de Ações

OBJETIVOS DE APRENDIZADO

O objetivo deste capítulo é que, ao seu final, você compreenda:

OA1 A dependência dos preços das ações em relação aos dividendos futuros e ao crescimento dos dividendos.

Valoração de Fluxos de Caixa Futuros

OA2 As diferentes maneiras de eleger o conselho de administração no Brasil e nos Estados Unidos.

OA3 O papel do conselho fiscal nas empresas brasileiras.

OA4 Como funcionam os mercados de ações nos Estados Unidos e no Brasil.

QUANDO O MERCADO DE AÇÕES

FECHOU no dia 8 de maio de 2008, a ação ordinária da McGraw-Hill, editora de livros universitários de qualidade, estava em $40,80 por ação. No mesmo dia, as ações da empresa de viagens marítimas Carnival Corp. fecharam a $40,46, e as ações da desenvolvedora de software Adobe Systems fecharam a $39,24.

Visto que os preços das ações dessas três empresas eram muito semelhantes, você poderia pensar que as três ofereceriam dividendos semelhantes aos seus acionistas, mas não.

Ver todos os capítulos
Medium 9788577808120

Fase 1 - Condução da pesquisa

Wheeler, Alina Grupo A PDF Criptografado

1 : condução da pesquisa

Fase 1

Auditoria de marketing

Para o reposicionamento de uma organização, a revitalização e o redesign de um sistema de identidade ou o desenvolvimento de uma nova identidade para empresas em processo de fusão, é necessário estudar as comunicações e os instrumentos de marketing utilizados no passado. A identificação do que funcionou bem e teve sucesso, ou mesmo do que não funcionou, proporciona lições valiosas na criação de uma nova identidade. As fusões de empresas apresentam as situações de auditorias mais desafiadoras possíveis, pois duas empresas que antes eram concorrentes estão agora em sintonia.

As auditorias de marketing são usadas para estudar e analisar metodicamente todos os sistemas de marketing, comunicação e identi-

dade, tanto os existentes quanto os que estão fora de circulação. O processo examina minuciosamente a marca e suas múltiplas expressões ao longo do tempo. Para desenvolver uma visão do futuro da marca de uma organização, é necessário ter ideia da sua história.

Ver todos os capítulos
Medium 9788547230005

13.2. FUNÇÃO LM (DEMANDA E OFERTA DE MOEDA)

SAMPAIO, LUIZA Editora Saraiva PDF Criptografado

706 Macroeconomia Esquematizado®

Luiza Sampaio

Portanto, quanto mais horizontal (menos inclinada) a curva IS, mais sensível

é o investimento à taxa de juros e menos sensível é a poupança ao nível de renda, ou seja, o multiplicador deve ser maior.

Quanto mais vertical (mais inclinada) a curva IS, menos sensível é o investi‑ mento à taxa de juros e mais sensível é a poupança ao nível de renda, ou seja, o mul‑ tiplicador deve ser menor.

JJ 13.2. 

FUNÇÃO LM (DEMANDA E OFERTA DE MOEDA)

Demanda total de moeda é a soma da demanda de moeda para transação (Lt) e para especulação (Ls).

L = Lt + Ls

Lt = demanda de moeda para transação e precaução. Quanto maior o nível de renda, maior a necessidade dos agentes em ter moeda para realizarem suas transa‑

ções. O impacto da variação na renda sobre a demanda vai depender da sensibilidade ou elasticidade – renda da demanda por moeda (k).

Ls = demanda de moeda para especulação. É uma função inversa da taxa de juros. É a opção entre reter títulos ou moeda. Se a taxa de juros estiver alta, há ten‑ dência de cair e de valorizar os títulos10. Nessa situação, quem tem títulos vai retê­‑los.

Ver todos os capítulos
Medium 9788597010886

1 Os Fundamentos do Coaching

Arnaldo Márion Grupo Gen ePub Criptografado

 

“Coaching é desbloquear o potencial de pessoas e maximizar seu desempenho e resultados”.

Gallwey

A ideia de coaching ainda é estranha para muitas pessoas, por isso é comum que o coaching seja confundido com atividades similares, treinamentos motivacionais, ou relacionado a ajudar pessoas a crescerem ou passarem por uma transição profissional ou pessoal; contudo, a grande maioria tem dificuldade em definir o coaching e o que realmente ele faz.

Por isso, nossa jornada começa com esta pergunta:

O QUE É O COACHING?

Para o International Coaching Federation (ICF),1 o coaching profissional é:

Uma parceria com o cliente em um instigante e criativo processo que os inspira a maximizar o seu potencial pessoal e profissional, que é particularmente importante no ambiente incerto e complexo de hoje.

O ICF ainda afirma que: “O coach honra o cliente como o expert em sua vida e trabalho e acredito que cada cliente é criativo, inventivo e completo. Baseado neste fundamento o coach é responsável por”:

Ver todos os capítulos
Medium 9788520436363

1. O Laboratório de Gestão como ambiente de aprendizagem

Antônio Carlos Aidar Sauaia Manole PDF Criptografado

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12

O Laboratório de Gestão como ambiente de aprendizagem

Ouço e esqueço;

Vejo e recordo;

Faço e compreendo!

Confúcio

Aprendizagem Vivencial

Num Laboratório de Gestão, você testará os seus limites, tomando decisões organizacionais e conhecendo em seguida os resultados produzidos por elas. A aprendizagem prática ocorrerá de duas formas complementares:

■■

■■

Testando seus conhecimentos por meio da gestão no jogo de empresas.

Praticando os modelos da teoria em uma pesquisa aplicada desenvolvida individualmente pelos membros dos grupos concorrentes no jogo de empresas.

Ao contrário do que ocorre em aulas expositivas (Tabela 1.1), nas quais o professor desempenha o papel principal (enfoque no ensino), em um

“jogo de empresas”, o papel principal é desempenhado pelo participante

(enfoque na aprendizagem).

Tabela 1.1 –

Ensino x Aprendizagem.

Métodos

Técnicas

Foco

Ver todos os capítulos

Visualizar todos os capítulos