451 capítulos
Título Formato Comprar item avulso Adicionar à Pasta

21. Método Trezentos com Ênfase no Peer Instruction para o Curso de Administração

PDF Criptografado

Método Trezentos

21 com Ênfase no Peer

Instruction para o

Curso de Administração

Coordenadora Nancy Okada

Resumo

A experiência intitulada “Método Trezentos com ênfase no Peer Instruction para o curso de Administração” tem o intuito de compartilhar a metodologia vivenciada pelos alunos e a equipe docente do curso de Administração da Universidade do Oeste Paulista – Unoeste, situada na cidade de Presidente Prudente, em São Paulo, com o objetivo de reduzir o índice de reprovações nas disciplinas que exigem base lógica e matemática por meio da utilização de duas metodologias ativas de ensino: Método Trezentos e Peer Instruction. A monitoria, que antes era realizada em horários fora do período de aulas – o que dificultava a frequência dos estudantes –, passa a ser realizada durante o período de aulas dessas disciplinas. O método propõe, inicialmente, uma avaliação diagnóstica da turma como base para a escolha dos monitores que, a partir de então, passam a liderar um grupo de trabalho com a função de auxiliar os demais integrantes na resolução de exercícios. Ao final dos trabalhos, é realizada outra atividade avaliatória para verificar a melhora de desempenho dos alunos. Além disso, o grupo também avalia seu monitor.

Ver todos os capítulos

23. Empreendedorismo como Estratégia de Desenvolvimento de Capacidades Empreendedoras nos Estudantes de Administração da FAE Centro Universitário – PREMIADO COM DISTINÇÃO

PDF Criptografado

Empreendedorismo

23 como Estratégia de

Desenvolvimento de Capacidades

Empreendedoras nos Estudantes de

Administração da FAE

Centro Universitário –

PREMIADO COM

DISTINÇÃO

Coordenadora Edna Regina Cicmanec

Resumo

Ao longo dos seus 62 anos de história, a FAE Centro Universitário tem investido constantemente na formação de qualidade, o que faz com que seja reconhecida por seu ensino de excelência e seu forte diferencial humanista.

O curso de bacharelado em Administração da FAE figura como um dos principais cursos da instituição, e é reconhecido como um dos melhores cursos de Administração do sul do Brasil.

Ao reconhecer, no fim da década de 2000, o empreendedorismo como uma das peças centrais de um ensino modernizado, o grupo gestor da FAE deparou-se com o desafio de elaborar um conjunto

187

Miolo_InovacaoEnsinoAprendizagem_1ed.indd 187

25/07/2019 20:34:15

INOVAÇÃO EM ENSINO E APRENDIZAGEM

Ver todos os capítulos

13. Implementação de uma Metodologia Inovadora de Ensino através da Utilização de Situações-Problemas Reais e Regionais – PREMIADO COMDISTINÇÃO

PDF Criptografado

Implementação de

13 uma Metodologia

Inovadora de Ensino através da Utilização de

Situações-Problemas

Reais e Regionais –

PREMIADO COM

DISTINÇÃO

Coordenador Rogério Narciso Gomes

Resumo

O curso de Administração do Centro Universitário de Jaguariúna – UniFAJ procurou, desde sua origem, integrar a teoria à prática por meio da implementação de diversas metodologias ativas que possibilitem a conexão eficaz do conhecimento com o mundo real. Uma das técnicas mais utilizadas para esse objetivo é a do estudo de caso.

Muito embora essa metodologia, na sua versão tradicional, seja uma ferramenta largamente utilizada, buscamos aproveitar a boa inserção regional para prover casos reais em sala de aula.

Trabalhar o conceito de estudo de caso real e regional, contextualizado, em que o estudante possa participar e atuar nele, e não apenas discutir um caso que já ocorreu e que foi fora do seu contexto, foi o grande objetivo.

Assim, o programa denominado Desafio foi formatado com o objetivo de oferecer experiência prática aos alunos, que foram estimulados a pensar em problemas reais, investigar alternativas

Ver todos os capítulos

11. Inovação no Ensino e Aprendizagem em Administração: Iniciativas Exitosas na Região Sudeste

PDF Criptografado

Inovação no Ensino e Aprendizagem

11 em Administração:

Iniciativas Exitosas na

Região Sudeste

Cintia Rodrigues de Oliveira Medeiros

Universidade Federal de Uberlândia

Diogenes de Sousa Bido

Universidade Mackenzie

Desde 1990, a Associação Nacional dos Cursos de Graduação em Administração vem marcando a história do ensino de graduação em Administração, constituindo-se como um espaço propício para o compartilhamento de experiências relacionadas aos desafios e oportunidades do curso de Administração, entre coordenadores(as), professores(as) e estudantes. A comunidade acadêmica e empresarial tem acompanhado os eventos promovidos, as parcerias realizadas e a consolidação de uma proposta que emergiu das preocupações genuínas sobre os rumos da educação e formação de administradores(as).

As reflexões sobre o curso de Administração e a proposta de contribuir continuamente com a comunidade acadêmica e empresarial levaram a mais esta iniciativa: premiar as IES e os cursos pelas atividades inovadoras no ensino de administração, de modo a compartilhar suas experiências exitosas, por região, considerando as particularidades de cada uma delas. No âmbito da região Sudeste, nove propostas foram submetidas para concorrer à premiação, um número expressivo de respostas ao contexto desafiador do ensino de graduação em Administração.

Ver todos os capítulos

7. A Região Centro‑Oeste Brasileira e o Acessoao Ensino Superior: Considerações sobre os Cursos de Administração

PDF Criptografado

A Região Centro­‑Oeste

7 Brasileira e o Acesso ao Ensino Superior:

Considerações sobre os Cursos de

Administração

Profa. Dra. Josiane Silveira de Oliveira

Universidade Federal de Goiás

Prof. Dr. Tomás de Aquino Guimarães

Universidade de Brasília

A região Centro-Oeste brasileira é composta pelos estados de Mato

Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás, Tocantins e o Distrito Federal. De acordo com dados do IBGE (2019), a região possui mais de 14 milhões de habitantes, sendo que 88% dessa população reside nos espaços urbanos das cidades. Aproximadamente 46% se autodeclara como pretos ou pardos, 42% como brancos,

1,46% como amarelos e 0,93 como indígenas. Além disso, 49% são homens e 51% são mulheres. Goiás é o Estado mais populoso da região, com cerca de 6 milhões de pessoas, seguido por Mato Grosso, com 3 milhões, Distrito

Federal, com 2,57 milhões, e Mato Grosso do Sul, com cerca de 2,45 milhões de habitantes (IBGE, 2019).

Ver todos os capítulos

10. Indústria 4.0

PDF Criptografado

Capítulo 10

Indústria 4.0

ADMINISTRAÇÃO EM PRODUÇÃO E OPERAÇÕES

| 128 |  

10. ��Indústria 4.0

• Entender o significado da Indústria 4.0 e suas etapas.

• Compreender a adoção da automação dos serviços e o conceito de loT.

• O que se espera do projeto e do perfil do trabalho na Indústria 4.0.

Ouça a síntese deste capítulo em menos de 5 minutos.

Professor, acesse www.empreende.com.br para obter material complementar com sugestões de atividades e suas aplicações.

A Origem da Indústria 4.0

O termo “Indústria 4.0” foi introduzido em 2011 pelo Communication Promoters Group a partir de um consórcio de pesquisadores denominado Industry-Science Research Alliance, promovido pelo Governo Alemão. Os principais países envolvidos na geração de soluções para viabilizar a Indústria 4.0 são, além da Alemanha, China, Japão, Coréia do Sul, Inglaterra e Estados

Unidos. Esses países e seus pesquisadores e agências governamentais estão, desde então, empenhados em gerar soluções e condições para a operacionalização desse novo modelo de negócio empresarial.

Ver todos os capítulos

5. Previsão da Demanda

PDF Criptografado

Capítulo 5

Previsão da

Demanda

ADMINISTRAÇÃO EM PRODUÇÃO E OPERAÇÕES

| 64 |  

5. ��Previsão da

Demanda

• Entender a importância da previsão da demanda para a gestão de negócios empresariais.

• Compreender a diferença entre itens de demandas dependentes e independentes.

• Saber utilizar os principais métodos qualitativos e quantitativos para previsões de demanda, utilizando as planilhas do Microsoft Excel®.

Ouça a síntese deste capítulo em menos de 5 minutos.

Professor, acesse www.empreende.com.br para obter material complementar com sugestões de atividades e suas aplicações.

A Importância da previsão de demanda

As previsões de demanda são crucias para as empresas, pois servem de ponto de partida para diversos controles, como o planejamento do fluxo de caixa do negócio, o planejamento da produção (PCP) e da fábrica, o controle dos estoques e gestão do processo de compras de mercadorias e de desenvolvimento da rede de fornecedores e as políticas de marketing, além de outras áreas de decisões estratégicas.

Ver todos os capítulos

4. Tipos de Arranjo Físico e Balanceamento de Processos em Linha

PDF Criptografado

Capítulo 4

Tipos de

Arranjo Físico e

Balanceamento de Processos em

Linha

ADMINISTRAÇÃO EM PRODUÇÃO E OPERAÇÕES

| 50 |  

4. ��Tipos de

Arranjo Físico e

Balanceamento de Processos em

Linha

• Conhecer diferentes tipos de arranjo físico

(layout) de processos produtivos e de processos de prestação de serviços.

• Aprender a projetar ou avaliar o arranjo físico a partir de fatores quantificáveis.

• Aprender a balancear processos em linha.

No arranjo físico posicional, o produto a ser produzido ou o cliente a ser tratado no processo de prestação de serviços fica estacionado e os recursos de transformação (máquinas, ferramentas, instrumentos, pessoas etc.) são deslocados até ele, conforme o necessário. Nos processos de manufatura de aviões e navios (manufatura por projeto), por exemplo, é utilizado o arranjo físico posicional, pois eles são demasiadamente grandes para serem deslocados em uma linha ou entre centros de processamento (figura 4.1).

Ver todos os capítulos

19. Dificuldades de aprendizagem

PDF Criptografado

CAPÍTULO

19

Dificuldades de aprendizagem

ANA LUIZA PILLA LUCE

LEILA RAQUEL RUSSOWSKY BRUNONI

CLAUDIA BERLIM DE MELLO

INTRODUÇÃO

A aprendizagem é o processo pelo qual os indivíduos adquirem novos conhecimentos, desenvolvem competências e mudam seu comportamento após expostos a novas experiências. É influenciada por fatores socioeconômicos, ambientais, nutricionais, biológicos, culturais, étnicos e pedagógicos. É um processo dinâmico que provoca uma transformação qualitativa e permanente no cérebro. Há aprendizados que são inatos, como andar e falar; outros, como a aprendizagem da leitura e da escrita, exigem a interação de muitas habilidades e mobilização de estratégias individuais que envolvem funções neuropsicológicas, como memória, atenção, consciência fonológica, funções visuoperceptivas e um bom domínio da linguagem oral. Por isso, é frequente que a dificuldade de aprendizagem seja percebida no momento de ingresso da criança na escola formal.

Ver todos os capítulos

22. Doenças neuromusculares

PDF Criptografado

CAPÍTULO

22

Doenças neuromusculares

EDMAR ZANOTELI

ACARY SOUZA BULLE OLIVEIRA

ROBERTO DIAS BATISTA PEREIRA

INTRODUÇÃO

As doenças neuromusculares compõem um grupo de transtornos caracterizados pelo envolvimento da unidade motora, a qual é composta por corpo neuronal localizado na medula, nervo periférico, placa mioneural e tecido muscular (Figura 22.1). Alguns grupos de doenças que afetam o trato corticoespinal na medula espinal, o cerebelo e as vias espinocerebelares também são incluídos nas doenças neuromusculares, em razão de acarretarem comprometimento motor. Do ponto de vista clínico, a manifestação predominante é a fraqueza muscular com hipotonia e arreflexia (doenças que afetam a unidade motora) ou hipertonia e hiper-reflexia (doenças que afetam os neurônios motores superiores). Envolvimento concomitante de outros sistemas neurológicos, como cognição, disfunção de esfíncteres e sensibilidade, ocorre apenas excepcionalmente.

As doenças neuromusculares podem ser divididas conforme a região acometida:

Ver todos os capítulos

33. Leucemias e tumores sólidos na infância

PDF Criptografado

CAPÍTULO

33

Leucemias e tumores sólidos na infância

SILVIA REGINA CAMINADA DE TOLEDO

INDHIRA DIAS OLIVEIRA

INTRODUÇÃO

O câncer na infância engloba um conjunto de doenças raras, no entanto, ocupa um dos primeiros lugares como causa de morte em indivíduos com idade inferior a 15 anos. A leucemia é a neoplasia mais comum na infância, somando aproximadamente

1/3 de todos os casos. Quanto aos tumores sólidos, os do sistema nervoso central são os mais frequentes, seguidos por linfomas, neuroblastoma, sarcomas de partes moles, tumor de Wilms, tumores ósseos e retinoblastoma. Felizmente, desde a década de 1970, há um crescente aumento das taxas de sobrevida das crianças com câncer. A taxa global de sobrevida encontra-se próxima a 80%, considerando todas as neoplasias da infância tratadas com o uso de terapias citotóxicas combinadas a múltiplas drogas.

O câncer é uma doença genética e, até o momento, já foram identificados genes, doenças genéticas e fatores de predisposição que contribuem para o desenvolvimento de alguns tumores da infância, porém, a etiologia da maioria dos tumores ainda é desconhecida. Entender cada vez mais as alterações genéticas envolvidas nos processos de tumorigênese no câncer infantil tem sido fundamental para o diagnóstico e o prognóstico de diversas neoplasias. O desafio para o futuro é desenvolver estratégias terapêuticas cujo alvo seja, especificamente, as alterações genéticas. A proposta não é substituir as

735

Ver todos os capítulos

31. Erros inatos do metabolismo – Tratamento

PDF Criptografado

CAPÍTULO

31

Erros inatos do metabolismo

Tratamento

ANA MARIA MARTINS

ROSANGELA MARIA DA SILVA

MARET H. RAND

ISRAEL MANTA FERREIRA

CARMEN SILVIA CURIATI MENDES

ZELITA CALDEIRA FERREIRA GUEDES

S A N D R A O B I K AWA K YO S E N

SUELI CANOSSA

BEATRIZ JURKIEWICZ FRANGIPANI

CINTIA MALDONADO GONÇALVES

RENATA BERNARDES DE OLIVEIRA

RENATA RAMALHO SILVA

EDNA TIEMI SAKATA

INTRODUÇÃO

Os erros inatos do metabolismo (EIM) são um grupo bem peculiar de doenças que acometem toda e qualquer faixa etária.

A equipe disponível no Centro de Referência em Erros Inatos do Metabolismo

(Creim) da Escola Paulista de Medicina da Universidade Federal de São Paulo (EPM-Unifesp) é composta por um clínico, que pode ser um pediatra, geneticista ou clínico-geral, e um neurologista, associados a uma equipe mínima de enfermeira, nutricionista, fonoaudióloga, fisioterapeuta e psicóloga.

Na EPM-Unifesp, o tratamento de suporte, pelo qual todos os profissionais do Creim são responsáveis, é necessário ser aplicado a todo paciente com EIM, com o objetivo de melhorar as condições do indivíduo afetado e da sua família. O tratamento específico é possível ser realizado em cerca de 50% dos casos de EIM, podendo modificar a história natural da doença e possibilitar uma vida próxima do normal para muitos pacientes e seus familiares.

Ver todos os capítulos

20. Genitais externos ambíguos e estados intersexuais

PDF Criptografado

CAPÍTULO

20

Genitais externos ambíguos e estados intersexuais

DECIO BRUNONI

M O N I C A V A N N U C C I N U N E S L I PAY

BIANCA ALVES VIEIRA BIANCO

IEDA TEREZINHA VERRESCHI

MARIA ISABEL DE SOUZA ARANHA MELARAGNO

INTRODUÇÃO

Estados intersexuais são condições clínicas nas quais se reconhecem erros na determinação e diferenciação do sexo. A determinação do sexo é um processo que envolve a gametogênese, a fertilização e o desenvolvimento da crista gonadal, com a interação com as células germinativas para o estabelecimento da gônada sexo-específica. A diferenciação do sexo compreende os processos que levam à formação dos genitais internos e externos, maturação sexual e fertilidade. A formação gonadal a partir da crista gonadal

é fundamentalmente influenciada pela expressão do gene SRY (sex-determining region on the Y chromosome), localizado em Yp11.3, o qual desencadeia a organogênese testicular.

Na ausência do gene SRY, o primórdio gonadal organiza-se em ovário.

Ver todos os capítulos

16. Deficiência intelectual

PDF Criptografado

CAPÍTULO

16

Deficiência intelectual

MARCO ANTÔNIO DE PAULA RAMOS

DENISE M. CHRISTOFOLINI

GRAZIELA PARONETTO MACHADO ANTONIALLI

BRUNO COPRERSKI

DECIO BRUNONI

INTRODUÇÃO

O histórico a respeito do entendimento e do manejo dos indivíduos com deficiência intelectual (antes chamada de deficiência ou retardo mental) é extremamente heterogêneo. Essa condição pode ser entendida sob diversos pontos de vista, por exemplo, médico, social, pedagógico e filosófico; por outra vertente, ela pode ser abordada politicamente por organizações de pais e outras associações com os mais diversos interesses.

O objetivo deste capítulo não é revisar essas tendências, mas, sim, apresentar e discutir um roteiro diagnóstico principalmente das causas genéticas da deficiência intelectual, além de incluir métodos, técnicas e procedimentos factíveis na realidade brasileira. Diversos profissionais da saúde estão envolvidos na avaliação e na intervenção de pacientes com deficiência intelectual e no apoio a suas famílias, contudo, o diagnóstico

Ver todos os capítulos

27. Anemia falciforme

PDF Criptografado

CAPÍTULO

27

Anemia falciforme

JOSEFINA APARECIDA PELLEGRINI BRAGA

PATRÍCIA BELINTANI BLUM FONSECA

INTRODUÇÃO

As hemoglobinopatias são doenças hereditárias amplamente distribuídas por todo o mundo. Estima-se que aproximadamente 7% da população mundial seja portadora de um gene defeituoso que determina anomalia da hemoglobina e que, a cada ano, 300 a

400 mil lactentes nascem com uma forma grave da doença.

A anemia falciforme é a doença hematológica herdada mais comum que afeta o homem, sendo a doença hereditária mais prevalente no Brasil. Entre os distúrbios da hemoglobina, existem dois principais grupos: as anormalidades estruturais, que são decorrentes de alterações na sequência dos aminoácidos das cadeias da globina, representadas pela anemia falciforme, por exemplo, e as talassemias, cujo defeito é quantitativo, isto é, a síntese de uma ou mais cadeias de globina está diminuída ou, nas formas mais graves, suprimida, sendo classificadas de acordo com a cadeia da globina que foi acometida na síntese.

Ver todos os capítulos

Carregar mais