4224 capítulos
Medium 9788582604434

Apêndice C - Fatores de conversão

Robert Christopherson, Ginger H. Birkeland Grupo A PDF Criptografado

C

Fatores de conversão

Medidas de energia e potência

1 watt (W) 1 joule/s

1 joule 0,239 calorias

1 caloria 4,186 joules

1 W/m2 0,001433 cal/min

697,8 W/m2 1 cal/cm2 min–1

1 W/m2 61,91 cal/cm2 mês –1

W/m2 753,4 cal/cm2 ano –1

100W/m2 75 kcal/cm2ano –1

Constante solar:

1372 W/m2

2 cal/cm2 min–1

Sistema inglês para o sistema métrico

Medida inglesa

Multiplicada por

Medida métrica equivalente

Comprimento

Polegada (in.)

Pé (ft)

Jarda (yd)

Milha (mi)

Milha terrestre

2,54

0,3048

0,9144

1,6094

0,8684

Centímetros (cm)

Metros (m)

Metros (m)

Quilômetros (km)

Milhas náuticas

Área

Polegada quadrada (in.2 )

Pé quadrado (ft2 )

Jarda quadrada (yd 2 )

Milha quadrada (mi 2)

Acres (a)

6,45

0,0929

0,8361

2,5900

0,4047

Centímetros quadrados (cm2)

Ver todos os capítulos
Medium 9788521617129

Encarte Colorido

Paul A. Tipler, Gene Mosca Grupo Gen PDF Criptografado

ENCARTE EM CORES

As figuras a seguir reproduzem, em cores, fenômenos físicos e experimentos relacionados com mecânica quântica, relatividade e a estrutura da matéria.

As figuras estão identificadas por capítulo.



CAPÍTULO 36

Encartetipr v3 1

6/18/09 2:51:42 PM

Encartetipr v3 2

6/18/09 2:51:47 PM

CAPÍTULO 37

Encartetipr v3 3

6/18/09 2:51:52 PM

CAPÍTULO 38

Encartetipr v3 4

6/18/09 2:52:02 PM

Ver todos os capítulos
Medium 9788582715451

Capítulo 11 - Sabor

Srinivasan Damodaran, Kirk L. Parkin Grupo A PDF Criptografado

11

Sabor*

Robert C. Lindsay

CONTEÚDO*

11.1 Introdução . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 749

11.1.1  Filosofia geral . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 749

11.1.2  Métodos para análise do sabor . . . . . . . 750

11.1.3  Avaliação sensorial dos sabores . . . . . . 751

11.1.4  Mecanismos moleculares de percepção do sabor . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 752

11.2  Gosto e outras substâncias do sabor . . . . . . 753

11.2.1  Substâncias de gosto doce . . . . . . . . . . 754

11.2.2  Substâncias de gosto amargo . . . . . . . . 755

11.2.3  Substâncias de gosto salgado . . . . . . . . 761

11.2.4  Substâncias de gosto azedo . . . . . . . . . 762

11.2.5  Substâncias de gosto umami . . . . . . . . . 762

11.2.6  Substâncias de gosto kokumi e outros modificadores de sabor . . . . . . . . . . . . . . . . . 763

11.2.7  Substâncias pungentes . . . . . . . . . . . . . 765

Ver todos os capítulos
Medium 9788521635017

27 - Movimento Circular Uniforme

BREITHAUPT, Jim Grupo Gen PDF Criptografado

351

UNIDADE

27

Movimento

Circular Uniforme

SUMÁRIO

OBJETIVOS

Depois de estudar esta unidade, você será capaz de:

• converter graus em radianos

• calcular a frequência e velocidade angular de um objeto em movimento circular uniforme a partir do período

27.1

Medidas angulares

27.2

Aceleração centrípeta

27.3

Brinquedos de parques de diversão

• calcular a velocidade escalar a partir do período e do raio de rotação

• explicar por que um objeto em movimento circular uniforme está sujeito a

Resumo

Questões de revisão

uma aceleração centrípeta

• calcular a aceleração centrípeta de um objeto em movimento circular uniforme a partir da velocidade escalar e do raio de rotação

• analisar o movimento de um objeto em movimento circular uniforme em termos das forças a que está submetido

27.1

Medidas angulares

Ângulos e arcos

• O radiano (cuja abreviação é rad) é uma unidade usada para medir ângulos, definida pela rela-

Ver todos os capítulos
Medium 9788521632665

22 - Holografia Digital e Dinâmica

Cesar A. Sciammarella, Federico M. Sciammarella Grupo Gen PDF Criptografado

22

Holografia Digital e Dinâmica

22.1 Holografia Digital

O registro holográfico das imagens de um sensor eletrônico apresenta problemas especiais por causa da resolução diferente entre as placas holográficas e a resolução existente nos sensores [1, 2]. As placas holográficas conseguem atingir resoluções de 10.000 1/mm. Isso implica elementos sensores com um tamanho de 100 nm. O tamanho atual da tecnologia de sensores eletrônicos é 2,2 × 2,2 mícrons, por isso a resolução é 1/22. Esse fato tem implicações pertinentes ao espaçamento das franjas portadoras que capturam a informação espacial em três dimensões. Por causa da gravação offline, deve haver um ângulo entre o feixe do objeto e o feixe de referência (Figura 22.1). Esse ângulo pode ser relacionado com a resolução do sensor da seguinte maneira.

Em determinado ponto Pi imagem do ponto P0, no meio de gravação o passo das franjas portadoras formadas δ(P) é igual a

(P )

2 Sen

(P )

2

(22.1)

Ver todos os capítulos

Visualizar todos os capítulos