12 capítulos
Medium 9788580551907

Capítulo 13 - O papel da antropologia em um mundo globalizado

Conrad Phillip Kottak Grupo A PDF Criptografado

13

O PAPEL DA ANTROPOLOGIA

EM UM MUNDO GLOBALIZADO

Globalização: seus significados e sua natureza

Mudança climática global

Antropologia ambiental

Ataques globais à autonomia local

Desmatamento

Contato interétnico

Imperialismo cultural

Fazendo e refazendo cultura

Indigenizando a cultura popular

Este capítulo aplica uma perspectiva antropológica a questões globais contemporâneas. Começamos examinando diferentes significados do termo globalização. O fato de que certos riscos agora têm implicações globais leva a uma discussão das mudanças climáticas, ou seja, do aquecimento global.

A seguir, retomamos questões de desenvolvimento, dessa vez, junto com uma filosofia de intervenção que pretende impor a moralidade ecológica global sem a devida atenção à variação e à autonomia culturais.

Também se examina a ameaça que o desmatamento representa para a biodiversidade global. A segunda metade deste capítulo passa da ecologia aos fluxos contemporâneos de pessoas, tecnologia, finanças, informações, imagens e ideologia, que contribuem para uma cultura global de consumo.

Ver todos os capítulos
Medium 9788580551907

Capítulo 2 - Cultura

Conrad Phillip Kottak Grupo A PDF Criptografado

2

CULTURA

O que é cultura?

A cultura é aprendida

A cultura é simbólica

A cultura é compartilhada

Cultura e natureza

A cultura é abrangente

A cultura é integrada

Aplicando a antropologia à cultura popular: canções populares

A cultura é instrumental, adaptativa e mal-adaptiva

A base evolutiva da cultura

O que compartilhamos com outros primatas

Como nos diferenciamos dos outros primatas

No Capítulo 1, vimos que os seres humanos compartilham a sociedade, ou seja, a vida organizada em grupos, com outros animais

– animais sociais, como macacos, lobos e formigas. Os outros animais, sobretudo os grandes símios, têm habilidades culturais rudimentares, mas somente os seres humanos têm culturas completamente elaboradas – tradições e costumes específicos transmitidos pela aprendizagem e pela linguagem ao longo de gerações.

O conceito de cultura foi fundamental para a antropologia. Mais de um século atrás, em seu livro Primitive Culture, o antropólogo britânico Edward Tylor argumentou que as culturas, sistemas humanos

Ver todos os capítulos
Medium 9788580551907

Capítulo 8 - Gênero

Conrad Phillip Kottak Grupo A PDF Criptografado

8

GÊNERO

Sexo e gênero

Padrões de gênero recorrentes

Papéis de gênero e estratificação por gênero

Redução de estratificação por gênero – sociedades matrilineares-matrilocais

Matriarcado

Maior estratificação de gênero – sociedades patrilinearespatrilocais

Por estudar biologia, sociedade e cultura, os antropólogos estão em uma posição única para comentar a questão da natureza (predisposições biológicas) e da criação (ambiente) como determinantes do comportamento humano. As atitudes, os valores e o comportamento humanos são limitados não apenas por nossas predisposições genéticas – as quais, muitas vezes, são difíceis de identificar – mas também por nossas experiências durante a enculturação. Nossos atributos como adultos são determinados tanto por nossos genes quanto por nosso ambiente durante o crescimento e o desenvolvimento.

SEXO E GÊNERO

Na discussão sobre papéis de sexo/gênero e sexualidade humanos surgem questões relacionadas a natureza e criação. Homens e

Ver todos os capítulos
Medium 9788580551907

Capítulo 7 - Famílias, parentesco e casamento

Conrad Phillip Kottak Grupo A PDF Criptografado

7

FAMÍLIAS, PARENTESCO E CASAMENTO

Famílias

Famílias nucleares e extensivas

Industrialismo e organização familiar

Alterações no parentesco norte-americano

Aplicando a antropologia à cultura popular: famílias televisivas

A família entre os forrageiros

Descendência

Grupos de descendência

Linhagens, clãs e regras de residência

Casamento

Exogamia e incesto

O incesto é uma realidade

Endogamia

Direitos conjugais e o casamento entre pessoas do mesmo sexo

O casamento em diferentes culturas

Dote e preço ou riqueza da noiva

Alianças duradouras

Divórcio

Casamentos plurais

Poliginia

Poliandria

Antropologia hoje: cinco esposas e

55 filhos

Embora ainda seja uma espécie de ideal em nossa cultura, a família nuclear (pais e filhos) responde atualmente por menos de um quarto de todos os lares nos Estados

Unidos. Expressões tradicionais no país, como “amor e casamento”, “casamento e família” e “mamãe e papai”, já não se aplicam à maioria dos lares norte-americanos.

Ver todos os capítulos
Medium 9788580551907

Capítulo 3 - Fazendo antropologia

Conrad Phillip Kottak Grupo A PDF Criptografado

3

FAZENDO ANTROPOLOGIA

Métodos de pesquisa em antropologia cultural

Etnografia: a estratégia distintiva da antropologia

Aplicando a antropologia à cultura popular: Bones

Técnicas etnográficas

Observação e observação participante

Conversação, entrevistas e roteiros de entrevista

O método genealógico

Interlocutores culturais-chave

Histórias de vida

“Você tem feito escavações ultimamente?”

Pergunte ao seu professor quantas vezes ele ouviu essa pergunta. Em seguida, pergunte quantas vezes ele de fato participou de uma escavação. Lembre-se de que a antropologia tem quatro subcampos, dos quais apenas dois (arqueologia e antropologia biológica) exigem muita escavação, pelo menos no solo. É claro que os antropólogos culturais “desenterram” informações sobre estilos de vida variados, como fazem os antropólogos linguistas com as características da linguagem. Tradicionalmente, os antropólogos culturais têm executado uma variante sobre o tema de Jornada nas estrelas ao procurar, quando não

Ver todos os capítulos

Visualizar todos os capítulos