580 capítulos
Medium 9788527735780

Capítulo 5 Fisiologia Renal e Equilíbrio Acidobásico

COSTANZO, Linda S. Grupo Gen ePub Criptografado

● A água corporal total (ACT) representa cerca de 60% do peso corporal

● A água corporal é inversamente proporcional à gordura corporal

● A porcentagem de ACT é maior nos recém-nascidos e nos homens adultos e é menor nas mulheres adultas, nos idosos e nos in di ví duos adultos com grande quantidade de tecido adiposo.

A. Distribuição da água (Figura 5.1 e Quadro 5.1)

1. Líquido intracelular (LIC)

● Corresponde a dois terços da ACT

● Os principais cátions do LIC são o K+ e o Mg2+

● Os principais ânions do LIC consistem em proteínas e fosfatos orgânicos (trifosfato de adenosina [ATP], difosfato de adenosina [ADP] e monofosfato de adenosina [AMP]).

2. Líquido extracelular (LEC)

Corresponde a um terço da ACT

● É constituído por líquido intersticial e plasma. O principal cátion do LEC é o Na+

Ver todos os capítulos
Medium 9788527734011

9 - Gênese do Potencial de Membrana, Excitabilidade Celular e Potencial de Ação

AIRES, Margarida de Mello Grupo Gen PDF Criptografado

Gênese do Potencial de Membrana, Excitabilidade Celular e Potencial de Ação  157

Capítulo

9

Gênese do Potencial de

Membrana, Excitabilidade

Celular e Potencial de Ação

■■ Gênese do Potencial de Membrana, 158

■■ Excitabilidade Celular e Potencial de Ação, 176

Joaquim Procopio

Fernando Abdulkader

■■ Introdução, 158

■■ Relação entre carga e potencial elétrico, 158

■■ Origem das cargas elétricas, 159

■■ Papel dos canais iônicos na geração de excessos de carga, 160

■■ Geração de voltagem na membrana, 160

■■ Aproximação da célula real, 162

■■ Potencial de membrana, 163

■■ Cálculo das forças moventes para o Na+ e para o K+ no potencial de repouso, 164

■■ Perturbações do potencial de repouso, 164

■■ Modelo hidráulico do sistema célula/membrana, 166

■■ Perturbações do potencial de membrana produzidas pela abertura de canais iônicos, 168

■■ Despolarização maciça da membrana | Potencial de ação, 169

Ver todos os capítulos
Medium 9788527717007

13 - Sistema Circulatório

MOURÃO Jr., Carlos Alberto; ABRAMOV, Dimitri Marques Grupo Gen PDF Criptografado

13

Sistema Circulatório

Objetivos de estudo, 270

Conceitos-chave do capítulo, 270

Introdução, 271

Coração, 275

Vasos sanguíneos, 284

Regulação da função cardíaca, 294

Resumo, 301

Autoavaliação, 301

Mourao 13.indd 269

20.08.10 17:19:06

270 n

Fisiologia Essencial

Objetivos de estudo

Adquirir visão evolutiva do sistema circulatório

Compreender a real função da existência de um sistema circulatório fechado em humanos

Entender como funcionam o coração, as artérias, as veias e os capilares

Saber quais são os mecanismos que fazem o sangue circular e que controlam sua pressão

Explicar o ciclo cardíaco e os fenômenos que nele ocorrem

Compreender quais são os determinantes do débito cardíaco

Compreender os determinantes da pressão arterial

Descrever o papel dos rins e do sistema simpático na regulação da pressão arterial

n

Conceitos-chave do capítulo

Ver todos os capítulos
Medium 9788582714034

Capítulo 11 - Divisão Eferente do Sistema Nervoso: controle motor autonômico e somático

Dee Unglaub Silverthorn Grupo A PDF Criptografado

11

Como muitas células do sistema nervoso autônomo atuam em conjunto, elas precisam renunciar

à sua independência para funcionar como um todo, de modo integrado.

Otto Appenzeller e Emilio

Oribe, em The Autonomic

Nervous System, 1997.

Divisão Eferente do

Sistema Nervoso: controle motor autonômico e somático

TÓPICOS ABORDADOS E OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM

O sistema nervoso autônomo 359

11.1 Descrever o papel fisiológico do sistema nervoso autônomo e de suas divisões.

11.2 Comparar e diferenciar as características anatômicas e neuroquímicas das divisões simpática e parassimpática.

11.3 Descrever os processos de síntese e degradação dos neurotransmissores autonômicos.

11.4 Descrever a organização estrutural e os produtos secretados pela medula da glândula suprarrenal.

O sistema motor somático 371

11.5 Descrever a organização estrutural da junção neuromuscular.

11.6 Comparar a anatomia, os neurotransmissores e os receptores do

Ver todos os capítulos
Medium 9788580554137

Conceito de depuração

Douglas C. Eaton; John P. Pooler Grupo A PDF Criptografado

Depuração

3

OBJETIVOS

YY

YY

YY

YY

YY

YY

YY

YY

YY

Definir os termos depuração e taxa de depuração metabólica e diferenciar a depuração geral da depuração renal específica.

Listar as informações necessárias para o cálculo da depuração.

Estabelecer os critérios que precisam ser preenchidos para que uma substância possa ser usada como medida da taxa de filtração glomerular. Citar as substâncias utilizadas para medir a taxa de filtração glomerular e o fluxo plasmático renal efetivo.

Calcular, com base nos dados disponíveis, a depuração de qualquer substância excretada.

Prever quando uma substância sofre reabsorção ou secreção efetiva comparando sua depuração com a da inulina, ou pela comparação da taxa de filtração com sua taxa de excreção.

Calcular, com base nos dados disponíveis, a taxa efetiva de reabsorção ou secreção de qualquer substância.

Calcular, com base nos dados disponíveis, a fração de excreção de qualquer substância.

Ver todos os capítulos

Visualizar todos os capítulos