22782 capítulos
Medium 9788536322483

7. Vitaminas

Srinivasan Damodaran, Kirk L. Parkin, Owen R. Fennema Grupo A PDF Criptografado

Vitaminas

7

Jesse F. Gregory III

CONTEÚDO

7.1 Introdução. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

7.1.1 Objetivos . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

7.1.2 Resumo da estabilidade das vitaminas . .

7.1.3 Toxicidade das vitaminas . . . . . . . . . . . .

7.1.4 Fontes de vitaminas. . . . . . . . . . . . . . . . .

7.2 Adição de nutrientes aos alimentos . . . . . . . . .

7.3 Recomendações dietéticas . . . . . . . . . . . . . . . .

7.4 Métodos analíticos e fontes de dados . . . . . . . .

7.5 Biodisponibilidade das vitaminas . . . . . . . . . . .

7.6 Causas gerais de variação/perdas de vitaminas em alimentos . . . . . . . . . . . . . . . . . .

7.6.1 Variação inerente ao conteúdo de vitaminas . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

7.6.2 Alterações pós-colheita no teor de vitaminas dos alimentos . . . . . . . . . . . . .

7.6.3 Tratamentos preliminares: limpeza, lavagem e moagem . . . . . . . . . . . . . . . . .

7.6.4 Efeitos do branqueamento e do processamento térmico . . . . . . . . . . . . . .

Ver todos os capítulos
Medium 9788527728188

59 Avaliação e Manejo de Problemas Relacionados com os Processos Reprodutivos Masculinos

Brunner Suddarth Grupo Gen PDF Criptografado

Capítulo

59

Avaliação e Manejo de Problemas

Relacionados com os Processos

Reprodutivos Masculinos

Objetivos do aprendizado

Após ler este capítulo, você será capaz de:

1 Descrever as estruturas e a função do sistema genital masculino.

2 Discutir a avaliação de enfermagem do sistema genital masculino e identificar os exames adicionais que complementam a avaliação.

3 Discutir a causa e o manejo da disfunção sexual masculina.

4 Comparar os tipos de prostatectomia quanto às vantagens e desvantagens.

5 Usar o processo de enfermagem como referencial para o cuidado do cliente com câncer de próstata ou submetido à prostatectomia.

6 Descrever o manejo de enfermagem dos clientes com câncer de testículo.

7 Descrever os vários distúrbios que acometem o pênis, incluindo sua fisiopatologia, as manifestações clínicas e o manejo.

Glossário antígeno prostático específico (PSA): substância que é produzida pela próstata; a sua determinação é realizada em combinação com o toque retal para triagem do câncer de próstata braquiterapia: administração de radioterapia por meio de implantes internos, denominados sementes, a uma área localizada de tecido circuncisão: excisão do prepúcio da glande do pênis cistostomia: criação cirúrgica de uma abertura na bexiga criptorquidismo: defeito congênito mais comum em homens; caracteriza-se pela ausência de descida de um ou de ambos os testículos na bolsa escrotal disfunção erétil: incapacidade de alcançar ou de manter uma ereção suficiente para realizar a relação sexual; também denominada impotência doença de Peyronie: acúmulo de placas fibrosas na bainha do corpo cavernoso, provocando curvatura do pênis quando ereto ejaculação retrógrada: durante a ejaculação, o sêmen segue um trajeto para a bexiga, em lugar de sair através do pênis epididimite: infecção do epidídimo, que habitualmente desce a partir da próstata ou da via urinária infectada; pode desenvolver-se também como complicação da gonorreia, infecção por Chlamydia ou Escherichia coli espermatogênese: produção de espermatozoides nos testículos fimose: condição em que o prepúcio faz constrição, de modo que não pode ser retraído sobre a glande; a sua ocorrência pode ser congênita ou causada por inflamação e edema hidrocele: coleção de líquido, geralmente na túnica vaginal do testículo, embora também possa haver acúmulo de líquido dentro do cordão espermático hiperplasia prostática benigna (HPB): aumento ou hipertrofia não cancerosa da próstata; trata-se da condição patológica mais comum em homens idosos orquiectomia: remoção cirúrgica de um ou de ambos os testículos

Ver todos os capítulos
Medium 9788527730945

36 - Obesidade

Maria Lucia Zarvos Varellis Grupo Gen PDF Criptografado

36

Obesidade

Maria Lucia Zarvos Varellis

Introdução

A obesidade é uma doença crônica multifatorial.

Tem a condição genética como causa principal, porém a interação com fatores ambientais também pode facilitar o aumento de peso. Trata-se de uma doença crônica definida pelo acúmulo de tecido adiposo localizado ou generalizado, com causa multifatorial:

• Desequilíbrio entre ingestão alimentar e gas•

to energético diretamente relacionado com a qualidade da atividade física

Fatores endócrinos

Mecanismos adaptativos associados aos distúrbios e aos tratamentos nutricionais, farmacológicos e comportamentais.

O aumento da renda familiar, a falta de educação quanto à qualidade dos alimentos consumidos, a maior ingestão de gorduras e de alimentos industrializados e a redução na prática de atividades físicas são fatores indutores da obesidade. Uma pesquisa realizada pelo Instituto de Métrica e Avaliação para a Saúde (IHME) da

Ver todos os capítulos
Medium 9788527726573

Capítulo 8 - Casos Clínicos

Avany Maria Xavier Bon Grupo Gen PDF Criptografado

8

Casos Clínicos

Dith Medeiros de Mesquita

87

bom_CAP008_2ªemenda.indd 87

01/09/2014 14:01:40

88

Atendimento Nutricional a Crianças e Adolescentes | Visão Prática

Apresentamos a seguir dois estudos de casos clínicos muito comuns no processo de assistência nutricional.

CASO 1 | EXCESSO DE PESO

�� Identificação.  J.C., 4 anos e 7 meses, natural de Sorocaba, SP.

�� Queixa principal. Sobrepeso.

�� Antecedentes pessoais.  Criança foi amamentada exclusivamente ao seio por 15 dias. Mãe relatou que não tinha leite suficiente para a criança. Introduziu leite de vaca, engrossado com cremogema, 50 m, 8 vezes/dia. Com 2 meses de idade, introduziu sucos e aumentou o volume da mamadeira, de fórmula láctea, para 100 m/vez.

Com 4 meses, introduziu papa de frutas, sopa de legumes e caldo de feijão. Ao final do primeiro ano de vida, a criança já consumia alimentos iguais aos da família.

�� Antecedentes familiares.  Pai diabético e mãe hipertensa.

Ver todos os capítulos
Medium 9788527726788

3 - Planejamento Estratégico em Odontologia

Ricardo Lenzi, Cláudio Gonçalves Grupo Gen PDF Criptografado

3

planejamento estratégico em odontologia

Cláudio Gonçalves

foco esTrATégico – o comeÇo de quAlquer sucesso

Você realmente sabe o que faz para ganhar dinheiro?

No Altera, partilhamos a ideia de que o planejamento é essencial para a execução de uma estratégia de negócios e também cremos que é preciso ter um negócio e, principalmente, consciência da existência dele para que se obtenha retorno financeiro.

Para simplificar o raciocínio, pense da seguinte maneira: você acorda todos os dias para fazer trocas!

Seus clientes, atuais ou futuros, saem de suas casas e enfrentam o trânsito para ir até seu consultório ou clínica para realizar uma troca com você – vão lhe dar dinheiro e querem receber algo que valha a pena. Pense nisso, seja empático, coloque-se no lugar de seus clientes e pense sinceramente: vale a pena?

O segredo de fazer trocas interessantes é, em primeiro lugar, conhecer profundamente o seu cliente. Pense que quanto mais souber a respeito dele, melhor compreenderá o que faz diferença e realmente agrega valor para essas pessoas.

Ver todos os capítulos

Visualizar todos os capítulos