276 capítulos
Medium 9788521620501

Capítulo Oito - Apocalipse

Aswath Damodaran Grupo Gen PDF Criptografado

Capítulo Oito

Apocalipse

Avaliação de Empresas em Decadência

Na década de 1960, a General Motors (GM) era a locomotiva que tracionava a economia dos Estados Unidos, mas em 2009 era uma empresa em dificuldade financeira, às voltas com o risco de falência. A Sears

Roebuck (SHLD), empresa que inventou as vendas de varejo por reembolso postal, vem fechando lojas nos últimos anos, enquanto seus clientes mudam para concorrentes. Quando começam a envelhecer e a perder mercado, as empresas entram na fase final do ciclo de vida, que é o declínio. Embora os investidores e os analistas em geral as evitem, essas empresas podem oferecer oportunidades de investimento de longo prazo para investidores com estômago resistente.

As empresas em crescimento acelerado não querem se tornar empresas maduras e as empresas maduras constantemente tentam redescobrir suas raízes de crescimento. Ao mesmo tempo, nenhuma empresa madura quer entrar em decadência, com a consequente perda de lucratividade e de valor. Assim, como diferenciar entre empresas maduras e empresas decadentes? As empresas decadentes geralmente apresentam pouco potencial de crescimento, e mesmo seus ativos existentes geralmente geram retornos mais baixos que o seu custo do

Ver todos os capítulos
Medium 9789724422640

Outros asilados

Luís Bigotte Chorão Editora Almedina PDF Criptografado

ASI LO POLÍ T ICO EM T EM POS DE SA LA ZA R

Outros asilados

Num momento em que não estavam ainda encerrados os casos

Delgado e Galvão, um cidadão português de apelido Abreu — assim apenas referido na documentação diplomática — acolheu-se na

Embaixada de Cuba em Lisboa. Tratava-se de Rodrigo Teixeira Mendes de Abreu, professor do ensino liceal e técnico-profissional, e lavrador, cujo nome aparecera no Porto como candidato da oposição em 1957(450) e foi muito próximo de Delgado, tendo-o avisado, a 10 de Janeiro de

1959, estar na iminência de ser preso. Frederico Delgado Rosa refere esse aviso de Rodrigo de Abreu, e aliás também o de José Plácido

Barbosa, entre os factores decisivos para a decisão do general Delgado pedir asilo diplomático, e afasta a ideia de o aviso de Mendes de Abreu poder ter sido justificado pela ligação deste à PIDE, ponderando:

«O facto de ter mais tarde renegado, junto da PIDE, o seu passado de luta não é senão uma prova adicional de que era um oposicionista convicto e de facto, ao tempo da sua colaboração com Humberto

Ver todos os capítulos
Medium 9788520435755

Chuva de Belém do Pará

Gilles Lapouge Editora Manole PDF Criptografado

86

Dicionário dos apaixonados pelo Brasil

sileiros? Chica é uma dessas mulheres negras, talvez mais aperfeiçoada que outras, ocupando um lugar mais inacessível que suas irmãs, um lugar ao mesmo tempo ausente, proibido, inexistente e vencedor. Ela usa o poder aterrador de sua cor, de sua condição e de seu sexo para conduzir um combate quase político e talvez metafísico. Ao dominar o corpo do representante do rei em Minas Gerais, não é o poder branco que ela escraviza? A carne enigmática de Chica da Silva subjuga o corpo do rei branco de Lisboa. Assim, a negra Chica da Silva se situaria no mais secreto da inacessível identidade brasileira, no coração de seus enigmas, de seus silêncios e de seus conflitos: Chica é uma mulher. Chica é uma escrava. Chica é uma negra e, com todas essas supostas insuficiências, Chica, pelo poder mirabolante da feminilidade, se alça milagrosamente ao topo da sociedade. Sobre o tabuleiro invertido, o corpo do rei branco levou um xeque-mate.

io

Ver todos os capítulos
Medium 9789724420141

Barbarossa

Ladislas Farago Grupo Almedina PDF Criptografado

XIBarbarossaEm junho de 1940, Hitler celebrou com a sua pequena clique a queda da França e depois retirou-se para o seu refúgio de montanha, o B­ erghof, onde podia refletir melhor. E foi para este local que, menos de um mês depois, convidou para almoçar o general AlfredJodl, chefe pessoal do seu Estado-Maior de operações, com quartel­-general a bordo de um comboio especial, o «Atlas», por forma a poder seguir o Führer para onde quer que este fosse e para estar sempre à sua disposição.De forma quase casual, entre dois pratos, Hitler deu instruções a Jodl para começar a traçar planos para a invasão da Rússia. Ao regressar ao «Atlas», estacionado numa linha de serviço em R­ eichenhall, uma estância termal ali perto, Jodl convocou os seus chefes de planeamento, os coronéis Warlimont e von Lossberg, o capitão de fragata Junge e o major von Falnkenstein e transmitiu-lhes as ordens necessárias.Poucos dias depois já havia um esboço de plano preliminar, mas que tivera por base as informações disponíveis, e estas eram ­escassas.

Ver todos os capítulos
Medium 9788520435755

Bala, o homem da floresta

Gilles Lapouge Editora Manole PDF Criptografado

34

Dicionário dos apaixonados pelo Brasil

Bala, o homem da floresta

José Edisto Gonçalves Ribeiro é um homem alto, entusiasmado e com um belo rosto duro. Ele chegou a Machadinho D’Oeste, em Rondônia, há quinze anos. Vinha do litoral, da região da Bahia. Tinha vivido até então como um trabalhador da terra. Recebeu um lote no norte de Rondônia. Levou-me para visitar sua propriedade e a casa que ali construiu. Em pé, de jeans e camiseta, glorioso, mostra-me seu pedaço de terra como um castelão mostra seus domínios, faz admirar seus móveis de época, suas matilhas de cães, seus massacres de cervos, sua árvore genealógica.

Quase não consigo acompanhá-lo quando ele salta sobre os troncos de árvores que abarrotam o solo inclinado; são troncos gigantescos. Há um rio. José colocou uma prancha por cima. Essa prancha não é larga, ela se mexe um pouco e, além do mais, há os jacarés que moram no rio. Ele me espera, encorajando-me e tranquilizando-me. Se tivesse coragem, daria meia-volta, mas não tenho. José é “uma força que vai” e eu vou também.

Ver todos os capítulos

Visualizar todos os capítulos