25 capítulos
Medium 9788520438404

9. O discurso científico e suas nuances sobre comunicação e sustentabilidade

BUENO, Wilson da Costa Editora Manole PDF Criptografado

9

<�QV`Pb_`\�PVR[a~ºP\�R�`bN`� nuances  sobre  comunicação  e   sustentabilidade

Ana  Maria  Dantas  de  Maio

INTRODUÇÃO

O  discurso  científico  sobre  comunicação  e  sustentabilidade   apresentado  pela  Revista  Brasileira  de  Comunicação  Organizacional   e   Relações   Públicas   (Organicom)   constitui   rico   material   para   estudo,  considerando-se  que  a  publicação  é  tida  como  referência  para  as  pesquisas  em  comunicação  organizacional  e  relações   públicas.   Decifrar   a   interface   que   congrega   sustentabilidade   e   comunicação   a   partir   desse   corpus   representa   um   desafio,   que   decidimos  assumir  sob  a  perspectiva  da  análise  de  discurso.

Nosso  objetivo,  com  essa  leitura,  é  responder  a  cinco  perguntas:  quem  fala,  para  quem  fala,  o  que  fala,  o  que  não  fala  e  como   fala.   As   respostas   indicam   a   atribuição   de   sentido   elaborada   a   partir  do  conjunto  de  textos  examinados  e  sua  respectiva  problematização.  Entretanto,  cabe  registrar  que  cada  artigo  mereceria   uma  análise  exclusiva,  tamanha  a  amplitude  de  seus  enunciados.  

Ver todos os capítulos
Medium 9788520438442

6. As mídias sociais no ambiente de trabalho: desafio para a comunicação e para a gestão de pessoas

BUENO, Wilson da Costa Editora Manole PDF Criptografado

6

As mídias sociais no ambiente de trabalho

Mônica Aparecida de Castro

Introdução

As mídias sociais no ambiente de trabalho são tema com im‑ portância progressiva nos estudos organizacionais (Bueno, 2012;

Correa, 2009; Pessoni, 2011; Santaella, 2010; Terra, 2010; entre outros). Sua utilização demanda novos conhecimentos e habili‑ dades essenciais para o alcance de resultados positivos nesse relacionamento digital entre as organizações1 e os seus diversos públicos. Na comunicação interna, essas mídias representam grandes oportunidades e também grandes desafios para as equi‑ pes de comunicação e de gestão de pessoas2.

As mídias sociais foram criadas com características de rede, de compartilhamento e de descentralização (Cândido, 2001;

Dias, 2008; Tomaél et. al., 2005; Santaella, 2010). Compreende‑

1

Os termos organizações, instituições e empresas foram utilizados, neste capítulo, como sinônimos.

2 Neste capítulo, foram utilizados os termos gestão de pessoas e recursos humanos como sinônimos.

87

Ver todos os capítulos
Medium 9788520438404

11. Entre o discurso e a práxis da sustentabilidade: o papel da comunicação na formação da opinião pública

BUENO, Wilson da Costa Editora Manole PDF Criptografado

11

Entre  o  discurso  e  a  práxis     da  sustentabilidade:     o  papel  da  comunicação  na   formação  da  opinião  pública

Graça  Caldas

INTRODUÇÃO

Com  a  temática  ambiental  cada  vez  mais  presente  na  mídia  e   nas  agendas  governamentais  do  mundo  inteiro,  a  criação  de  indicadores   de   sustentabilidade   virou   uma   verdadeira   obsessão,   uma  vez  que  “ser  verde”  melhora  a  imagem  empresarial  e,  sobretudo,  aumenta  o  consumo.  Na  última  lista  de  2014,  das  cem   empresas   mais   sustentáveis   do   mundo   elaborada   pela   revista   canadense  Corporate  Knights,  o  Brasil  aparece  com  apenas  duas   empresas,   a   Natura   (Cosméticos),   com   o   23o   lugar,   e   a   Brasil  

Foods  (carnes,  alimentos  industrializados  e  lácteos),  com  o  95o.  

No  ranking  anterior,  de  2013,  a  Natura  ocupava  um  invejável  2º   lugar  e  o  Brasil  tinha  ainda  na  lista  internacional  outras  empresas,  como  a  Cemig  (43o  lugar),  a  Vale  (49o),  o  Pão  de  Açúcar  (74o)   e  o  Banco  do  Brasil  (100o).

Ver todos os capítulos
Medium 9788520438442

5. A comunicação organizacional em tempos de redes sociais digitais

BUENO, Wilson da Costa Editora Manole PDF Criptografado

5

A comunicação organizacional em tempos de redes sociais digitais

Elizabeth Moraes Gonçalves

Marcelo da Silva

Introdução

A evolução tecnológica aplicada à Comunicação fez emergir e fortalecer uma das características básicas da linguagem humana

– o dialogismo. No contexto organizacional, a interação propi‑ ciada pelas redes sociais digitais marca uma nova possibilidade de relacionamento entre os públicos, diminuindo as distâncias entre os interlocutores, potencializando cada voz e, consequen‑ temente, contribuindo para um processo comunicacional mais horizontalizado.

Não é novidade a existência de redes sociais que permitem o contato entre indivíduos, a troca de experiências, a busca de in‑ formações, a divulgação de fatos e acontecimentos, mas o mun‑ do virtual, a expansão da web, significou um marco nesse pro‑ cesso de comunicação – o advento das redes sociais digitais impactou de tal forma os relacionamentos que se fala hoje em redes sociais como se antes nunca tivessem existido.

Ver todos os capítulos
Medium 9788520438442

12. Avaliando as organizações nas mídias sociais: muito além das métricas

BUENO, Wilson da Costa Editora Manole PDF Criptografado

12

Avaliando as organizações nas mídias sociais: muito além das métricas

Wilson da Costa Bueno

A comunicação dos ativos intangíveis

Os ativos intangíveis, elementos fundamentais no processo de avaliação das organizações modernas pelos públicos estraté‑ gicos e pela opinião pública em geral, têm sido afetados de ma‑ neira ampla e muitas vezes dramática pela contínua exposição nas mídias sociais.

Resumidamente, o ativo intangível incorpora uma: mescla de competências individuais (conhecimento e capacita‑

ções), competências organizacionais (base de dados, tecnologias, rotinas e cultura) e relacionais (rede de relacionamentos, reputa‑

ção, lealdade) não reconhecidas como ativos sob a ótica contábil, mas percebidas como tal por clientes, fornecedores, acionistas e in‑ vestidores. (Domeneghetti e Meir, 2009, p. 3‑4)

Os ativos intangíveis não se reduzem apenas à imagem e à re‑ putação das empresas, como parece indicar parcela significativa dos trabalhos em comunicação empresarial/organizacional, mas

189

Ver todos os capítulos

Visualizar todos os capítulos