664 capítulos
Medium 9788547224745

5.4 Material de aplicação sobre o controle interno

RIBEIRO, Osni Moura Editora Saraiva PDF Criptografado

112

AUDITORIA SÉRIE EM FOCO

Deficiência significativa de controle interno é a deficiência ou a combinação de deficiências de controle interno que, no julgamento profissional do auditor, é de importância suficiente para merecer a atenção dos responsáveis pela governança (item 6, da NBC TA 265).

5.4 Material de aplicação sobre o controle interno2

O item A43, da NBC TA 315, estabelece que o material de aplicação sobre o controle interno é apresentado em quatro seções:

• natureza e características gerais do controle interno;

• componentes do controle interno;

• controles relevantes para a auditoria; e

• natureza e extensão do entendimento dos controles relevantes.

5.4.1  Natureza e características gerais do controle interno

5.4.1.1  Propósito do controle interno

O controle interno é planejado, implementado e mantido para enfrentar riscos de negócio identificados que ameacem o cumprimento de qualquer um dos objetivos da entidade com relação à:

Ver todos os capítulos
Medium 9788547228392

14.2 Produção por processo

RIBEIRO, Osni Moura Editora Saraiva PDF Criptografado

caso, simultaneamente aos registros nas fichas extracontábeis, se houver, serão feitos os registros contábeis, na conta respectiva, de modo que a qualquer momento se tenha a posição do custo devidamente registrado pela contabilidade.

Na produção por ordem, o registro dos custos diretos não oferece dificuldades, uma vez que a empresa sempre desenvolverá mecanismos que permitam a plena identificação desses custos em relação a cada unidade de produto fabricada, salvo quando optar pelo sistema de inventário periódico, situação em que os custos serão lançados­ englobadamente (veja procedimentos no Capítulo 7). Entretanto, em relação aos custos indiretos de fabricação, a identificação desses custos com os produtos a serem lançados nas respectivas ordens de produção deverá ser feita observando-se os critérios estudados nos Capítulos 9 a 12. Apenas para concluir o raciocínio em desenvolvimento, quando a fabricação for concluída antes do término do mês, momento em que o total dos CIFs ainda não é conhecido, pode-se adotar o CIF estimado ou o padrão, procedendo-se aos ajustes após o fechamento do mês. Nos casos em que, após o encerramento do mês, os produtos ainda não tenham seus processos de fabricação devidamente concluídos, bastará consultar os registros contábeis efetuados nas contas próprias para incluí-los no custo do estoque final de produtos em elaboração.

Ver todos os capítulos
Medium 9788547224745

Atividades Teóricas

RIBEIRO, Osni Moura Editora Saraiva PDF Criptografado

CAPÍTULO 1 · a AUDITORIA

• ser auditadas por interesses próprios, para:

• averiguar a confiabilidade de controles internos;

• apurar a existência de fraudes, principalmente na área financeira;

• verificar a eficácia e a eficiência de procedimentos operacionais;

• garantir maior segurança e confiabilidade nos registros contábeis;

• inibir a prática por parte dos empregados de atos lesivos ao patrimônio ou à própria imagem da organização etc.

Atividades Teóricas

Responda:

1. O que é auditoria?

2. O que é estimativa contábil?

3. O que é auditoria interna?

4. O que é auditoria independente?

5. Qual é o objetivo da auditoria externa?

6. Cite três demonstrações contábeis sujeitas à auditoria das demonstrações contábeis.

7. O que é o Audibra e em que ano foi fundada?

8. O que é o Coso e quando foi fundado?

9. O que é, quando foi fundado e onde está sediado o Iasb?

10. O que significa IFRS?

Ver todos os capítulos
Medium 9788547220839

1.7 Técnicas contábeis

RIBEIRO, Osni Moura Editora Saraiva PDF Criptografado

4

CONTABILIDADE geral SÉRIE EM FOCO

1.4 Objetivo (finalidade) da Contabilidade

O objetivo da Contabilidade é o estudo e o controle do patrimônio e de suas variações visando ao fornecimento de informações que sejam úteis para a tomada de decisões.

Dentre as informações destacam-se aquelas de natureza econômica e financeira. As de natureza econômica compreendem, principalmente, os fluxos de receitas e de despesas, que geram lucros ou prejuízos, e são responsáveis pelas variações no patrimônio líquido. As de natureza financeira abrangem principalmente os fluxos de caixa e do capital de giro.

1.5 Aspectos qualitativos e quantitativos do patrimônio

A Contabilidade estuda o patrimônio nos seus aspectos qualitativos e quantitativos. O aspecto qualitativo refere-se à expressão dos componentes patrimoniais segundo a natureza de cada um. Trata do detalhamento desses componentes, segundo a sua espécie. O aspecto quantitativo refere-se à expressão dos componentes patrimoniais em termos monetários.

Ver todos os capítulos
Medium 9788547228422

4.3 Métodos de escrituração

RIBEIRO, Osni Moura Editora Saraiva PDF Criptografado

ATIVIDADES TEÓRICAS

1.

Complete:

1.1

O Diário é um livro

.

1.2

O livro destinado ao registro do movimento individualizado de todas as contas chama-se

.

1.3

No livro Caixa, são registradas operações que envolvem

.

1.4

O livro utilizado para controlar os direitos e as obrigações denomina-se

.

2.

Coloque E se a formalidade for extrínseca ou I se for intrínseca:

2.1 ( ) A escrituração será em idioma e moeda corrente nacionais.

2.2 ( ) O livro Diário deverá conter Termos de Abertura e de Encerramento.

2.3 ( ) O Diário será encadernado com folhas numeradas em sequência, tipograficamente.

Deve conter, ainda, os termos de abertura e de encerramento.

2.4 ( ) A escrituração não poderá conter escritos nas entrelinhas.

3.

Responda:

3.1

Cite três livros utilizados pela contabilidade.

3.2

Para que serve o livro Diário?

3.3

Ver todos os capítulos

Visualizar todos os capítulos