60 capítulos
Medium 9788527732901

60 - Terapia Periodontal de Suporte

LANG, Niklaus P.; LINDHE, Jan Grupo Gen PDF Criptografado

Capítulo 60

Terapia Periodontal de Suporte

Niklaus P. Lang,1,2 Giedre Matuliene,3 Giovanni E. Salvi1 e Maurizio S. Tonetti4

Department of Periodontology, School of Dental Medicine, University of Berne, Berna, Suí­ça

2

Center of Dental Medicine, University of Zurich, Zurique, Suí­ça

3

Consultório par­ticular, Zurique, Suí­ça

4

European Research Group on Periodontology (ERGOPerio), Gênova, Itália

1

Estudos clínicos sobre os efeitos a longo prazo do tratamento da periodontite mostraram claramente que os cuidados na manutenção profissional após a terapia é parte integrante do tratamento. Essa também constitui o único meio de garantir a manutenção por um longo perío­do dos efeitos benéficos da terapia. Principalmente por rígida vigilância dos pacientes, envolvendo consultas com intervalos regulares, a reinfecção poderia ser prevenida ou mantida em uma incidência mínima em muitos pacientes. Contudo, os sistemas de manutenção apresentados em vários estudos não oferecem um conceito claro com validade geral para a fre­quência das consultas de controle e o modo da terapia de manutenção. Em alguns pacientes, existe o perigo de que reinfecção e doen­ça recorrente sejam negligenciadas, enquanto, em outros, tendência a sobretratamento.

Ver todos os capítulos
Medium 9788527732901

21 - Periodontite Agressiva

LANG, Niklaus P.; LINDHE, Jan Grupo Gen PDF Criptografado

Capítulo 21

Periodontite Agressiva

Maurizio S. Tonetti1 e Andrea Mombelli2

1

European Research Group on Periodontology (ERGOPerio), Gênova, Itália

Department of Periodontology, School of Dental Medicine, University of Geneva, Genebra, Suíça

2

A periodontite é uma infecção que pode ter muitas apresentações clínicas diferentes. Isso tem levado à identificação de diferentes síndromes clínicas. A questão que ainda não foi respondida é se essas apresentações clínicas distintas representam ou não diferentes formas de doença. Atualmente, várias linhas de evidência sustentam a existência de formas totalmente diferentes de periodontite. Essas incluem:

• As evidências crescentes e o consenso clínico de prognós•

ticos diferenciados e a necessidade de abordagens terapêuticas específicas para as várias síndromes

Heterogeneidade na etiologia com possíveis implicações terapêuticas

Possível heterogeneidade na suscetibilidade genética e am­biental.

Ver todos os capítulos
Medium 9788527732901

57 - Complicações Relacionadas a Restaurações Suportadas por Implantes

LANG, Niklaus P.; LINDHE, Jan Grupo Gen PDF Criptografado

Capítulo 57

Complicações Relacionadas a Restaurações Suportadas por Implantes

Clark M. Stanford1, Lyndon F. Cooper3 e Y. Joon Ko3

Dental Administration, University of Illinois at Chicago, Chicago, IL, EUA

Department of Prosthodontics, University of North Carolina, Chapel Hill, NC, EUA

3

Department of Prosthodontics, Unversity of Maryland, Baltimore, MD, EUA

1

2

Introdução

��

A qualidade dos implantes dentários tem melhorado significativamente desde a sua introdução terapêutica, o que tem acontecido com aumento constante do sucesso clínico e/ou da taxa de sobrevida (Cochran, 1996; Esposito et al., 1998;

Lindh et al., 1998; Jokstad et al., 2003). O aspecto biológico, conhecido como osteoi­ntegração, tem sido alvo de investigação intensiva e vem apresentando avanços notáveis. Como parte desse desenvolvimento, tem havido um contínuo esforço no aprimoramento das características de micro- e nanotopografias e das propriedades quí­micas da superfície dos implantes. Uma mudança importante da sua topografia pode ser resumida pela evolução das superfícies usinadas para superfícies com moderados graus de rugosidades. A resposta biológica superior (osteointegração) das superfícies rugosas tem sido muito bem-documentada na literatura (Astrand et al., 1999; Rocci et al., 2003; Schneider et al., 2003). O efeito cumulativo de todo esse esforço se reflete nas altíssimas taxas de sucesso biológico dos implantes dentários. Contudo, ocorrem complicações, as quais podem estar relacionadas tanto a fatores biológicos quanto a fatores protéticos. Este capítulo discute as potenciais complicações de restaurações suportadas por implantes, focando par­ticular­mente naquelas relacionadas ao aspecto protético da terapia.

Ver todos os capítulos
Medium 9788527732901

31 - Avaliação de Risco Baseado no Paciente para a Terapia com Implante

LANG, Niklaus P.; LINDHE, Jan Grupo Gen PDF Criptografado

Capítulo 31

Avaliação de Risco

Baseado no Paciente para a Terapia com Implante

Giovanni E. Salvi1 e Niklaus P. Lang1,2

Department of Periodontology, School of Dental Medicine, University of Berne, Berna, Suíça

2

Center of Dental Medicine, University of Zurich, Zurique, Suíça

1

Introdução

��

Da perspectiva do paciente, o implante com sucesso é aceitável esteticamente, confortável, de baixo custo e funcional.

Os profissionais geralmente discutem o sucesso do implante em termos do nível do osso marginal, da ausência de grande profundidade à sondagem e da inflamação da mucosa. Embora os dois critérios não estejam em conflito, eles enfatizam diferentes pontos de vista. Durante a consulta, antes que qualquer cuidado seja fornecido, o profissional deve discutir o que pode ser esperado da colocação do implante, com ba­se em desfechos centrados no paciente.

O plano de tratamento final abrangente apresentado ao paciente deve incluir todos os tratamentos dentários recomendados e as opções de tratamento. O paciente também deve ser informado sobre a se­quência dos procedimentos clínicos, riscos e custos envolvidos e o tempo de tratamento total previsto. Essa discussão entre o profissional e o paciente

Ver todos os capítulos
Medium 9788527732901

20 - Periodontite Crônica

LANG, Niklaus P.; LINDHE, Jan Grupo Gen PDF Criptografado

Capítulo 20

Periodontite

Crônica

Denis Kinane,1 Jan Lindhe2 e Leonardo Trombelli3

Departments of Pathology and Periodontology, School of Dental Medicine,

University of Pennsylvania, Filadélfia, EUA

2

Department of Periodontology, Institute of Odontology, The Sahlgrenska Academy at University of Gothemburg, Gotemburgo, Suécia

3

Research Centre for the Study of Periodontal and Peri-implant Diseases,

University Hospital, University of Ferrara, Ferrara, Itália

1

Considera-se que a periodontite crônica se inicie como uma gengivite induzida por placa (ver Capítulo 19), uma condição reversível que, sem tratamento, evolui para periodontite crônica. As lesões da periodontite crônica se distinguem por perda de inserção e perda óssea, e são consideradas irreversíveis. Neste capítulo, serão descritos vários aspectos da periodontite crônica, incluindo sua associação com a gengivite induzida por placa.

Características clínicas

Ver todos os capítulos

Visualizar todos os capítulos