131785 capítulos
Medium 9788536530833

3.6 Comando Ellipse

Cláudia Campos Netto Editora Saraiva PDF Criptografado

52

Estudo Dirigido de AutoCAD 2019

Specify fillet radius for rectangles

<30.00>:

▶▶ Thickness: estabelece uma altura (em relação ao eixo Z) para os retângulos a serem desenhados. Para ajustar esse valor, responda à questão:

Specify thickness for rectangles

<20.00>:

▶▶ Width: desenha retângulos com uma determinada espessura de linha. Para ajustar esse valor, responda:

3.6.1  Elipse Definida pelo Centro e Dois Semieixos – Center

No painel Draw selecione Ellipse, Center.

Command: _ellipse Specify axis endpoint of ellipse or

[Arc/Center]: _c.

Specify center of ellipse: P1.

Specify endpoint of axis: P2.

Specify distance to other axis or

[Rotation]: P3.

Specify line width for rectangles

<0.00>:

Depois de clicar o primeiro ponto e antes de clicar o segundo, digite seta para baixo para abrir as opções definidas em seguida:

▶▶ Area: permite entrar com a área do retângulo e a largura ou comprimento.

Ver todos os capítulos
Medium 9788547229085

2.4. Modelo Legal Brasileiro de Posse

LÔBO, Paulo Editora Saraiva PDF Criptografado

Ihering fez-se a mesma pergunta e a respondeu que a garantia do possuidor não assenta no poder físico de que é capaz de “excluir a ação de pessoas estranhas sobre a coisa”, como afirmava Savigny, mas porque a lei proíbe essa ação; ela não assenta numa barreira física, mas numa barreira jurídica (1976, p. 109). Sob o ponto de vista positivo, não é para dar ao possuidor o poder físico sobre a coisa, mas para lhe tornar possível o uso econômico da coisa.

A proteção jurídica da posse está condicionada ao exercício contínuo desta.

Se o possuidor não mantém a posse, quando pode fazê-lo, ela é considerada perdida ou abandonada, não sendo mais merecedora de proteção. Essa era a orientação já adotada no antigo direito romano. Como disse Ihering, na posse a permanência da relação de fato é a condição do direito à proteção; o possuidor não tem direito senão enquanto possui. Além de sua proteção jurídica, que se encontra no plano da defesa, a posse é também exercício de fato de poderes correspondentes aos poderes jurídicos do proprietário, como estabelece o Código Civil brasileiro. Estende-se à posse, consequentemente, a tutela legal do exercício dos poderes e deveres de proprietário. Assim, são aplicáveis ao possuidor os direitos de vizinhança, os direitos e deveres do condômino em edifício de apartamentos, as regras sobre a servidão, se o imóvel possuído tem servidão. O que se protege, na posse, não são os direitos, mas poderes fáticos que correspondem a esses direitos.

Ver todos os capítulos
Medium 9788582713532

Capítulo 27 - Microbiologia ambiental

Gerard J. Tortora, Berdell R. Funke, Christine L. Case Grupo A PDF Criptografado

Na clínica

Como enfermeira(o) de saúde ambiental, você está pesquisando maneiras de reduzir os níveis de óxido nitroso (N2O) na atmosfera.

O aquecimento global é um problema de saúde pública, e o N2O é um gás estufa que pode absorver 300 vezes mais energia solar do que o dióxido de carbono. Você sabe que os fertilizantes à base de nitrato são essenciais para as colheitas, mas que as emissões de N2O estão associadas aos níveis de nitrito no solo.

Em seus experimentos, um fertilizante com inibidores microbianos foi associado a níveis de

N2O mais baixos do que aquele apresentado por um fertilizante sem inibidores.

Dica: leia sobre o ciclo do nitrogênio nas páginas 774 a 776.

27

Microbiologia ambiental

N

os capítulos anteriores, o foco foi principalmente a capacidade dos microrganismos para causar doenças. Os microbiologistas de saúde ambiental testam a água para consumo habitualmente para garantir que ela se encontre livre de patógenos. Um desses patógenos, Vibrio cholerae, mostrado na fotografia, é o assunto do Caso clínico deste capítulo. Você também aprenderá sobre muitas das funções positivas que os micróbios desempenham no meio ambiente. Bactérias e outros microrganismos são, de fato, essenciais à manutenção da vida na Terra.

Ver todos os capítulos
Medium 9788597015317

Capítulo 7 - Custos

GOOLSBEE, Austan; LEVITT, Steven; SYVERSON, Chad Grupo Gen PDF Criptografado

C A P Í T U L O

7

Custos

7.1 Custos que importam para a tomada de decisão: custos de oportunidade

7.2 Custos que não importam para a tomada de decisão: custos irrecuperáveis

(ou custos afundados)

7.3 Custos e curvas de custo

7.4 Custo médio e custo marginal

7.5 Curvas de custo de curto prazo e de longo prazo

7.6 Economias no processo de produção

7.7 Conclusão

goolsbee_MIOLO_p3.indd 259

A Ryanair é uma das companhias aéreas de maior porte e com mais rápido crescimento no mundo. Começou a voar em 1985 e, depois de um período conturbado com problemas financeiros em 1990, encontrou sua chave para o sucesso construindo uma estrutura de custos tão baixa que seus clientes europeus, acostumados a companhias aéreas nacionais caras e deselegantes, começaram a voar com a Ryanair por todo o continente. O tráfego aéreo total de passageiros da Ryanair cresceu em um fator de

22 entre 1997, quando inaugurou rotas fora da Irlanda e do Reino Unido, e 2013. Nos cinco anos de 2008 a 2013 somente, o número de passageiros que a Ryanair conduziu cresceu em 23 milhões. Colocado em perspectiva, esse número adicional de passageiros equivale a cerca de um terço de todo o tráfego de companhias aéreas em 2013 no congestionado aeroporto de Heathrow, em Londres.

Ver todos os capítulos
Medium 9788541202978

L

Vários autores Grupo Gen PDF Criptografado

L

Vaden L.indd 373

Lactato, 374

Laparoscopia, 376

Lavado Broncoalveolar, 379

Lavado e Biopsia Nasais, 383

Lavado Prostático, 388

Lavado Traqueal, 391

Leptospirose, 393

Leucócitos | Basófilos, 396

Leucócitos | Eosinófilos, 398

Leucócitos | Linfócitos, 400

Leucócitos | Monócitos, 403

Leucócitos | Neutrófilos, 405

Linfangiografia, 407

Lipase, 410

27/08/13 08:23

374

Exames Laboratoriais e Procedimentos Diagnósticos em Cães e Gatos

Lactato

Michael S. Lagutchik

Considerações básicas

Amostragem

Tipo de amostra

Coleta

Sangue.

Explanação sobre o teste e fisiologia relacionada

O ácido láctico é o produto final do metabolismo anaeróbico da glicose. É produzido diariamente (p. ex., durante exercícios), mas também durante processos patológicos (p. ex., choques). Em pH fisiológico, o ácido láctico dissocia-se imediatamente em íons lactato e hidrogênio, sendo o lactato excretado pelo fígado e pelos rins. O acúmulo de lactato clinicamente relevante se deve à hipoperfusão tecidual e à subsequente hipoxia tecidual, com desvio para glicólise anaeróbica.

Ver todos os capítulos

Visualizar todos os capítulos