Recursos Humanos: Estratégia e Gestão de Pessoas Na Sociedade Global

Visualizações: 681
Classificação: (0)

Recursos Humanos: Estratégia e Gestão de Pessoas na Sociedade Global é o livro definitivo para estudantes do ciclo básico de Administração.

A obra descreve as estratégias – em particular a estratégia do capital humano –, as estruturas organizacionais, os processos e os conceitos, como a gestão por competências, que se tornaram referências universais com a globalização da sociedade.

Alguns dos principais temas que orientam o projeto deste livro são a adoção do modelo estratégico do capital humano, com base na atração, retenção e desenvolvimento de talentos, a profissionalização de todos os processos da gestão de pessoas e a criação de estruturas multidimensionais e políticas para lidar com operações em diferentes culturas, para diferentes unidades de negócios.

O texto apresenta o essencial das ideias e técnicas para a visão panorâmica da administração de recursos humanos.omo materiais suplementares, docentes e instituições de ensino irão encontrar um Guia do Professor – com sugestão de plano de curso e de aulas, além de comentários e sugestões de respostas ou de encaminhamento para as questões e exercícios.

FORMATOS DISPONíVEIS

eBook

Disponível no modelo assinatura da Minha Biblioteca

15 capítulos

Formato Comprar item avulso Adicionar à Pasta

PARTE I – Capítulo 1 – Processos da gestão de pessoas

PDF Criptografado

CAPÍTULO 1

Processos da gestão de pessoas

OBJETIVOS DO CAPÍTULO

Ao completar o estudo deste capítulo, você deverá ser capaz de compreender e explicar:

•• Os conceitos de processos e funções organizacionais.

•• O macroprocesso da gestão de pessoas.

•• Os processos específicos da gestão de pessoas e as principais atividades em cada um.

•• Como são estabelecidas as prioridades nos processos da gestão de pessoas.

•• A gestão de pessoas no contexto das outras funções organizacionais.

amaru_PI.indd 3

15/01/14 15:05

Capítulo 1

INTRODUÇÃO

Pessoas e trabalho são o domínio da gestão de pessoas. Todas as organizações, desde as microempresas até os grandes conglomerados com atuação global, são, essencialmente, sistemas de trabalho operados por pessoas. O trabalho nas organizações divide-se em conjuntos de tarefas especializadas chamadas funções: função de operações, de marketing e vendas, finanças, compras, tecnologia da informação e outras. Uma das funções mais importantes para qualquer organização é a gestão de pessoas.

 

PARTE I – Capítulo 2 – Áreas do conhecimento e globalização

PDF Criptografado

CAPÍTULO 2

Áreas do conhecimento e globalização

OBJETIVOS DO CAPÍTULO

Ao completar o estudo deste capítulo, você deverá ser capaz de compreender e explicar:

•• As áreas do conhecimento envolvidas na gestão de pessoas.

•• As diferentes dimensões do tempo e seus impactos sobre a gestão de pessoas.

•• O que é globalização e o que são as empresas globais.

•• Impactos da globalização sobre a gestão de pessoas.

•• Gestão da empresa local de acordo com padrões da empresa global.

amaru_PI.indd 21

15/01/14 15:05

Capítulo 2

INTRODUÇÃO

Nos processos da gestão de pessoas, trabalham diferentes tipos de profissionais.

•• Em primeiro lugar, estão executivos, gerentes e operadores especializados nos próprios processos: pessoas que administram e trabalham para fazer funcionar atividades de planejamento estratégico e operacional, recrutamento e seleção, treinamento e desenvolvimento etc. Para o desempenho dessas atividades, há formação especializada – faculdades, associações profissionais e centros educacionais oferecem desde cursos de curta duração

 

PARTE I – Capítulo 3 – Organização para a gestão de pessoas

PDF Criptografado

CAPÍTULO 3

Organização para a gestão de pessoas*

OBJETIVOS DO CAPÍTULO

Ao completar o estudo deste capítulo, você deverá ser capaz de compreender e explicar:

•• A função e o departamento de gestão de pessoas.

•• Quais são as atribuições e a estrutura de um departamento de gestão de pessoas.

•• O macropapel e os papéis do Chief Human Resource

Officer (CHRO – Executivo Principal da Gestão de

Pessoas).

•• A divisão de papéis nos processos da gestão de pessoas.

•• Como é feita a gestão matricial de pessoas nas grandes corporações globais.

  O autor registra seus agradecimentos e sua dívida intelectual com Ales­ sandra Ginante, pela inestimável colaboração na preparação deste capítulo.

Quando de sua preparação, era Vice-Presidente de Recursos Humanos da

Philips para a América Latina.

*

amaru_PI.indd 43

15/01/14 15:05

Capítulo 3

INTRODUÇÃO

Retomando o Capítulo 1, as organizações operam os processos da gestão de pessoas por meio de uma unidade, área ou órgão especializado. Essa área recebe diferentes nomes: pessoal, relações industriais, relações humanas, recursos humanos, pessoas, talentos, competências, capital humano. Esses nomes estão associados à evolução histórica da área. As primeiras áreas criadas chamavam-se departamentos de pessoal; hoje, pessoas, capital humano e talentos são designações de vanguarda

 

PARTE I – Capítulo 4 – Profissionais da gestão de pessoas

PDF Criptografado

CAPÍTULO 4

Profissionais da gestão de pessoas

OBJETIVOS DO CAPÍTULO

Ao completar o estudo deste capítulo, você deverá ser capaz de compreender e explicar:

•• O que significa profissionalismo.

•• A gestão de pessoas como profissão.

•• Quais são os especialistas e os generalistas da gestão de pessoas.

•• Quais são os participantes dos processos da gestão de pessoas.

amaru_PI.indd 63

15/01/14 15:05

Capítulo 4

INTRODUÇÃO

Até aqui, estudamos a gestão de pessoas sob um ângulo técnico, enfatizando processos e estruturas. Neste capítulo, colocamos os holofotes nas pessoas que operam os processos, trabalhando nas caixinhas dos organogramas da gestão de pessoas e fora delas.

•• Quem são essas pessoas?

•• Quem mais está envolvido com a gestão de pessoas, além das que estão no organograma do RH?

•• É a gestão de pessoas uma profissão, mais que uma ocupação?

O principal objetivo deste capítulo é dar respostas a essas perguntas.

 

PARTE II – Capítulo 5 – Trabalho: da pré-história ao renascimento

PDF Criptografado

CAPÍTULO 5

Trabalho: da pré-história ao renascimento

OBJETIVOS DO CAPÍTULO

Ao completar o estudo deste capítulo, você deverá ser capaz de compreender e explicar:

•• Qual é o significado da palavra trabalho.

•• Quais são os componentes básicos do conteúdo e do contexto do trabalho.

•• Quais são os componentes do macrocontexto do trabalho.

•• Que sentido tem o trabalho para as pessoas que o executam.

•• Os impactos sociais do trabalho.

•• A evolução do trabalho, dos caçadores-coletores ao homem polimático do Renascimento.

amaru_PII.indd 85

15/01/14 15:39

Capítulo 5

INTRODUÇÃO

No centro de todos os processos da gestão de pessoas, está o trabalho. Nas organizações, as pessoas são recrutadas, selecionadas, contratadas e remuneradas para trabalhar – em regime de emprego permanente ou outras modalidades de relação de trabalho. Por exemplo, como consultores temporários.

Gestão de pessoas, nas organizações, é o mesmo que gestão do trabalho. Fora das organizações e dos diferentes tipos de regime de emprego, as pessoas trabalham como estudantes, donas de casa, artistas, profissionais liberais e voluntários em iniciativas sociais, entre muitas outras possibilidades. Trabalho, em suma, é atividade que não se resume às atividades nas organizações.

 

PARTE II – Capítulo 6 – Trabalho: da revolução industrial à revolução digital

PDF Criptografado

CAPÍTULO 6

Trabalho: da revolução industrial à revolução digital

OBJETIVOS DO CAPÍTULO

Ao completar o estudo deste capítulo, você deverá ser capaz de compreender e explicar:

•• Como nasceu e se consolidou a moderna sociedade industrial.

•• As principais fases da Revolução Industrial.

•• As profissões que surgiram com a sociedade industrial.

•• Como e por que os gerentes “tomaram o poder” nas grandes organizações.

•• A transição para a Revolução Digital.

•• Como nasceu e se consolidou a sociedade pós-industrial na qual você vive agora.

amaru_PII.indd 107

15/01/14 15:39

Capítulo 6

INTRODUÇÃO

Se você pensa que as ideias a seguir, entre muitas outras que poderiam ser lembradas, são inovações radicais recentes, surgidas na transição para o Terceiro

Milênio, que transformaram o mundo das organizações e dos conceitos e métodos para administrá-las, pense novamente.

•• Sistema Toyota de Produção.

 

PARTE II – Capítulo 7 – Relações entre empregados e empregadores

PDF Criptografado

CAPÍTULO 7

Relações entre empregados e empregadores

OBJETIVOS DO CAPÍTULO

Ao completar o estudo deste capítulo, você deverá ser capaz de compreender e explicar:

•• O que são relações de trabalho, de emprego e com empregados.

•• As principais dimensões da relação de emprego.

•• Os tipos de sistemas legais na sociedade global.

•• Os temas principais da legislação do trabalho na sociedade global.

•• Os principais organismos multilaterais que interferem nas relações entre empregados e empregadores.

•• O conceito de extraterritorialidade.

•• As principais dimensões da relação de emprego no

Brasil.

amaru_PII.indd 125

15/01/14 15:39

Capítulo 7

INTRODUÇÃO

Relação de emprego é expressão usada em sentido estrito, para indicar a relação formal entre empregado e empregador. No Brasil, a relação de emprego é formalizada por meio de contrato de trabalho, que é a designação oficial e que especialistas em direito do trabalho designam como contrato de emprego.

 

PARTE III – Capítulo 8 – Cargos

PDF Criptografado

CAPÍTULO 8

Cargos

OBJETIVOS DO CAPÍTULO

Ao completar o estudo deste capítulo, você deverá ser capaz de compreender e explicar:

•• Os conceitos de cargo e posição.

•• A importância dos cargos para os processos de gestão de pessoas.

•• O que é projeto de cargo.

•• Os principais componentes dos cargos.

•• O que é análise de cargos e qual sua principal finalidade.

•• Principais métodos e ferramentas para analisar cargos.

•• O que é a descrição de cargo e quais suas utilidades.

•• O sistema O*NET de catalogação de ocupações.

•• O impacto das características dos cargos sobre a motivação e o desempenho.

•• Redesenho e enriquecimento de cargos.

amaru_PIII.indd 153

15/01/14 15:50

Capítulo 8

INTRODUÇÃO

No centro dos processos da gestão de pessoas, está o trabalho. No centro do trabalho, está o cargo. Uma organização é um sistema de trabalho formado por pessoas que ocupam cargos. Cada cargo é um conjunto de tarefas e responsabilidades. Dependendo do tamanho da organização, pode haver diversas pessoas ocupando o mesmo cargo, com tarefas praticamente idênticas – por exemplo, os professores de uma escola ou os montadores em uma linha de produção.

 

PARTE III – Capítulo 9 – Gestão de pessoas com base em competências

PDF Criptografado

CAPÍTULO 9

Gestão de pessoas com base em competências

OBJETIVOS DO CAPÍTULO

Ao completar o estudo deste capítulo, você deverá ser capaz de compreender e explicar:

•• O conceito de competência.

•• Os principais tipos de competências.

•• Como as competências são graduadas para refletir diferentes níveis de complexidade.

•• O que são referenciais ou modelos de competências.

•• As principais competências dos profissionais da gestão de pessoas.

amaru_PIII.indd 183

15/01/14 15:50

Capítulo 9

INTRODUÇÃO

Competência é um conceito intuitivo, que faz parte da linguagem comum.

Expressões como “é uma pessoa competente”, “procuro alguém competente” ou “quem não tem competência não se estabelece” não precisam de explicações.1

No campo da moderna gestão de pessoas, a ideia de competência desempenha papel central. É central porque todos os processos da moderna gestão de pessoas são orientados pelas competências. Descrições de cargos, planejamento, recrutamento, seleção, desenvolvimento – tudo é feito com base em competências que a organização valoriza.

 

PARTE IV – Capítulo 10 – Fundamentos de estratégia empresarial

PDF Criptografado

CAPÍTULO 10

Fundamentos de estratégia empresarial

OBJETIVOS DO CAPÍTULO

Ao completar o estudo deste capítulo, você deverá ser capaz de compreender e explicar:

•• O conceito original de estratégia.

•• Quem eram os estrategos.

•• Quatro perspectivas do pensamento e da prática da estratégia.

•• O que são vantagens competitivas.

•• O que é proposição de valor.

•• Estratégia, administração estratégica e planejamento estratégico.

amaru_PIV.indd 209

15/01/14 16:56

Capítulo 10

INTRODUÇÃO

O objetivo básico deste capítulo é apresentar, concisamente, a ideia de estra­ tégia aplicada ao mundo das empresas e outros tipos de organizações, para sustentar o entendimento das estratégias de recursos humanos e do processo de planejamento de recursos humanos, que serão estudados nos capítulos seguintes.

A palavra estratégia nasceu na Grécia antiga (como strategía ou strategiké

– derivada de stratos – exército, e agein – conduzir), na qual era empre­ gada para definir a arte dos generais, chamados de estrategos (ou strategós).

 

PARTE IV – Capítulo 11 – Estratégias de gestão de pessoas

PDF Criptografado

CAPÍTULO 11

Estratégias de gestão de pessoas

OBJETIVOS DO CAPÍTULO

Ao completar o estudo deste capítulo, você deverá ser capaz de compreender e explicar:

•• A sequência de elos que liga a estratégia corporativa

às estratégias de recursos humanos.

•• Os três modelos principais que agrupam as estratégias de recursos humanos.

•• As estratégias específicas dentro desses modelos.

•• As condições determinantes da escolha dessas estratégias.

amaru_PIV.indd 227

24/01/14 12:29

Capítulo 11

INTRODUÇÃO

As decisões de natureza estratégica e sua execução formam uma cadeia de causas e efeitos, na qual um elo, em um momento, é causa e, em outro, efeito. Segundo Katz (1970), todas as empresas e organizações têm estraté­ gias implícitas, que as trouxeram do passado até o presente. Algumas têm estratégias explícitas, que as levam do presente para o futuro.1 O mesmo ocorre com a gestão de pessoas. Todas as organizações têm estratégias implícitas de RH e algumas as têm explícitas. As estratégias de RH também se encadeiam em causas e efeitos na realização da estratégia corporativa.

 

PARTE IV – Capítulo 12 – Planejamento de recursos humanos

PDF Criptografado

CAPÍTULO 12

Planejamento de recursos humanos

OBJETIVOS DO CAPÍTULO

Ao completar o estudo deste capítulo, você deverá ser capaz de compreender e explicar:

•• O processo de planejamento de recursos humanos.

•• O que são oferta e demanda de recursos humanos.

•• Técnicas qualitativas e quantitativas para projetar a demanda de recursos humanos.

•• Técnicas para estudar a oferta de recursos humanos.

amaru_PIV.indd 249

15/01/14 16:56

Capítulo 12

INTRODUÇÃO

Planejamento de recursos humanos (designação moderna que substituiu a expressão planejamento de mão de obra) é o processo de definir o contingente de pessoas para atender as necessidades futuras da organização. O processo de planejamento de recursos humanos procura responder às seguintes perguntas:

•• Quantas pessoas serão necessárias, com quais qualificações, para realizar os objetivos da empresa?

•• Que ações devem ser realizadas para atender a essas necessidades?

 

PARTE V – Capítulo 13 – Recrutamento e seleção de pessoas

PDF Criptografado

CAPÍTULO 13

Recrutamento e seleção de pessoas

OBJETIVOS DO CAPÍTULO

Ao completar o estudo deste capítulo, você deverá ser capaz de compreender e explicar:

•• A finalidade e as etapas dos processos de recrutamento e seleção.

•• As fontes de recrutamento de candidatos.

•• Os procedimentos e as técnicas de recrutamento e seleção.

•• Os projetos de execução das atividades de recrutamento e seleção.

amaru_PV.indd 277

15/01/14 17:07

Capítulo 13

INTRODUÇÃO

O processo de recrutamento e seleção (R&S), complementado por contratação e integração, objetiva encontrar, atrair e trazer para dentro da organização ou, de forma geral, para dentro de qualquer tipo de empreendimento, as pessoas que vão ocupar os postos necessários para a execução de tarefas, em caráter contínuo ou em regime de trabalho temporário.

•• Toda organização precisa de R&S pelo menos para repor as perdas inevitáveis, causadas por aposentadorias, demissões, transferências e outras movimentações, ou para atender emergencialmente ao surgimento de novas competências e profissões no mercado de trabalho. Com planejamento sistemático de recursos humanos, como vimos no capítulo anterior, alinhado com o planejamento corporativo, os processos de R&S tornam-se proativos e assumem a estatura de estratégias orientadas para a viabilização do modelo de negócios da organização ou de qualquer empreendimento.

 

PARTE V – Capítulo 14 – Aprendizagem e desenvolvimento

PDF Criptografado

CAPÍTULO 14

Aprendizagem e desenvolvimento

OBJETIVOS DO CAPÍTULO

Ao completar o estudo deste capítulo, você deverá ser capaz de compreender e explicar:

•• Que é aprendizagem.

•• Quais são as atividades educacionais que promovem a aprendizagem.

•• Qual é o processo de gestão das atividades educacionais.

•• As principais teorias ou perspectivas sobre a aprendizagem.

•• Como as aptidões se transformam em competências.

•• Os estilos de aprendizagem que determinam as preferências pelos métodos educacionais.

•• Como planejar programas de T&D usando a taxonomia de Bloom e a estrutura de definição de objetivos de Mager.

amaru_PV.indd 303

15/01/14 17:07

Capítulo 14

INTRODUÇÃO

Educação é um dos pilares para a formação e desenvolvimento do capital humano, tanto na sociedade quanto nas organizações. Educação é o processo de promover a aprendizagem e transformar aptidões em competências

– conhecimentos, habilidades e atitudes – e de aprimorá-las continuamente.

 

PARTE V – Capítulo 15 – Recompensa

PDF Criptografado

CAPÍTULO 15

Recompensa

OBJETIVOS DO CAPÍTULO

Ao completar o estudo deste capítulo, você deverá ser capaz de compreender e explicar:

•• O significado das palavras pagamento, salário, compensação, remuneração e recompensa.

•• De que forma as recompensas afetam as pessoas, as empresas e a sociedade.

•• Como interagem a gestão das recompensas, a gestão das carreiras e a gestão do desempenho.

•• Os principais componentes da remuneração e principais tipos de benefícios.

•• A percepção dos funcionários a respeito dos benefícios.

•• As principais dimensões da gestão das recompensas na sociedade global.

amaru_PV.indd 337

15/01/14 17:07

Capítulo 15

INTRODUÇÃO

No centro da relação de emprego, está um componente transacional: a troca do trabalho por algum tipo de pagamento. Pagamento? Ou será que deveríamos dizer salário, compensação, remuneração, ou ainda, recompensa? Há inúmeras palavras que descrevem o que o empregador oferece em troca do trabalho do empregado. Na sociedade global, as palavras variam com a geografia. Para começar, usaremos a palavra retribuição para designar essa transação.

 

Detalhes do Produto

Livro Impresso
Book
Capítulos

Formato
PDF
Criptografado
Sim
SKU
BPP0000205880
ISBN
9788521625926
Tamanho do arquivo
8,9 MB
Impressão
Desabilitada
Cópia
Desabilitada
Vocalização de texto
Não
Formato
PDF
Criptografado
Sim
Impressão
Desabilitada
Cópia
Desabilitada
Vocalização de texto
Não
SKU
Em metadados
ISBN
Em metadados
Tamanho do arquivo
Em metadados