Cárie Dentária na Infância - Uma Abordagem Contemporânea

Visualizações: 530
Classificação: (0)

A elaboração da obra está perfeitamente justificada pelos seus autores. A cárie dentária continua apresentando altas prevalência e severidade em crianças de todos os continentes. Essa doença, descrita como sendo de etiologia multifatorial, interfere negativamente na qualidade de vida da infância e da adolescência, uma vez que as crianças atingidas na dentição decídua apresentam risco mais alto de serem afetadas na dentição permanente. Outro aspecto reconhecido pelos autores é que os métodos tradicionais para o diagnóstico, a prevenção e o tratamento das lesões de cárie não conseguiram contribuir, decisivamente, para o controle da doença. A abordagem contemporânea está claramente obedecida no desenvolvimento dos itens abordados nos diferentes capítulos. Todo o conteúdo apóia-se em dois pilares nos quais está alicerçada a Odontologia moderna: a prática clínica baseada em evidência científica e a Odontologia de mínima intervenção. O livro não é apenas mais um tratado no qual o tema central seja a cárie dentária, o que já seria um fator altamente positivo, mas revela a preocupação com a solução efetiva dos problemas que envolvem a prevenção e o tratamento da cárie, com base em metodologia adequada e apoiada nas conquistas mais recentes da pesquisa científica. Nessa orientação, os autores defendem que é desejável que as medidas para a avaliação da saúde incorporem dimensões clínicas, sociais e psicológicas. Esclarecem que a saúde bucal não deve ser observada apenas por uma avaliação clínica, mas que deve englobar aspectos sociais, psicológicos e funcionais que são os norteadores da qualidade de vida. Por todos os fatores que aqui destacamos, o livro fornece uma excelente e oportuna contribuição à clínica contemporânea. Concluindo por orientar os leitores no uso dos bancos de dados para uma pesquisa bibliográfica compatível com a evidência científica, Feldens, Kramer e seus colaboradores divulgam, com esta publicação, um livro de utilidade indiscutível, não apenas para os odontopediatras, mas para todos aqueles que exercem alguma atividade na clínica odontológica. Nossos mais sinceros cumprimentos aos autores.

13 capítulos

Formato Comprar item avulso Adicionar à Pasta

Capítulo 1 - Introdução

PDF Criptografado

Capítulo

1

Introdução

Carlos Alberto Feldens

Paulo Floriani Kramer

Feldens_5P_Cap 01.indd 1

20/3/2013 15:05:45

Feldens_5P_Cap 01.indd 2

20/3/2013 15:05:53

Capítulo

Introdução

S

aúde bucal representa um elemento essencial da saúde geral e bem-estar, oportunizando desde o primeiro ano de vida alimentação, crescimento, manifestação de afeto, fala e desenvolvimento de relações sociais, de forma a contribuir para a autoestima, confiança e qualidade de vida.31 Entretanto, uma parcela importante da população mundial é afetada por doenças bucais, como cárie dentária, doença periodontal e câncer bucal, trazendo uma carga importante de morbidade e inclusive mortalidade.22

A cárie dentária representa a doença crônica mais comum na infância, atingindo bebês e crianças pré-escolares em todo o mundo.4,10,15,24,25 Os dados publicados na última década demonstram que, embora haja variações consideráveis entre populações, a cárie dentária apresenta alta prevalência e severidade em crianças de todos os hemisférios – sul e norte, ocidental e oriental

 

Capítulo 2 - Prática Clínica Baseada em Evidências

PDF Criptografado

Capítulo

Prática Clínica Baseada em Evidências

2

Carlos Alberto Feldens

Paulo Floriani Kramer

• Introdução

• Prática clínica baseada em evidências: por quê?

• Prática clínica baseada em evidências: como?

• Considerações finais

Feldens_5P_Cap 02.indd 7

20/3/2013 15:15:19

Feldens_5P_Cap 02.indd 8

20/3/2013 15:15:25

Capítulo

Prática Clínica Baseada em

Evidências

Introdução

Identificar um fator como causa de cárie dentária na infância, assim como eleger uma ou mais condutas como apropriadas para o controle ou tratamento desta doença não podem, nos tempos atuais, ser fruto apenas de opinião ou experiência pessoal. O objetivo deste capítulo é contribuir para a compreensão de que as práticas clínicas devam basear-se em evidências científicas. Ao mesmo tempo, pretende-se auxiliar o clínico na busca de informação científica de boa qualidade e que contribua para as diferentes etapas de atuação profissional, do diagnóstico às condutas preventivas e terapêuticas.

 

Capítulo 3 - Saúde da Criança

PDF Criptografado

Capítulo

Saúde da Criança

3

Renato Termignoni

• Introdução

• Ações básicas de saúde

• Maternidade e desenvolvimento do apego

• Considerações finais

Feldens_5P_Cap 03.indd 19

20/3/2013 16:32:39

Feldens_5P_Cap 03.indd 20

20/3/2013 16:32:47

Capítulo

Saúde da Criança

Introdução

Assegurar o crescimento e desenvolvimento da criança com saúde deve ser a principal preocupação de todas as sociedades. A forma como uma comuni­ dade, sociedade ou país planeja, investe e gerencia a atenção à saúde da criança representa um dos fatores mais importantes na estimativa de seu desenvolvimen­ to futuro.16

As ações de promoção, prevenção e assistência à saúde dirigidas à gestante e à criança influenciam na condição de saúde dos indivíduos, desde o período neo­natal até a vida adulta. A literatura tem demons­ trado uma relação determinante entre a vida intrau­ terina, as condições de saúde no nascimento e no pe­ ríodo neonatal, e os problemas crônico-degenerativos na vida adulta, como obesidade, diabetes, doenças car­ diovasculares e saúde mental, entre outros.5

 

Capítulo 4 - Saúde Bucal na Infância

PDF Criptografado

Capítulo

Saúde Bucal na

Infância

Paulo Floriani Kramer

Carlos Alberto Feldens

Simone Helena Ferreira

Eliane Gerson Feldens

Henrique Castilhos Ruschel

4

• Introdução

• Principais agravos que afetam a saúde bucal

• O estudo de Canoas – Brasil

• Considerações finais

Feldens_5P_Cap 04.indd 33

20/3/2013 16:49:17

Feldens_5P_Cap 04.indd 34

20/3/2013 16:49:25

Capítulo

Saúde Bucal na

Infância

Introdução

Conceituar saúde, seja no âmbito geral ou em relação à saúde bucal, não é uma tarefa simples. Além disso, compreender seu significado e as consequências que dele decorrem não é matéria restrita às “ciências biológicas”, havendo nítida contribuição de áreas como

Antropologia e Sociologia ao longo do tempo. Mais do que uma questão semântica, o conceito aceito como mais adequado em cada tempo e lugar repercute em decisões que notadamente afetam a vida das pes­soas.

 

Capítulo 5 - Cárie Dentária na Infância: Conceitos Preliminares

PDF Criptografado

Capítulo

Cárie Dentária na

Infância: Conceitos

Preliminares

Carlos Alberto Feldens

Paulo Floriani Kramer

Jaime Aparecido Cury

Livia Maria Andaló Tenuta

5

• Introdução

• Cárie dentária: doença e lesão

• Cárie dentária na infância: a busca do nome e definição

• Desfechos de cárie dentária na infância

• Distribuição de lesões de cárie na dentição decídua

• Considerações finais

Feldens_5P_Cap 05.indd 59

21/3/2013 08:37:11

Feldens_5P_Cap 05.indd 60

21/3/2013 08:37:17

Capítulo

Cárie Dentária na Infância:

Conceitos Preliminares

Introdução

Os avanços na compreensão da etiologia e estratégias de manejo de qualquer doença se alicerçam, entre outros fatores, no desenvolvimento contínuo de ferramentas válidas e reprodutíveis que permitam o diagnóstico com acurácia da ocorrência e severidade de uma condição.27 A ocorrência de cárie dentária nos primeiros anos de vida apresenta algumas características peculiares, como o surgimento de manchas brancas e cavidades logo após a erupção dentária, vários dentes sendo afetados, inclusive em superfícies consideradas de baixa suscetibilidade, e alta velocidade de progressão.12,35,43,47 Tais características, distintas da ocorrência da cárie dentária na fase escolar ou em qualquer outra fase da vida, indicam a necessidade de estratégias específicas de prevenção e tratamento precoce, o que evidentemente deve se basear em uma definição e compreensão clara da doença. Encontrar termo e definição adequados para a cárie dentária quando atinge crianças pré-escolares passou a ser considerada uma condição para o direcionamento de estratégias para o seu controle.23 Antes disso, serão abordados aspectos biológicos do processo saúde-doença cárie para uma melhor compreensão das definições que se seguem.

 

Capítulo 6 - Transcendência da Cárie Dentária na Infância

PDF Criptografado

Capítulo

Transcendência da

Cárie Dentária na

Infância

Thiago Machado Ardenghi

Chaiana Piovesan

Saul Martins Paiva

6

• Introdução

• Qualidade de vida e saúde bucal

• Uso de medidas subjetivas de saúde bucal

• Qualidade de vida e cárie dentária na infância

• Considerações finais

Feldens_5P_Cap 06.indd 71

21/3/2013 09:29:02

Feldens_5P_Cap 06.indd 72

21/3/2013 09:29:10

Capítulo

Transcendência da Cárie

Dentária na Infância

Introdução

O papel principal do odontopediatra é fazer com que uma criança possa desfrutar de boas condições bucais, seja por meio de um tratamento complexo ou de procedimentos educativos simples. O desfecho primordial de qualquer abordagem profissional deve ser a promoção da saúde e da qualidade de vida dos pacientes. Desfrutar de saúde bucal adequada possibilita às pessoas exercerem com tranquilidade suas atividades diárias, autoestima e vinculações sociais. Alterações na saúde bucal como a cárie dentária têm influência direta no bem-estar das pessoas e famílias, à medida que seus efeitos afetam significativamente os aspectos biopsicossociais do indivíduo.

 

Capítulo 7 - Magnitude da Cárie Dentária na Infância

PDF Criptografado

Capítulo

Magnitude da Cárie

Dentária na Infância

7

Carlos Alberto Feldens

Paulo Floriani Kramer

• Introdução

• Prevalência de cárie dentária na infância – estudos nacionais e internacionais

• Levantamentos epidemiológicos no Brasil

• Considerações finais

Feldens_5P_Cap 07.indd 85

21/3/2013 09:39:57

Feldens_5P_Cap 07.indd 86

21/3/2013 09:40:02

Capítulo

Magnitude da Cárie Dentária na Infância

Introdução

A cárie dentária na infância é considerada um problema de saúde pública em países desenvolvidos e em desenvolvimento.21,28 Para este reconhecimento, foi fundamental a publicação de dados relativos à magnitude da doença em populações diferentes, o que lhe conferiu a condição de uma das doenças infantis de maior prevalência no mundo.

Entretanto, dados relativos à frequência de cárie dentária em crianças pré-escolares devem ser analisados com cuidado. Entre os fatores que justificam esta afirmativa destacam-se: dificuldade de se obterem amostras representativas de crianças com até 5 anos de idade; limitações do exame físico de crianças nesta faixa etária em função de características físicas e emocionais; e a própria falta de uniformidade nos critérios utilizados em relação ao diagnóstico de cárie dentária.16,24 Diferenças nas estratégias com que são abordados estes fatores em cada coleta de dados dificultam comparações entre populações diferentes.

 

Capítulo 8 - Fatores de Risco de Cárie Dentária na Infância

PDF Criptografado

Capítulo

Fatores de Risco de

Cárie Dentária na

Infância

Carlos Alberto Feldens

Paulo Floriani Kramer

Priscila Humbert Rodrigues

Juliane Bervian

8

• Introdução

• Rede de causalidade

• Considerações finais

Feldens_5P_Cap 08.indd 93

21/3/2013 09:54:26

Feldens_5P_Cap 08.indd 94

21/3/2013 09:54:32

Capítulo

Fatores de Risco de Cárie

Dentária na Infância

Introdução

A melhor forma de investigar, analisar e interpretar dados relacionados à questão da causalidade das doenças tem sido objeto de ampla discussão ao longo de décadas. Parece consenso, entretanto, o fato de que estratégias de combate a agravos devem basear-se no conhecimento de fatores de risco, nos diferentes níveis em que se apresentam.71,95,145,177

A resposta à questão “o que causa a cárie dentária na infância?” tem instigado pesquisadores em todo o mundo. A cárie dentária na infância apresenta, como outras doenças crônicas, uma dimensão multifatorial, amplamente reconhecida e demonstrada em estudos que identificam fatores de risco individuais nos seguintes níveis: demográfico, socioeconômico, comportamental e biológico. Entretanto, se reconhece que tais fatores agem de forma diferenciada na determinação da cárie dentária nos primeiros anos de vida em função de algumas peculiaridades: em crianças muito jovens, os dentes estão em fase de erupção; microrganismos envolvidos com a etiologia da cárie estão em fase de colonização; os sistemas de defesa encontram-se em desenvolvimento; e ocorre uma transição marcante na dieta, envolvendo aleitamento materno, mamadeira e primeiros alimentos sólidos, o que claramente é influenciado por fatores não biológicos.54,77

 

Capítulo 9 - Estratégias para Prevenção e Controle da Cárie Dentária na Infância

PDF Criptografado

Capítulo

Estratégias para

Prevenção e Controle da

Cárie Dentária na Infância

Carlos Alberto Feldens

Paulo Floriani Kramer

Jaime Aparecido Cury

Livia Maria Andaló Tenuta

Márcia Regina Vítolo

9

• Introdução

• Orientação de práticas alimentares

• Controle mecânico do biofilme

• Uso racional de fluoreto

• Selantes de fossas e fissuras

• Cariostático: diamino fluoreto de prata

• Perspectivas de ação coletiva

Feldens_5P_Cap 09.indd 117

21/3/2013 10:07:06

Feldens_5P_Cap 09.indd 118

21/3/2013 10:07:12

Capítulo

Introdução

9

Carlos Alberto Feldens

Paulo Floriani Kramer

Considerações iniciais

Intervenção é definida como um conjunto de ações com um objetivo coerente de modificar ou produzir desfechos positivos identificáveis. Estas ações podem incluir políticas, iniciativas regulatórias, estratégias específicas ou programas com múltiplos componentes. São classificadas em intervenções coletivas, cujo objetivo é promover saúde ou prevenir doenças em comunidades ou populações, ou intervenções em nível individual, em que o objetivo é prevenir ou tratar doenças em indivíduos.28

 

Capítulo 10 - Estratégias para o Tratamento de Lesões de Cárie na Infância

PDF Criptografado

Capítulo

Estratégias para o

Tratamento de Lesões de Cárie na Infância

Paulo Floriani Kramer

Carlos Alberto Feldens

Henrique Castilhos Ruschel

Maria de Lourdes de Andrade Massara

10

• Introdução

• A decisão de restaurar

• Técnicas restauradoras contemporâneas

• Considerações finais

Feldens_5P_Cap 10.indd 177

21/3/2013 10:22:21

Feldens_5P_Cap 10.indd 178

21/3/2013 10:22:26

Capítulo

Estratégias para o Tratamento de Lesões de Cárie na Infância

Introdução

Historicamente, o termo cárie dentária tem sido interpretado como sinônimo de cavidade e o seu tratamento compreendido como o reparo da lesão. Por muito tempo, acreditou-se que a Dentística Operatória e Restauradora, assim como a visita regular ao cirurgião-dentista, resultaria em saúde bucal. A consequência lógica foi que a visita ao cirurgião-dentista quase sempre resultava em tratamento restaurador. A máxima “em caso de dúvida, restaure” era ensinada e aplicada de boa fé.32

 

Capítulo 11 - Cárie Dentária na Infância: Abordagem Clínica Contemporânea

PDF Criptografado

Capítulo

Cárie Dentária na

Infância: Abordagem

Clínica Contemporânea

Paulo Floriani Kramer

Carlos Alberto Feldens

Simone Helena Ferreira

Eliane Gerson Feldens

Henrique Castilhos Ruschel

11

• Introdução

• Estratégia de tratamento

• Apresentação de casos clínicos

• Considerações finais

Feldens_5P_Cap 11.indd 199

21/3/2013 11:05:48

Feldens_5P_Cap 11.indd 200

21/3/2013 11:05:53

Capítulo

Cárie Dentária na Infância:

Abordagem Clínica

Contemporânea

Introdução

O objetivo final da produção de evidências científicas nos diferentes níveis – desde a área básica até a epidemiológica – é auxiliar no diagnóstico, prevenção e tratamento dos diferentes agravos. O clínico, por sua vez, deve ser o agente que oportuniza ao paciente e núcleo familiar receberem o tratamento baseado na melhor evidência disponível.

Neste contexto, uma abordagem contemporânea para a promoção de saúde bucal na infância pressupõe o conhecimento em relação a diagnóstico, magnitude, transcendência, fatores de risco e estratégias de prevenção, controle e tratamento da cárie dentária na infância. Cabe ao profissional aplicar tais evidências com bom senso clínico, respeitando as características e preferências da criança e núcleo familiar. O atendimento clínico de crianças representa um desafio, mas também uma oportunidade de aplicar todo o conhecimento adquirido.

 

Capítulo 12 - Tópicos Contemporâneos sobre Cárie Dentária na Infância

PDF Criptografado

Capítulo

Tópicos

Contemporâneos sobre

Cárie Dentária na

Infância

12

• Apresentação

Chaiana Piovesan

Fausto Medeiros Mendes

Jacques Eduardo Nör

José Leopoldo Ferreira Antunes

Karen Glazer Peres

Luciano Casagrande

Marcelo José Strazzeri Bönecker

Marco Aurélio Anselmo Peres

Mariana Minatel Braga

Tatiane Fernandes Novaes

Thaís Gimenez

Feldens_5P_Cap 12.indd 221

• Saúde bucal: conquistas e desafios

• Polarização, tendências e desigualdades na ocorrência de cárie dentária na infância

• Repensando a estratégia de diagnóstico de cárie dentária na infância

• Biologia Molecular e celular na clínica odontológica infantil

21/3/2013 11:30:55

222  Cárie Dentária na Infância – Uma Abordagem Contemporânea

Apresentação

A cárie dentária na infância representa um problema de saúde pública com reflexo na qualidade de vida das crianças e de seus familiares. Estratégias de prevenção e tratamento devem se basear na compreensão de sua rede de causalidade, reconhecidamente complexa e multifatorial, e ser incorporadas em políticas sociais e econômicas que contribuam para a redução de fatores de risco e para o acesso a ações e serviços de saúde.

 

Capítulo 13 - Guia Prático para Busca de Evidências

PDF Criptografado

Capítulo

Guia Prático para

Busca de Evidências

Carlos Alberto Feldens

Paulo Floriani Kramer

13

• Introdução

• Busca de artigos no MEDLINE

• Busca de artigos no LILACS

• Busca de revisões sistemáticas na

Biblioteca Cochrane

• Busca de diretrizes clínicas

• Busca integrada de artigos

• Considerações finais

• Sites recomendados

Feldens_5P_Cap 13.indd 285

21/3/2013 13:23:16

Feldens_5P_Cap 13.indd 286

21/3/2013 13:23:21

Capítulo

Guia Prático para Busca de Evidências

13

Introdução

Busca por autor

A busca constante da melhor evidência em relação a etiologia, diagnóstico, prevenção e tratamento dos diferentes agravos representa não só a melhor forma de atualização do clínico como o caminho mais seguro para que o paciente receba o melhor tratamento.

A seguir é apresentado um Guia para localizar evi­ dências científicas por meio do MEDLINE, LILACS e

 

Detalhes do Produto

Livro Impresso
eBook
Capítulos

Formato
PDF
Criptografado
Sim
SKU
BPPD000223769
ISBN
9788541201865
Tamanho do arquivo
30 MB
Impressão
Desabilitada
Cópia
Desabilitada
Vocalização de texto
Não
Formato
PDF
Criptografado
Sim
Impressão
Desabilitada
Cópia
Desabilitada
Vocalização de texto
Não
SKU
Em metadados
ISBN
Em metadados
Tamanho do arquivo
Em metadados