Fundamentos de sistemas de informação

Visualizações: 530
Classificação: (0)

Obra que serve de referência bibliográfica básica nos cursos de sistemas de informação. Dividida em duas partes, na primeira trata da Teoria Geral de Sistemas, e na segunda parte aborda as bases conceituais de sistemas de informação. Destaque da edição: Bibliografia básica em teoria geral de sistemas e fundamentos de sistemas de informação. Cursos em que pode ser adotado: sistemas de informação, ciência da computação, informática, administração e engenharia de produção

FORMATOS DISPONíVEIS

9 capítulos

Formato Comprar item avulso Adicionar à Pasta

1 - Introdução à Teoria Geral dos Sistemas

PDF Criptografado

14

CAPÍTULO 1

Evolução da ciência

O objetivo de iniciarmos o capítulo pela retomada das características e da evolução da ciência, ou do pensamento científico, é preparar o caminho para a compreensão do que se entende por pensamento sistêmico, pois os dois conceitos, pensamento sistêmico e pensamento científico, são complementares.

O mundo em que habitamos é um mundo criado pela atividade da ciência.

Ela nos ajuda a criar objetos físicos, sistemas de transportes, sistemas de comunicação, sistemas educacionais, sistemas de saúde e novas tecnologias, bem como a organização da sociedade; nos ajuda a entender como funciona o mundo natural, e

é também responsável pelo fornecimento dos meios que permitem a destruição de nosso planeta. Assim, o que está sendo chamado de ciência moderna é o resultado da Revolução Científica que ocorreu no século XVII, mas, desde o século VI antes da era cristã, os gregos já manifestavam o desejo de conhecer o mundo como é.

Por um período de aproximadamente 500 anos, o desenvolvimento da ciência deu-se através de uma série de especialidades: geometria, astronomia, geografia, medicina, mecânica... Euclides desenvolveu a “geometria euclidiana”, estudada até hoje nas escolas do mundo todo. Ptolomeu dedicou-se à astronomia, tendo realizado uma precisa observação sobre o movimento dos planetas. A grande contribuição dada pelos gregos, na evolução da ciência, foi explicar o funcionamento do mundo abstraindo os aspectos religiosos e míticos. A explicação foi feita com base na explicação racional.

 

2 - Sistemas

PDF Criptografado

INTRODUÇÃO À TEORIA GERAL DOS SISTEMAS

27

2

Sistemas

OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM

1.

identificar os principais parâmetros de um sistema no paradigma entradasaída;

2.

conhecer a tipologia dos sistemas;

3.

conhecer algumas propriedades dos sistemas;

4.

conhecer as etapas do ciclo de vida de um sistema.

PARADIGMA ENTRADA-SAÍDA

Pode parecer estranho que um livro que se propõe a abordar, entre outros conteúdos, os conceitos e a natureza dos sistemas não tenha feito isso em seu capítulo inicial. Conforme já foi observado no Capítulo 1, o conceito de sistemas

é inerente às pessoas. Falamos em sistemas várias vezes durante o dia. Usamos a palavra “sistemas” em expressões como: sistema educativo, sistema financeiro, sistema de freios, sistema de equações, sistema político, sistema de armação (de um time de futebol), sistema de entrada (expressão usada pela Associação dos

Tenistas Profissionais para classificar os tenistas profissionais), sistema operacional, sistema de transmissão, entre outros.

Se recorrermos ao dicionário, podemos encontrar dezenas de conceitos.

 

3 - Modelos e a solução de problemas

PDF Criptografado

43

SISTEMAS

3

Modelos e a solução de problemas

OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM

1.

reconhecer a importância da utilização de modelos na solução de problemas e na tomada de decisão;

2.

aplicar a modelagem com uso de diagramas em alguns problemas hard;

3.

identificar problemas para a aplicação da modelagem com uso de mapas cognitivos;

4.

identificar problemas para a aplicação de Programação Linear e Simulação;

5.

identificar problemas para a aplicação da Metodologia de Sistemas Soft;

6.

classificar os problemas para a tomada de decisão.

MODELOS

Assim como a palavra “sistemas” possui vários conceitos, também “modelos” oferece algumas dezenas de aplicações. Por exemplo, no dicionário Universal

(disponível on-line), existem 73 entradas para “modelo”. Como não se trata de um estudo sobre top models, nem sobre próteses, para citar duas aplicações do conceito, vamos restringir às áreas de sistemas de informação e administração.

Independentemente de estarmos pensando no projeto de um sistema de informação, ou na solução de um problema administrativo (financeiro, mercadológico ou de produção), a proposta de trabalhar com modelos é a mesma: construir uma representação da realidade que nos permita, de modo mais seguro e econômico, criar um ambiente para, se necessário, simular sua funcionalidade, estudar a viabilidade de implementação, etc. Então, podemos conceituar um modelo como

 

4 - Organizações

PDF Criptografado

MODELOS E A SOLUÇÃO DE PROBLEMAS

71

4

Organizações

OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM

1.

caracterizar as novas perspectivas no estudo das organizações;

2.

caracterizar a administração dentro de uma perspectiva sistêmica;

3.

apresentar as teorias que abordam a questão da durabilidade das organizações;

4.

demonstrar os aspectos estratégicos nas organizações e na área de SI.

AS ORGANIZAÇÕES: NOVAS PERSPECTIVAS E CARACTERÍSTICAS

A sociedade em que vivemos, profundamente afetada pelas mudanças introduzidas através da emergência da informação e do conhecimento como aspectos fundamentais e determinantes da nova sociedade, leva-nos a um novo entendimento das organizações e suas dinâmicas de funcionamento. A assimilação dessa nova realidade e de seus impactos nas organizações deve ser analisada sob novas abordagens teóricas para explicar as organizações, suas estratégias, sua durabilidade, suas ações e a volta do planejamento estratégico, ancorado em novas percepções do processo decisório e da aprendizagem organizacional.

 

5 - Informação

PDF Criptografado

93

ORGANIZAÇÕES

5

Informação

OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM

1.

conceituar os termos dados, informação, conhecimento e competências;

2.

caracterizar os aspectos estratégicos da informação;

3.

identificar a relação entre sistemas de informação, tecnologia da informação e processos de negócios em uma organização;

4.

identificar a evolução das tecnologias e seu uso ao longo do tempo;

5.

analisar a aplicação da curva de aprendizagem na área de SI;

6.

caracterizar a importância da abordagem.

DADOS, INFORMAÇÃO, CONHECIMENTO E COMPETÊNCIA

A informação é um conceito central na área de sistemas de informação. A informação é o recurso mais valioso e importante nas organizações na sociedade atual, também conhecida como sociedade da informação. Entretanto, é fundamental definir claramente esse conceito, bem como outros que estão fortemente relacionados: dados, conhecimento, competências e inovação.

Dados

O dado consiste em um fato bruto (nome de um funcionário, número de matrícula de um aluno, código de um produto, etc.) ou suas representações (imagens, sons, números, etc.) que podem ou não ser úteis ou pertinentes para um processo em particular. Diversos tipos de dados podem ser utilizados para representar esses fatos (ver Tabela 5.1).

 

6 - Sistemas de Informação

PDF Criptografado

109

INFORMAÇÃO

6

Sistemas de Informação

OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM

1.

caracterizar os objetivos dos sistemas de informação;

2.

apresentar as funções dos sistemas de informação;

3.

mostrar os componentes dos sistemas de informação;

4.

caracterizar as dimensões dos sistemas de informação;

5.

identificar os tipos de sistemas de informação;

6.

apresentar o emprego dos sistemas de informação no suporte ao controle e integração dos processos de negócio e funções empresariais;

7.

demonstrar o emprego dos sistemas de informação no suporte ao processo decisório;

8.

caracterizar o emprego dos sistemas de informação no suporte estratégico empresarial.

O CONCEITO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

Os conceitos de sistema e de informação, discutidos ao longo dos capítulos anteriores, permitem que possamos caracterizar o que são os sistemas de informação. No Capítulo 2, vimos que o termo “sistema” tem ampla utilização e genericamente designa todo o conjunto de elementos que interagem entre si, cumprindo determinados objetivos ou tarefas e situam-se em um contexto ambiental. Além disso, vimos que é possível especificar um sistema a partir do paradigma da entrada-saída.

 

7 - Implementação de sistemas de informação

PDF Criptografado

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

135

7

Implementação de sistemas de informação

OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM

1.

caracterizar as etapas do ciclo de vida dos sistemas de informação;

2.

conceituar implementação de sistemas de informação;

3.

caracterizar as abordagens de implementação de sistemas de informação adotadas pelas organizações;

4.

mostrar o sucesso da implementação de sistemas de informação;

5.

caracterizar as medidas de avaliação do sucesso de sistemas de informação;

6.

assinalar as principais áreas de problemas dos sistemas de informação;

7.

caracterizar um modelo de avaliação da efetividade dos sistemas de informação.

O CICLO DE VIDA DOS SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

A necessidade de informações faz com que a organização implemente sistemas de informação que, com o passar do tempo, podem não mais atender às necessidades organizacionais, fazendo com que novas soluções tenham de ser buscadas, num processo denominado “ciclo de vida”. O ciclo de vida do sistema é o processo evolucionário constituído de fases pelas quais um sistema passa desde seu planejamento até sua obsolescência e conseqüente necessidade de replanejamento, originando um novo sistema.

 

8 - Tecnologia da informação

PDF Criptografado

IMPLEMENTAÇÃO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

155

8

Tecnologia da informação

OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM

1.

conceituar tecnologia da informação;

2.

caracterizar os recursos de hardware empregados em sistemas de informação;

3.

caracterizar os recursos de software empregados em sistemas de informação;

4.

apresentar os recursos de telecomunicações e de redes empregados em sistemas de informação.

O CONCEITO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

Os sistemas de informação baseados em computador utilizam a informática e as telecomunicações como instrumentos para melhorar sua efetividade. As tecnologias empregadas melhoram a capacidade e a velocidade das funções de coleta, armazenamento, processamento e distribuição da informação. Isso contribui para a melhoria da qualidade e da relação custo/benefício da informação disponibilizada. Podemos conceituar a tecnologia da informação (TI) como o conjunto de recursos não-humanos empregados na coleta, armazenamento, processamento e distribuição da informação. Além disso, consideramos que a TI abrange os métodos, as técnicas e as ferramentas para planejamento, desenvolvimento e suporte dos processos de utilização da informação.

 

9 - Aspectos éticos em sistemas de informação

PDF Criptografado

TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

191

9

Aspectos éticos em sistemas de informação

OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM

1.

caracterizar o processo histórico que levou a informação e o conhecimento a se tornarem recursos fundamentais para os processos produtivos e para a organização social na atualidade;

2.

apresentar os aspectos éticos, morais e legais do uso da informação e dos sistemas de informação;

3.

caracterizar princípios de conduta ética do profissional de sistemas de informação.

A EVOLUÇÃO DOS SISTEMAS DE PRODUÇÃO E O PAPEL DA

INFORMAÇÃO E DO CONHECIMENTO NA ATUALIDADE

Certamente, já ouvimos inúmeras vezes expressões como “era da informação” ou “era do conhecimento” para designar essa época em que vivemos. Da mesma forma, já ouvimos falar em “sociedade da informação” e “sociedade do conhecimento” para designar a forma como os homens têm se organizado no final do século XX e início do século XXI. Por fim, “economia da informação”,

“economia do conhecimento” e “nova economia” têm sido utilizadas para conceituar a organização dos sistemas produtivos nessa transição para o terceiro milênio. Talvez, no futuro, quando uma nova “época” suceder a que vivemos, os historiadores e sociólogos poderão chegar a um consenso a respeito do que efetivamente a humanidade vivenciou durante os séculos XX e XXI. Mas, antes que isso aconteça, podemos discutir alguns aspectos históricos, econômicos, políticos e sociais que permitem contextualizar a atuação profissional ética na área de sistemas de informação.

 

Detalhes do Produto

Livro Impresso
Book
Capítulos

Formato
PDF
Criptografado
Sim
SKU
B000000042476
ISBN
9788577801305
Tamanho do arquivo
1,4 MB
Impressão
Desabilitada
Cópia
Desabilitada
Vocalização de texto
Não
Formato
PDF
Criptografado
Sim
Impressão
Desabilitada
Cópia
Desabilitada
Vocalização de texto
Não
SKU
Em metadados
ISBN
Em metadados
Tamanho do arquivo
Em metadados