Materiais de Construção - Vol. 2

Visualizações: 78
Classificação: (0)

Uma referência em materiais de construção. Com 40 anos de sucesso, Materiais de Construção, volumes 1 e 2, chega à 6ª edição totalmente revisado. Seus volumes trazem novas técnicas, capítulos, tecnologias e normatização em Engenharia Civil e Arquitetura.

Com linguagem clara e acessível, Materiais de Construção facilita a compreensão e a aplicação dos conhecimentos com uma abordagem técnica e prática, além de inúmeros exemplos e figuras que ilustram os conceitos. Ao final da leitura, os estudantes serão capazes de entender como a solidez, a durabilidade, o custo e o acabamento de uma obra dependem diretamente da qualidade dos materiais empregados.

Novidades da 6ª edição:

Capítulos totalmente revisados.
Normas atualizadas a janeiro de 2018.
Implementação de novos materiais.
Novas técnicas, inclusive de execução, e tecnologias.
No volume 2, houve a inclusão dos capítulos “Artefatos de Cimento Portland” e “Impermeabilização”, além de dois capítulos totalmente reescritos (“Polímeros” e “Materiais e Concretos Asfálticos”).

FORMATOS DISPONíVEIS

eBook

Disponível no modelo assinatura da Minha Biblioteca

15 capítulos

Formato Comprar item avulso Adicionar à Pasta

17 A Madeira como Material de Construção

ePub Criptografado

Prof. Adamastor A. Uriartt • Prof. Dr. Francisco Antonio Romero Gesualdo

17.1 Características das Madeiras como Materiais de Construção

17.2 Origem e Produção das Madeiras

17.2.1 Classificação das Árvores

17.2.2 Fisiologia e Crescimento das Árvores

17.2.3 Estrutura Fibrosa do Lenho

17.2.4 Composição Química das Madeiras

17.2.5 Identificação Botânica das Espécies Lenhosas

17.2.6 Produção das Madeiras

17.3 Propriedades Físicas das Madeiras

17.3.1 Fatores de Alteração das Propriedades Físicas e Mecânicas

17.3.2 Ensaios Normalizados

17.3.3 Características Físicas das Madeiras

17.4 Propriedades Mecânicas das Madeiras

 

18 Materiais Cerâmicos

ePub Criptografado

Prof. Arq. Enio José Verçosa • Prof. Dr. João Fernando Dias

18.1 Introdução

18.1.1 Breve Histórico e Panorama do Setor

18.2 Definição de Cerâmica

18.3 Argilas na Fabricação de Cerâmicas

18.3.1 Argilominerais

18.3.2 Tipos de Depósitos de Argila

18.3.3 Tipos de Argila

18.3.4 Composição das Argilas

18.3.5 Propriedades das Argilas

18.4 Propriedades das Cerâmicas

18.4.1 Fatores de Desagregação das Cerâmicas

18.5 Fabricação de Produtos Cerâmicos

18.5.1 Extração da Matéria-Prima

18.5.2 Preparo da Matéria-Prima

18.5.3 Moldagem do Produto

 

19 Vidros

ePub Criptografado

Eng.o Nilton Soler Saintive • Eng.o Rafael Bruni • Prof. Dr. Samuel Márcio Toffoli

19.1 Introdução

19.2 Produção do Vidro Plano

19.2.1 Processos Mais Antigos

19.2.2 Vidro Float

19.3 O Vidro na Arquitetura

19.4 Vidros Coloridos, Termorrefletores e Insulados

19.4.1 Vidros Coloridos e Termorrefletores

19.4.2 Vidros Duplos ou Insulados

19.4.3 Tensões Térmicas em Uso

19.5 Vidros Impressos

19.5.1 Processo de Fabricação e Características

19.5.2 Tipos

19.5.3 Aplicações

19.6 Vidros de Segurança

 

20 Metais

ePub Criptografado

Prof. Arq. Enio José Verçosa • Prof. Dr. Eduvaldo Paulo Sichieri

20.1 Obtenção

20.1.1 Conceito de Metal

20.1.2 Minério

20.1.3 Mineração

20.1.4 Metalurgia

20.1.5 Sinopse de Obtenção dos Metais

20.1.6 Principais Minérios e Ocorrências dos Metais Não Siderúrgicos

20.2 Constituição

20.2.1 Cristalização

20.2.2 Exame Cristalográfico

20.2.3 Formação dos Grãos

20.2.4 Filme Intercristalino

20.3 Ligas

20.3.1 Diagramas de Equilíbrio

20.3.2 Obtenção das Ligas

20.4 Propriedades Importantes e Ensaios

20.4.1 Aparência

 

21 Produtos Siderúrgicos

ePub Criptografado

Prof. Dr. Luiz Antonio de O. B. de Araújo • Prof. Dr. Eduvaldo Paulo Sichieri

21.1 Definição e Importância

21.2 Obtenção

21.2.1 Minérios

21.2.2 Produtores

21.2.3 Mineração do Ferro

21.2.4 Alto-forno

21.2.5 Marcha da Operação

21.2.6 Ferro-gusa

21.2.7 Aços e Ferro Doce

21.2.8 Obtenção do Aço

21.2.9 Moldagem

21.2.10 Fundição

21.2.11 Forjamento

21.3 Constituição

21.3.1 Classificação dos Produtos Siderúrgicos

21.3.2 Elementos Constituintes das Ligas de Ferro-carbono

21.3.3 Cristais

21.3.4 Tratamento Térmico dos Metais

 

22 Artefatos de Cimento Portland

ePub Criptografado

Prof. Dr. João Fernando Dias • Prof. Dr. Ricardo Cruvinel Dornelas

22.1 Introdução

22.2 Matéria-prima para a Fabricação de Artefatos de Cimento

22.3 Blocos Vazados de Concreto para Alvenaria

22.3.1 Normas Técnicas Relacionadas

22.3.2 Características Gerais dos Blocos Vazados de Concreto para Alvenarias

22.3.3 Famílias de Blocos

22.3.4 Classificação dos Blocos

22.3.5 Valor Estimado da Resistência Característica à Compressão (fbk,est)

22.3.6 Controle de Qualidade

22.4 Peças de Concreto para Pavimentação

22.4.1 Modelos de Peças

22.4.2 Materiais Empregados na Fabricação das Peças de Concreto para Pavimentação

 

23 Alvenaria EstruturaL

ePub Criptografado

Prof. Eng.o Roberto José Falcão Bauer • Prof. Eng.o Maurício Marques Resende

23.1 Introdução

23.2 Componentes da Alvenaria Estrutural

23.2.1 Blocos

23.2.2 Argamassa

23.2.3 Graute

23.3 Elemento de Alvenaria – Prisma

23.4 Projeto Estrutural

23.5 Execução e Controle de Obras em Alvenaria Estrutural

23.5.1 Caracterização Prévia

23.5.2 Controle durante a Construção

23.5.3 Produção da Alvenaria

23.6 Manifestações Patológicas

23.6.1 Fissuras

23.6.2 Eflorescências

A alvenaria estrutural é um sistema construtivo em que a estrutura e a vedação do edifício são executadas simultaneamente. O sistema dispensa o uso de pilares e vigas, ficando a cargo dos blocos estruturais a função portante da estrutura. Neste sistema, o subsistema parede não tem apenas a função de vedação; ela desempenha também o papel de estrutura da edificação.

 

24 Solo-Cimento

ePub Criptografado

Prof.a Eng.a Moema Ribas Silva • Prof.a Dr.a Rosa Maria Sposto

24.1 Introdução

24.2 Solo-Cimento

24.3 Principais Ensaios Realizados no Solo-cimento

24.3.1 Ensaios Expeditos

24.3.2 Ensaios de Compactação

24.3.3 Moldagem e Cura de Corpos de Prova Cilíndricos

24.3.4 Durabilidade por Molhagem e Secagem

24.4 Tijolos e Blocos de Solo-Cimento para alvenaria

24.4.1 Principais Diferenças entre Tijolo e Bloco Maciço e Vazado de Solo-Cimento

24.4.2 Tipos de Tijolo e de Bloco de Solo-Cimento e Seus Materiais Constituintes

24.4.3 Requisitos Referentes às Dimensões de Tijolo e de Bloco de Solo-Cimento

 

25 Tintas

ePub Criptografado

Prof. Eng.o Gilberto Della Nina • Prof.a Dr.a Kai Loh • Eng.o Ian Paslar Bertozzo

25.1 Introdução

25.2 Composição da Tinta

25.2.1 Constituintes Básicos das Tintas

25.2.2 Resinas

25.2.3 Pigmentos e Cargas

25.2.4 Solventes

25.2.5 Aditivos

25.3 Mecanismos de Formação de Filme

25.3.1 Tintas Látex Acrílica e Vinílica

25.3.2 Óleos e Resinas Alquídicas

25.3.3 Resina Epóxi e Bicomponentes

25.4 Proporcionamento dos Componentes da Tinta

25.5 Processo de Fabricação da Tinta

25.6 Constituintes dos Sistemas de Pintura

 

26 Polímeros

ePub Criptografado

Eng.o Dr. Antonio Rodolfo Jr.

26.1 Introdução

26.2 Breve Histórico

26.3 Conceitos Básicos Sobre Características dos Polímeros

26.4 Principais Polímeros

26.5 Principais Propriedades dos Materiais Poliméricos

26.6 Pesquisa e Desenvolvimento

26.7 Principais Polímeros Utilizados na Construção Civil

26.7.1 Plásticos de Uso Geral

26.7.2 Plásticos de Engenharia

26.7.3 Outros Polímeros Diversos

26.8 Reciclagem dos Materiais Plásticos

A utilização de materiais poliméricos na indústria da construção civil é uma tendência crescente no Brasil. No passado, as aplicações de materiais poliméricos nesta indústria, em substituição a materiais tradicionais como metais, madeira, cerâmica, dentre outros, apresentavam-se como uma possibilidade limitada eventualmente pelo desconhecimento, por parte dos especificadores, de suas particularidades de projeto e aplicação, porém cada vez mais sua presença é crescente, mesmo em aplicações estruturais.

 

27 Materiais e Misturas Asfálticas para Pa vimentação

ePub Criptografado

Prof.a Dr.a Liedi Légi Bariani Bernucci • Prof. Dr. Rodrigo Pires Leandro

27.1 Ligantes Asfálticos

27.1.1 Processos de Produção

27.1.2 Tipos, Caracterização e Especificações de Ligantes Asfálticos

27.2 Agregados para Misturas Asfálticas

27.2.1 Classificação dos Agregados

27.2.2 Propriedades Físicas dos Agregados de Interesse à Pavimentação

27.2.3 Massas Específicas dos Agregados

27.3 Camadas dos Pavimentos sob o Contexto Estrutural e Funcional

27.4 Revestimentos Asfálticos

27.4.1 Misturas Usinadas a Quente

27.4.2 Misturas Asfálticas a Frio

27.4.3 Misturas Asfálticas Mornas

27.4.4 Tratamentos Superficiais

 

28 Qualidade Total na Indústria da Construção Civil

ePub Criptografado

L. A. Falcão Bauer • Prof. Dr. Ercio Thomaz

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Este capítulo tem como objetivo indicar parâmetros para que a indústria da construção civil adote a filosofia da Qualidade Total, fator preponderante para a melhoria da qualidade, otimização da produtividade, redução dos custos e, principalmente, aumento do ciclo de vida/durabilidade das obras.

Já tendo sido adotada em vários ramos da indústria, com graus variáveis de intensidade, é estranho que a construção civil, operada por engenheiros, arquitetos e outros profissionais altamente qualificados, seja uma das últimas a praticá-la para aprimorar e controlar sua produção.

A filosofia e prática da Qualidade Total intensificou-se a partir de 1920, atingindo seu ápice nos anos 1960, quando o Japão, pela sua adoção de forma quase que generalizada, tornou-se em poucos anos a segunda potência industrial do mundo.

Antes de discorrer sobre o tema, há necessidade de firmar alguns conceitos básicos sobre a normalização e a Garantia de Qualidade, já que normas técnicas e qualidade, estando intimamente ligadas, são fundamentais para a produção em condições adequadas de custos, prazos, qualidade e sustentabilidade.

 

29 Pa tologias em Pisos Industriais de Concreto Revestidos por Argamassa de Alta Resistência ou por Revestimento de Alto Desempenho

ePub Criptografado

Prof. Eng.o Roberto José Falcão Bauer • Prof. Eng.o Maurício Marques Resende

29.1 Introdução

29.2 Pisos de Alta Resistência

29.3 Revestimento de Alto Desempenho (RAD)

29.4 Principais Patologias em Pisos de Argamassa de Alta Resistência

29.4.1 Fissuras

29.4.2 Placas Trincadas

29.4.3 Desnível entre Placas (Degrau nas Juntas)

29.4.4 Deficiência na Selagem das Juntas

29.4.5 Bombeamento

29.4.6 Placas Bailarinas

29.4.7 Esborcinamento de Juntas

29.4.8 Esmagamento

29.4.9 Desgaste

29.4.10 Desagregação

29.4.11 Descolamento

 

30 Revestimentos de Argamassa Inorgânica e Cerâmicos – Fa lhas e Recomendações

ePub Criptografado

Prof. Eng.o Roberto José Falcão Bauer • Eng.a Fabiola Rago Beltrame • Prof. Dr. Antônio Neves de Carvalho Júnior

30.1 Introdução

30.2 Falhas em Revestimentos

30.2.1 Descolamentos

30.2.2 Fissuras

30.2.3 Vesículas

30.2.4 Manchas

30.2.5 Eflorescências

30.2.6 Falhas Relacionadas com a Umidade

30.2.7 Manchas de Fachadas por Contaminação Atmosférica

30.2.8 Contaminação Ambiental por Substâncias Agressivas

30.3 Recomendações nas Fases de Projeto, Execução e Manutenção dos Revestimentos

30.3.1 Recomendações na Fase de Projeto

30.3.2 Recomendações na Fase de Execução

30.3.3 Recomendações na Fase de Manutenção

 

31 Impermeabilização

ePub Criptografado

Eng.o MSc. Marcos Storte

31.1 Introdução

31.2 Conceitos e Definições Relacionados com a Impermeabilização

31.2.1 Projeto de Impermeabilização

31.3 Tipos de Impermeabilização

31.3.1 Cimentícios

31.3.2 Asfálticos

31.3.3 Poliméricos

31.4 Recomendações Gerais para Execução de Detalhes Construtivos

31.5 Sobre a Norma Regulamentadora NR 18 – Condições e Meio Ambiente de Trabalho na Indústria da Construção

As diversas formas de presença ou infiltração de água nos elementos construtivos podem ser responsáveis por grande parte das degradações, com diversas intensidades e com prejuízos à estética, à função, à salubridade, exigindo recursos materiais, financeiros e tempo para solucionar os problemas. Assim é que a utilização de sistemas de impermeabilização das construções representa a proteção dos elementos construtivos para garantir o desempenho adequado, a salubridade e a vida útil desejada.

 

Detalhes do Produto

Livro Impresso
Book
Capítulos

Formato
ePub
Criptografado
Sim
SKU
BPE0000270876
ISBN
9788521636601
Tamanho do arquivo
15 MB
Impressão
Desabilitada
Cópia
Desabilitada
Vocalização de texto
Não
Formato
ePub
Criptografado
Sim
Impressão
Desabilitada
Cópia
Desabilitada
Vocalização de texto
Não
SKU
Em metadados
ISBN
Em metadados
Tamanho do arquivo
Em metadados