Mercado Financeiro Brasileiro

Visualizações: 5
Classificação: (0)

Mercado Financeiro Brasileiro, de Liliam Sanchez Carrete e Rosana Tavares, é um livro que apresenta os principais conceitos e aplicações práticas dos pilares do mercado financeiro:_x000D_
_x000D_
_x000D_
mercado monetário;_x000D_
mercado de crédito;_x000D_
mercado cambial; e_x000D_
mercado de capitais._x000D_
_x000D_
_x000D_
O conteúdo do livro é ilustrado com casos reais do mercado financeiro brasileiro, e cada capítulo é introduzido por um relato de um profissional renomado da área, garantindo a atualidade e utilização prática dos conceitos da obra._x000D_

 

5 capítulos

Formato Comprar item avulso Adicionar à Pasta

1. Introdução

ePub Criptografado

Compreender como opera o mercado financeiro é fundamental para entender o funcionamento das sociedades modernas, a fim de que no dia de amanhã se possa ser ator do próprio desenvolvimento.

Por quê? Muito simples. O mercado financeiro é peça central no processo de criação de riqueza e desenvolvimento de um país, pré-requisito para uma sociedade mais rica e mais justa. As sociedades que souberem canalizar sua criatividade e poder multiplicador, bem como controlar os seus excessos, irão prosperar e se desenvolver.

A razão de ser do mercado financeiro não tem mudado na sua essência desde que o crédito foi inventado na Mesopotâmia em 2000 a.C.: indivíduos guardando sua riqueza (ouro, grãos etc.) no templo ou no palácio e os sacerdotes (os primeiros banqueiros) emprestando os grãos para os agricultores que iam repagar os empréstimos com a colheita. Tudo registrado em barras de argila. Ou seja, canalizar excedentes financeiros de poupadores para pessoas ou entidades que precisam desses recursos para uma atividade comercial ou produtiva.

 

2. Mercado Monetário

ePub Criptografado

A ciência da economia pode ser entendida como o estudo das trocas humanas. Trocas entre pessoas, entre empresas, entre países, entre presente e futuro. Tudo nessa ciência se baseia nas trocas, e elas, por sua vez, só são possíveis na velocidade atual porque criamos um facilitador chamado papel-moeda ou dinheiro, como é coloquialmente chamado. Antigamente, utilizávamos o escambo, péssimo formato para trocar bens. Depois mudamos para as moedas físicas, como ouro, cobre, entre outras, ainda um formato não apropriado em virtude de sua dificuldade de locomoção. Porém, sua falha essencial é outra: dependência de estoque. O estoque de ouro e outros metais é finito, entretanto, nossa economia não precisa ser – ela pode ser baseada no crédito – a troca entre presente e futuro. A melhor forma de entender isso é imaginar uma pessoa que tem uma ideia para desenvolver capital, que lhe permitirá aumentar sua produtividade no futuro, mas não tem os meios (recursos) para desenvolvê-la agora. Outra pessoa, por outro lado, possui os recursos, mas não a ideia. Ela pode emprestá-los e cobrar uma parcela dos resultados enquanto a primeira pessoa desenvolve a ideia. Se ela tiver sucesso, todos ganham, pois um novo capital foi criado, e ela beneficiará a sociedade como um todo, não somente aquele que o criou. O que possibilita esse acelerado desenvolvimento de capital é justamente o crédito. No entanto, o crédito, por mais fantástico que seja, traz consigo um porém: a liquidez.

 

3. Mercado de Crédito

ePub Criptografado

Atuo no Banco ABC Brasil há oito anos. Controlado pelo Arab Banking Corporation, o ABC é um banco múltiplo estabelecido no Brasil, especializado na concessão de crédito e serviços financeiros para empresas de grande porte, desde 1989. A principal linha de negócios do Banco é a intermediação financeira voltada para operações que envolvam análise e assunção de riscos de crédito corporativo no segmento de grandes empresas. Adicionalmente oferece outros produtos e serviços, tais como derivativos, avais e fianças, gestão de caixa, assessoria em fusões e aquisições e estruturação e distribuição de dívida corporativa, entre outros. Em virtude das características de crédito do nicho em que atua, o Banco ABC Brasil utiliza o processo de análise de crédito com base no modelo fundamentalista. Esse processo exige um conhecimento altamente especializado com equipe de profissionais fortemente capacitada.

Desde sua criação, em 1989, o Banco ABC Brasil sempre atuou no segmento de grandes empresas. Em 2005, o Banco tomou a decisão de ingresso no segmento de médias empresas que inicialmente era composto por empresas com faturamento anual entre 30 e 250 milhões de reais por ano. Acreditava-se que nesse segmento, o Banco poderia se diferenciar dos concorrentes, já que era um segmento pouco atendido pelos concorrentes diretos do Banco. Ao longo do tempo, na busca por melhor eficiência operacional, o banco foi alterando o nível de faturamento dos clientes classificados como empresas médias, primeiramente para empresas com receita anual entre 30 e 400 milhões de reais em 2012; depois, entre 50 e 500 milhões de reais em 2013. Esse segmento demonstrou a forte presença de assimetria informacional em função do alto grau de informalidade. Seria necessária a adoção de modelos estatísticos de análise de crédito como o credit scoring, especialização essa completamente distante da especialização de análise fundamentalista de crédito dominada pelo Banco.

 

4. Mercado Cambial

ePub Criptografado

Os mercados de câmbio são de suma importância para as empresas e negócios que envolvam algum tipo de comércio, investimento ou financiamento com o exterior do país. Isto porque nestes casos sempre se faz necessário, de maneira física ou referencial, alguma conversão de moedas ou troca de valores entre a moeda local e a estrangeira, ou ainda entre duas moedas estrangeiras.

No Brasil, isto não é diferente. As características de dependência de comércio exterior e de financiamentos e investimento vindos de mercados estrangeiros sempre foram muito marcantes durante toda a história econômica brasileira. Mas, se por um lado, a trocas de moedas viabilizam negócios com o exterior, permitindo o atendimento de necessidades e o aumento de eficiência econômica e empresarial, também, em momentos de crise ou de transição, os mercados de câmbio são dos mais sensíveis, por traduzir o sentimento e a expectativa dos participantes do mercado local e do estrangeiro sobre a economia e o valor da moeda local.

 

5. Mercado de Capitais

ePub Criptografado

Parece que foi ontem, mas já se passaram 12 anos desde que eu comecei a trabalhar na área de Equity Research. Durante esse período, trabalhei na cobertura de mais de 30 empresas, em diversos setores e países, e participei de incontáveis ofertas de ações. E posso dizer, sem medo de errar, que não poderia ter feito uma escolha melhor para a minha carreira. Ser um analista de ações não é só intelectualmente desafiador, mas também possibilita trabalhar em conjunto com pessoas brilhantes, ajudar a construir histórias de sucesso e contribuir para melhorar a nossa sociedade.

Diferentemente do que muita gente imagina, usar o instrumental financeiro que aprendemos na academia para realizar uma recomendação de investimento é apenas a “ponta do iceberg” do nosso trabalho. Se tivesse que resumir, de maneira bastante simplista, qual é nosso principal objetivo, eu diria: ajudar investidores e executivos de empresas a pensar, para que assim eles tomem as melhores decisões possíveis. Ou, olhando através da ótica econômica: auxiliar a nossa sociedade a encontrar a alocação de capital mais eficiente possível.

 

Detalhes do Produto

Livro Impresso
eBook
Capítulos

Formato
ePub
Criptografado
Sim
SKU
BPE0000270450
ISBN
9788597021387
Tamanho do arquivo
6,1 MB
Impressão
Desabilitada
Cópia
Desabilitada
Vocalização de texto
Não
Formato
ePub
Criptografado
Sim
Impressão
Desabilitada
Cópia
Desabilitada
Vocalização de texto
Não
SKU
Em metadados
ISBN
Em metadados
Tamanho do arquivo
Em metadados