Fundamentos de Topografia

Visualizações: 242
Classificação: (0)

Base de qualquer projeto ou obra realizada por engenheiros ou arquitetos, o levantamento topográfico é uma prática indispensável para determinar todos os detalhes de um terreno. Pensando nisso, os experientes professores Marcelo Tuler e Sérgio Saraiva trazem em Fundamentos de Topografia todos os conhecimentos necessários para ajudá-lo a compreender a importância da ciência topográfica e a entender como fazer um levantamento topográfico (métodos e tecnologias).

FORMATOS DISPONíVEIS

7 capítulos

Formato Comprar item avulso Adicionar à Pasta

Capítulo 1 - Generalidades e definições

PDF Criptografado

capítulo 1

Generalidades e definições

A Topografia busca representar um local com base na geometria e na trigonometria plana. Neste capítulo, discutimos a evolução dessa ciência.

Apresentamos alguns de seus conceitos clássicos e fundamentais, bem como alguns conceitos de Geodésia e de Cartografia, de forma a fornecer embasamento teórico e prático para os demais capítulos. Abordamos também o mercado de trabalho e as principais atividades e equipamentos da área.

Objetivos

Compreender a evolução da ciência topográfica.

Conhecer as atividades de campo e os equipamentos topográficos.

Diferenciar os diversos sistemas de referência adotados em levantamentos topográficos.

Tuler_topografia_01.indd 1

23/07/13 16:55

Resumo histórico

A percepção e o entendimento de técnicas, bem como a definição de procedimentos e do uso dos instrumentos topográficos, ocorreram sempre paralelamente às aspirações do homem. A sobrevivência humana depende do conhecimento das peculiaridades e das adversidades da natureza. Essa preocupação remonta aos primórdios da civilização e persiste até hoje.

 

Capítulo 2 - Planimetria

PDF Criptografado

capítulo 2

Planimetria

Os resultados dos levantamentos planimétricos geralmente são as coordenadas topográficas e a determinação da área de determinado local. Neste capítulo, abordamos os sistemas de unidades próprios às medições topográficas e apresentamos os métodos, equipamentos e cálculos de planilhas de coordenadas, com base na Associação Brasileira de Normas Técnicas

(ABNT, 1994).

Objetivos

Relacionar o sistema de unidades com a área topográfica.

Conhecer as principais unidades (linear e angular) aplicadas na

Topografia.

Entender o uso de azimutes para orientação de trabalhos topográficos.

Conhecer os métodos e os equipamentos de levantamentos planimétricos.

Calcular coordenadas com base em normas técnicas.

Calcular áreas.

Tuler_topografia_02.indd 33

23/07/13 16:55

Planimetria

Considerando que topometria é a parte da Topografia responsável pela avaliação de grandezas para representação do ambiente, a planimetria é a parte da topometria que estuda os procedimentos, métodos e instrumentos de medida de ângulos e distâncias, levando em conta um plano horizontal.

 

Capítulo 3 - Altimetria

PDF Criptografado

capítulo 3

Altimetria

A altimetria destaca as irregularidades do relevo do terreno. Neste capítulo, apresentamos técnicas e equipamentos, cálculos e formas de representação desse relevo.

Objetivos

Diferenciar as superfícies de referências de nível.

Conhecer equipamentos e acessórios para o nivelamento.

Conhecer itens da ABNT (1994), referente à altimetria.

Conhecer os processos de nivelamento.

Calcular planilhas de nivelamento.

Conhecer as formas de representação altimétrica.

Desenhar e interpretar perfis topográficos.

Tuler_topografia_03.indd 133

23/07/13 16:56

Altimetria

A altimetria trata dos métodos e instrumentos topográficos empregados no estudo e na representação do relevo do terreno. Com esse objetivo, as medidas são efetuadas considerando um plano vertical, obtendo-se distâncias verticais ou diferenças de nível em campo.

As aplicações da altimetria se destacam em obras de terraplenagem, projetos de redes de

 

Capítulo 4 - Planialtimetria

PDF Criptografado

capítulo 4

Planialtimetria

Ao ser executada, uma medição pode estar sujeita a erros inerentes ao método, ao equipamento e ao operador. Neste capítulo, discutimos como aplicar estatística para tratamentos de dados de campo, buscando precisão e acurácia.

Objetivos

Conhecer os métodos de levantamento planialtimétrico.

Aplicar itens da norma ABNT (1994), na planialtimetria.

Calcular planilhas de coordenadas.

Conhecer as formas de representação planialtimétrica.

Calcular planilhas de cubação.

Tuler_topografia_04.indd 185

23/07/13 16:57

Introdução

Na planimetria, aplicam-se métodos e equipamentos para apresentação do terreno em duas dimensões, conforme apresentamos no Capítulo 2. Na altimetria, deve-se levantar os dados para representação do relevo do terreno, como vimos no Capítulo 3. Neste capítulo, veremos os métodos de levantamento planialtimétrico, com ênfase na poligonação eletrônica.

Também é apresentado um exemplo do uso e projeto sobre uma planta planialtimétrica. Na

 

Capítulo 5 - Concordâncias horizontais e verticais: aspectos básicos

PDF Criptografado

capítulo 5

Concordâncias horizontais e verticais: aspectos básicos

Em rodovias e ferrovias, os trechos retos são concordados por curvas horizontais e verticais. Entre as diversas técnicas adotadas, são apresentadas neste capítulo as curvas horizontal simples e com transição em espiral, e a curva vertical em parábola.

Objetivos

Diferenciar as curvas horizontais (circular simples e circular com transição) e as verticais (parábolas).

Conhecer os elementos das curvas horizontal e vertical.

Calcular os elementos das curvas horizontal e vertical.

Calcular as planilhas de locação.

Conhecer os métodos de locação.

Tuler_topografia_05.indd 211

23/07/13 16:58

Generalidades e definições

A função das rodovias e das ferrovias é manter o fluxo de veículos com conforto, segurança e a uma velocidade adequada, e para isso elas devem ser projetadas e construídas de modo que as mudanças de direção sejam compatíveis com a velocidade estabelecida em projeto. Dessa forma, a concordância entre duas tangentes deverá ser feita por meio de um trecho em curva.

 

Capítulo 6 - Estatística aplicada à Topografia: aspectos básicos

PDF Criptografado

capítulo 6

Estatística aplicada à

Topografia: aspectos básicos

Ao ser executada, uma medição pode estar sujeita a erros inerentes ao método, ao equipamento e ao operador. Neste capítulo, discutimos como aplicar estatística para tratamentos de dados de campo, buscando precisão e acurácia.

Objetivos

Conhecer fundamentos básicos de estatística, aplicados à

Topografia.

Aplicar conceitos de estatística em práticas topográficas.

Tuler_topografia_06.indd 277

23/07/13 16:59

Generalidades e definições

Nos capítulos anteriores, observou-se que, durante as operações topográficas, faz-se a coleta de várias grandezas, especificamente de distâncias e ângulos. Como vimos, medir uma grandeza consiste em compará-la com uma definida como padrão e analisar quantas vezes ela é maior ou menor do que esse padrão. Um exemplo de padrão é a medida real de 1 metro. No entanto, ao se medir uma grandeza com um número finito de vezes, um dos problemas a ser resolvido é estimar o melhor valor que represente a medida. Essa resposta é desenvolvida no ajustamento de observações.

 

Apêndice - Animais peçonhentos

PDF Criptografado

apêndice

Animais peçonhentos

Em uma prática topográfica em área rural, é muito comum o profissional deparar-se com animais peçonhentos. Neste capítulo, apresentamos os principais animais peçonhentos e como prevenir acidentes sem ameaçá-los.

Objetivos

Conhecer os riscos de acidentes com animais peçonhentos na atividade de campo da Topografia.

Conhecer os diferentes tipos de animais peçonhentos.

Conhecer medidas de prevenção de acidentes com animais peçonhentos.

Conhecer os quatro gêneros de serpentes peçonhentas.

Conhecer os procedimentos ao sofrer acidentes com serpentes.

Tuler_topografia_Apendice.indd 293

23/07/13 17:00

Introdução

A equipe de Topografia é a primeira a chegar a uma obra de engenharia, portanto, é a primeir meira a explorar a região e a ter contato com o “terreno virgem” das mais variadas cara características, como: brejos, matas, rios, lagos, serrado, capinzal, bosque, etc. Uma equ equipe que trabalha no mato, normalmente em situações de vegetação densa,

 

Detalhes do Produto

Livro Impresso
Book
Capítulos

Formato
PDF
Criptografado
Sim
SKU
BPP0000262329
ISBN
9788582601204
Tamanho do arquivo
29 MB
Impressão
Desabilitada
Cópia
Desabilitada
Vocalização de texto
Não
Formato
PDF
Criptografado
Sim
Impressão
Desabilitada
Cópia
Desabilitada
Vocalização de texto
Não
SKU
Em metadados
ISBN
Em metadados
Tamanho do arquivo
Em metadados