Crie suas própias Pastas

Selecione capítulos de diferentes livros e organize-os em sua própria pasta, de forma simples e rápida. Você pode ainda personalizar a capa e disponibilizar o conteúdo em nossa loja para seus alunos ou colegas.

Educação
Pesquisa
Lazer

Capítulos Selecione um ou vários capítulos para montar sua Pasta

Medium 9788582603703

Capítulo 7. Construindo Web Services com Java EE

Rodrigo Prestes Machado; Márcia Häfele Islabão Franco; Silvia de Castro Bertagnolli Grupo A PDF Criptografado

Rodrigo Prestes Machado

capítulo 7

Construindo Web Services com Java EE

Web Service, ou serviço Web, é um tópico importante quando o assunto

é a abordagem de aspectos sobre a integração de dados entre sistemas, desenvolvimento de componentes de software especializados ou arquitetura de sistemas. A tecnologia Java Enterprise Edition (EE) disponibiliza duas maneiras de se construir serviços Web: a primeira baseada em padrões XML e a segunda fundamentada no estilo arquitetural REST – Representational

State Transfer. Este capítulo apresentará, de um ponto de vista prático, aspectos da implementação de Web Services em Java.

Objetivos de aprendizagem

Identificar o que é e quais são os empregos dos Web Services.

Distinguir os principais conceitos envolvidos para construir um XML

Web Service.

Reconhecer o funcionamento e a forma de implementar um RESTful

Web Service.

Introdução

A fim de analisar o suporte da tecnologia Java Enterprise Edition (EE) para a construção de serviços Web (Web Services) é necessário ter uma boa compreensão sobre o que é um serviço Web.

Ver todos os capítulos
Medium 9788547209292

13 A FISCALIZAÇÃO TRIBUTÁRIA

CHIMENTI, Ricardo Cunha Editora Saraiva PDF Criptografado

Sinopses Jurídicas

13   A FISCALIZAÇÃO TRIBUTÁRIA

Observadas as regras da Constituição da República e do próprio

Código Tributário Nacional, as leis complementares e as demais normas da legislação tributária (lato sensu — art. 96 do CTN) podem estabelecer os critérios de fiscalização e os poderes das autoridades administrativas incumbidas de tal função fiscalizadora. O papel central da fiscalização é identificar e punir os infratores, de forma a estimular o cumprimento voluntário das obrigações e dar efetividade ao

Princípio da Capacidade Contributiva.

De acordo com o § 1º do art. 144 do Código Tributário Nacional, aplica-se de imediato a norma posterior ao fato gerador e que institui novos processos de apuração ou fiscalização. V. item 5.3.

Art. 195 do Código Tributário Nacional: para a legislação tributária não tem aplicação qualquer disposição infraconsti­tucional que exclua ou limite o direito de examinar mercado­rias, livros, arquivos, documentos e outros papéis dos comer­ciantes, industriais ou produtores.

Ver todos os capítulos
Medium 9788597013542

9 - Simulação

SILVA, Ermes Medeiros da Grupo Gen PDF Criptografado

Simulação

9

A adoção do caráter aleatório de variáveis na construção de modelos de sistemas substitui o conceito de acerto ou erro pelo risco. Tem pouco sentido aqui procurar uma solução

ótima para um problema. Faz sentido entender que tipo de variação pode ser feito para melhorar o desempenho do sistema, ou seja, objetivo mais adequado e menor risco.

9.1 INTRODUÇÃO

A simulação é uma das técnicas mais gerais usadas em Pesquisa Operacional. Simular sig‑ nifica reproduzir o funcionamento de um sistema, com o auxílio de um modelo, o que nos permite testar algumas hipóteses sobre o valor de variáveis controladas. As conclusões são usadas então para melhorar o desempenho do sistema em estudo.

Modelos de simulação aparecem sob a forma de jogos de empresa, simuladores de voos, modelos físicos de aeronaves para testes em túnel de vento etc.

Neste trabalho, estaremos interessados em modelos matemáticos cuja complexidade descarta a abordagem por outras técnicas, como o cálculo infinitesimal, programação linear e não linear. Esta complexidade a que nos referimos é introduzida no modelo pela incor‑ poração de situações que envolvem a incerteza. Além disso, a simulação é especialmente indicada para modelos dinâmicos que envolvem múltiplos períodos de tempo.

Ver todos os capítulos
Medium 9788547201814

Abreviaturas, siglas e definições

Rodrigo R. Monteiro de Castro Editora Saraiva PDF Criptografado

Abreviaturas, siglas e definições

ABVCAP

Associação Brasileira de Private Equity &

Venture Capital

AGO

Assembleia Geral Ordinária

Bacen

Banco Central do Brasil

BNDES

Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social

Bovespa

Bolsa de Valores de São Paulo

CADE

Conselho Administrativo de Defesa Econômica

CBLC

Companhia Brasileira de Liquidação e Custódia

CCB

Código Civil Brasileiro

CVM

Comissão de Valores Mobiliários

Eireli

Empresa Individual de Responsabilidade Limitada

FINEP

Financiadora de Estudos e Projetos

FIP

Fundo de Investimentos em Participações

IMAA

Institute of Mergers, Acquisitons and Alliances

IRPJ

Imposto de Renda Pessoa Jurídica

IPO

Initial Public Offering

LBO

Leveraged buyout

Lei n. 6.404/76

Lei das Sociedades por Ações

Lei n. 12.529/2011 Lei Antitruste

Ver todos os capítulos
Medium 9788502616943

Bibliografia

ANDRADE FILHO, Edmar Oliveira Editora Saraiva PDF Criptografado

Bibliografia

AARNIO, Aulis. Derecho, racionalidad y comunicación social. Tradução: Pablo

Larrañaga. México: Fontamara, 1995.

ABBAGNANO, Nicola. Dicionário de filosofia. Tradução: Alfredo Bosi. 2. ed.

São Paulo: Martins Fontes, 1998.

AGOSTINI, Arnaud. Les options fiscales. Paris: LGDJ, 1983.

AJDUKIEWICZ, Kazimierz. Problemas e teorias da filosofia. Tradução: Pablo R.

Mariconda e Regina Correa Rocha. São Paulo: LECH, 1979.

ALESSI, Renato. Instituciones de derecho administrativo. Tradução: Buenaventura Prats. Barcelona: Bosch, 1970. v. 2.

ALEXY, Robert. Teoría de los derechos fundamentales. Tradução: Ernesto Garzón Valdés. Madrid: CEC, 1997.

ALONSO, Félix Ruiz. Holding no Brasil. Revista de Direito Mercantil, Industrial,

Econômico e Financeiro, São Paulo: Revista dos Tribunais, n. 118, 1973.

AMARAL, Antonio Carlos Cintra do. Extinção do ato administrativo. São Paulo: Revista dos Tribunais, 1978.

AMARO, Luciano. Desconsideração da pessoa jurídica para fins fiscais. In: Tributação, justiça e liberdade: em homenagem a Ives Gandra da Silva Martins.

Ver todos os capítulos

Visualizar todos os capítulos