Crie suas própias Pastas

Selecione capítulos de diferentes livros e organize-os em sua própria pasta, de forma simples e rápida. Você pode ainda personalizar a capa e disponibilizar o conteúdo em nossa loja para seus alunos ou colegas.

Educação
Pesquisa
Lazer

Capítulos Selecione um ou vários capítulos para montar sua Pasta

Medium 9788521630395

CAPÍTULO 7 - TRABALHO VIRTUAL

MERIAM, James L.; KRAIGE, L. Glenn Grupo Gen PDF Criptografado

7

Trabalho Virtual

DESCRIÇÃO DO CAPÍTULO

7/1 Introdução

7/4  Energia Potencial e Estabilidade

7/2 Trabalho

7/5  Revisão do Capítulo

7/3 Equilíbrio

7/1 Introdução

Nos capítulos anteriores analisamos o equilíbrio de um corpo isolando-o com um diagrama de corpo livre e igualando a zero as equações dos somatórios de forças e momentos.

Esse enfoque é normalmente empregado para um corpo cuja posição de equilíbrio é conhecida ou dada e onde uma ou mais das forças externas é uma incógnita a ser determinada.

Existe uma classe diferente de problemas na qual os corpos são compostos de elementos interligados, que podem se mover uns em relação aos outros. Assim, várias configurações de equilíbrio são possíveis e devem ser examinadas. Para problemas desse tipo, as equações de equilíbrio de forças e momentos, embora válidas e adequadas, frequentemente não são o enfoque mais direto e conveniente.

Um método baseado no conceito do trabalho feito por uma força é mais direto. Além disso, o método dá um entendimento mais profundo sobre o comportamento de sistemas mecânicos e nos permite examinar a estabilidade de sistemas em equilíbrio. Esse método é chamado de método do trabalho virtual.

Ver todos os capítulos
Medium 9788530980573

Capítulo 19 – Tutela provisória: o direito provável, com ou sem caráter acautelatório ou de urgência

MANCUSO, Rodolfo de Camargo Grupo Gen PDF Criptografado

19

TUTELA PROVISÓRIA: O DIREITO PROVÁVEL,

COM OU SEM CARÁTER ACAUTELATÓRIO

OU DE URGÊNCIA

O CPC/1973 dedicava todo um livro (III – “Do processo cautelar”: arts. 796-889) para regular a judicialização de situações carentes de segurança para pessoas, coisas, situações ou mesmo do próprio processo, apresentando uma parte inicial, em que se previa o poder cautelar geral do juiz, a quem era dado “determinar as medidas provisórias que julgar adequadas, quando houver fundado receio de que uma parte, antes do julgamento da lide, cause ao direito da outra lesão grave e de difícil reparação” (art. 798); é dizer: quando estivesse presente o binômio fumus boni iuris e periculum in mora.

Já agora em face do vigente CPC, alterou-se a estrutura do anterior processo cautelar (“tutela provisória”, na atual nomenclatura), avaliando

Luiz Fux que o legislador, “ao instituir um livro próprio para a tutela provisória e regular os procedimentos específicos, deixou clara a natureza instrumental-processual desse tertium genus, tanto que dispôs textualmente sobre a dependência do processo cautelar em relação ao processo principal”.1

Ver todos os capítulos
Medium 9788520432709

1. Processos de separação e purificação de fármacos

ANDREI, César Cornélio…[et al.] Editora Manole PDF Criptografado

CAPÍTULO 1

Processos de separação e purificação de fármacos

TEREZINHA

DE JESUS

FARIA

Destilação

Noções gerais

A destilação é um método de separação de líquidos misturados com sólidos ou com outros líquidos, baseado na diferença dos pontos de ebulição dos diferentes componentes da mistura. O processo consiste no aquecimento de um líquido até seu ponto de ebulição, fazendo-o passar para o estado gasoso e, em seguida, retornar à forma líquida (condensação) por meio da refrigeração do vapor. O líquido obtido da condensação do vapor é chamado de destilado.

O ponto de ebulição é definido como a temperatura na qual a substância passa do estado líquido para o gasoso, ou seja, a temperatura na qual a pressão de vapor do líquido se iguala à pressão externa exercida sobre a superfície do líquido. A pressão de vapor de um líquido é a pressão exercida pelo líquido sobre a sua vizinhança, resultante da saída de moléculas da superfície do líquido na forma gasosa. O aumento da temperatura provoca o aumento da pressão de vapor do líquido, pois o aquecimento aumenta a energia cinética das moléculas, deslocando o equilíbrio para o sentido de formação de gás. A uma determinada temperatura, a pressão de vapor é constante, sendo normalmente expressa pela altura de uma coluna de mercúrio que produza a mesma pressão. As impurezas podem aumentar ou diminuir o ponto de ebulição, dependendo do tipo de interação existente entre elas e o líquido.

Ver todos os capítulos
Medium 9788584931996

Planejamento estratégico do Poder Judiciário

Conti, José Mauricio Grupo Almedina PDF Criptografado

Planejamento estratégico do Poder JudiciárioJosé Mauricio ContiJuiz de Direito em São Paulo. Professor Associado III de Direito Financeiro na Faculdade deDireito da USP. Mestre, Doutor e Livre­‑docente pela USP. Bacharel em Direito e em Economia pela USP1. Considerações introdutóriasO Poder Judiciário é um dos pilares de sustentação do Estado Democrático de Direito, poder independente da nossa República, responsável por exercer a jurisdição, compondo os conflitos de interesse havidos na sociedade.Presta um serviço público da mais elevada relevância, cuja demanda tem sido crescente, levando o Poder Judiciário a agigantar­‑se como órgão da administração pública, assumindo dimensões que o colocam, nesse aspecto, no mesmo patamar de muitos entes da federação.Tribunais de grandes dimensões, como é o caso do Tribunal de Justiça deSão Paulo, tem orçamento1 e número de servidores que se equiparam a estados como os de Alagoas2, Sergipe3 e Piauí4; superam Estados como Rondônia5 e

Ver todos os capítulos
Medium 9788582712313

Capítulo 13 - Poderes organizacional, político e pessoal

Bessie L. Marquis, Carol J. Huston Grupo A PDF Criptografado

13

Poderes organizacional, político e pessoal

… quase todos os homens conseguem suportar a adversidade, mas quando se quer testar o caráter de um homem, basta dar poder a ele.

—Abraham Lincoln

… “Ser poderoso é como ser uma dama. Se você diz às pessoas que você o é, você não é.”

—M. Thatcher

PONTOS DE LIGAÇÃO

ESTE CAPÍTULO ABORDA:

BSN Essential II: Liderança básica de organizações e sistemas para atendimento de qualidade e segurança dos pacientes

BSN Essential V: Políticas, finanças e ambientes regulatórios de atendimento de saúde

BSN Essential VI: Comunicação e colaboração interprofissionais para melhorar os resultados de saúde dos pacientes

BSN Essential VIII: Profissionalismo e valores profissionais

MSN Essential II: Liderança de organizações e sistemas

MSN Essential VI: Políticas e defesa da saúde

MSN Essential VII: Colaboração interprofissional para melhorar os resultados de saúde de pacientes e da população

Ver todos os capítulos

Visualizar todos os capítulos