Crie suas própias Pastas

Selecione capítulos de diferentes livros e organize-os em sua própria pasta, de forma simples e rápida. Você pode ainda personalizar a capa e disponibilizar o conteúdo em nossa loja para seus alunos ou colegas.

Educação
Pesquisa
Lazer

Capítulos Selecione um ou vários capítulos para montar sua Pasta

Medium 9788582710517

Capítulo 11 - Câncer de testículo

Christina P. Oppermann Grupo A PDF Criptografado

11

CÂNCER DE

TESTÍCULO

Luiz Bruno

?

O QUE É O CÂNCER

DE TESTÍCULO?

75

Câncer de testículo é uma doença em que as células malignas desenvolvem-se no testículo. Com maior frequência, o câncer acomete apenas um dos testículos, mas também pode comprometer os dois (Figura 11.1).

Ducto deferente

Uretra

Testículo

Câncer

FIGURA 11.1 CÂNCER DE TESTÍCULO.

ENTENDENDO O CÂNCER CÂNCER DE TESTÍCULO

72

76

?

COMO A DOENÇA

SE MANIFESTA?

A principal manifestação é o surgimento de algum nódulo ou aumento do volume testicular. Dor não é um sintoma frequente.

77

COMO FAZER O

DIAGNÓSTICO?

?

O diagnóstico final confirmatório só ocorrerá após a retirada do testículo e com o exame anatomopatológico. A

indicação de tal procedimento ocorre quando existe suspeita clínica, por meio do exame físico, imagem e laboratoriais com alta probabilidade da doença.

78

Ver todos os capítulos
Medium 9788582710555

Capítulo 12 - Neuropsicologia do transtorno de déficit de atenção/hiperatividade e outros transtornos externalizantes

Daniel Fuentes; Leandro F. Malloy-Diniz; Candida Helena Pires de Camargo, Ramon M. Cosenza Grupo A PDF Criptografado

12

Neuropsicologia do transtorno de déficit de atenção/hiperatividade e outros transtornos externalizantes

DANIELLE DE SOUZA COSTA

DEBORA GOMES DE MELO S. MEDEIROS

ANTÓNIO ALVIM-SOARES

LUCAS ARAÚJO LIMA GÉO

DEBORA MARQUES DE MIRANDA

Problemas externalizantes são aqueles commantêm sintomas ao longo da vida adulta portamentos “externos” (os quais podem

(Simon, Czobor, Bálint, Mészáros, & Bitter, ser observados de forma di2009). O TDAH é o transreta) que refletem ações netorno mais comum entre os

Problemas externalizantes são gativas no ambiente; são transtornos psiquiá­tricos de aqueles comportamentos “externos” (os quais podem ser comportamentos disruptiinício na infância (Sharp, observados de forma direvos, inapropriados, hiperatiMcQuillin, & Gurling, 2009) ta) que refletem ações negavos e/ou agressivos. Embora e se caracteriza por sintomas tivas no ambiente; são coma maioria das pessoas apremarcantes de desatenção, hiportamentos disruptivos, inasente esse tipo de probleperatividade e impulsividapropriados, hiperativos e/ou ma normalmente de forma de, tendo uma apresentação agressivos. esporádica ou pouco graclínica bastante heterogêve, um grupo particular de indiví­duos os nea. No Manual diagnóstico e estatístico de mantém como característica fundamentranstornos mentais – quarta edição (DSMtal de seu comportamento, constituindo

Ver todos os capítulos
Medium 9788536326184

121 Osteoporose e Prevenção de Fraturas no Idoso

Bruce B. Duncan; Maria Inês Schmidt; Elsa R. J. Giugliani; Michael Schmidt Duncan; Camila Giugliani Grupo A ePub Criptografado

REFERÊNCIAS

PERFIL DE EVIDÊNCIAS

MATERIAL SUPLEMENTAR

Cristina Rolim Neumann

Ângela Jornada Ben

Emilian Rejane Marcon

A osteoporose caracteriza-se pela redução da densidade mineral óssea (DMO) decorrente da deterioração da microestrutura do tecido e consequente redução da resistência óssea e aumento na suscetibilidade a fraturas.1 Não há uma medida exata para a resistência óssea, e a DMO costuma ser utilizada como medida aproximada, representando cerca de 70% da resistência óssea.

Como a distribuição da DMO em adultos jovens é aproximadamente normal, a Organização Mundial da Saúde (OMS) propôs uma definição operacional para perda de DMO baseada no número de desvios-padrão com que um determinado indivíduo se afasta da distribuição de adultos jovens (escore ou valor T). A TABELA 121.1 apresenta as quatro categorias diagnósticas propostas – normal, osteopenia, osteoporose e osteoporose estabelecida.2 Valores de DMO iguais ou inferiores a 2,5 (escore T ≤ –2,5) definem o diagnóstico de osteoporose devido ao alto risco associado de fraturas. Considerando apenas os valores do fêmur proximal, estima-se que 13 a 18% das mulheres acima de 50 anos e 3 a 6% dos homens acima de 50 anos apresentem osteoporose.1,3

Ver todos os capítulos
Medium 9788547222710

9.1. Conceito e Elementos do Negócio Jurídico

LÔBO, Paulo Editora Saraiva PDF Criptografado

Capítulo IX

Negócio Jurídico

Sumário: 9.1. Conceito e elementos do negócio jurídico. 9.2. Negócios jurídicos unilaterais, bilaterais e plurilaterais. 9.3. Outras espécies de negócios jurídicos.

9.4. Requisitos de validade do negócio jurídico. 9.5. Exteriorização da vontade e interpretação do negócio jurídico. 9.6. Representação. 9.7. Condição no negócio jurídico. 9.8. Termo e prazo do negócio jurídico. 9.9. Encargo no negócio jurídico.

9.1.

Conceito e Elementos do Negócio Jurídico

O conceito de negócio jurídico é relativamente recente na doutrina jurídica. Ainda que seu desenvolvimento inicial possa ser atribuído aos jusnaturalistas do século XVIII, deve-se em grande medida aos juristas alemães do século XIX, denominados pandectistas, notadamente no auge da jurisprudência dos conceitos. O direito romano não o desenvolveu, nem os direitos que o sucederam, como o português, no qual predominavam os tipos empíricos. Contudo, a doutrina foi construída mediante abstração dos elementos extraídos do direito romano. No direito brasileiro, seu ingresso se deu em meados do século XX, por influência dos autores alemães e italianos; sua consagração ocorreu em 1975, no anteprojeto do Código Civil atual.

Ver todos os capítulos
Medium 9788547227890

1. O NAZISMO

MALUF, Sahid Editora Saraiva PDF Criptografado

XXX

O ESTADO NAZISTA ALEMÃO

1. O nazismo. 2. O racismo alemão.

1. O NAZISMO

Assim como o fascismo italiano, surgiu o nazismo na Alemanha com o duplo objetivo de combater o liberalismo democrático decadente e de reagir contra a infiltração comunista.

Duas outras finalidades integravam o programa de ação do Partido

Nacional Socialista: desvencilhar a Alemanha das cláusulas asfixiantes do

Tratado de Versalhes e impor a supremacia da raça ariana.

Desenvolveu-se o nazismo à sombra das instituições democráticas, sob a égide da Constituição de Weimar, ascendendo ao poder através das eleições de maio de 1933. A república alemã de Weimar era excessivamente liberal, o que propiciou o rápido desenvolvimento de um partido declaradamente subversivo, totalitarista e revestido de caráter militar.

Aliás, a corrente nazista exaltava as tradições e reunia os expoentes do antigo militarismo prussiano.

Por decreto de 6 de fevereiro de 1933, o governo da federação alemã dissolveu o Landtag (câmara de deputados) da Prússia, província que já se encontrava sob intervenção federal. Consequentemente, o Comissário do

Ver todos os capítulos

Visualizar todos os capítulos